Crônica sobre Política

Cerca de 725 crônica sobre Política

Um dia tentei falar de Politica.
...A ética na politica é um tema amplo a ser debatido, não somente por políticos, mas por toda sociedade. No contexto histórico brasileiro, desde os tempos da colonização, existe um legado em que os principais representantes políticos pertencem a determinada classe econômica. Com efeito, atualmente, a sociedade se ver muito distanciada do meio politico, é não deveria. Outros poucos que são chamados de "rebeldes" ou criam protestos contra o meio de governo muitas vezes são reprimidos socialmente. Pensando nisso, quando se fala em politica, logo, se pensa em um campo de batalha envolvendo diversos grupos e meios sociais. Não obstante, isso cria uma dinâmica com efeito oposto daquele que seria destinado ao bem comum, ou seja, estabelecer padrões de ensino reconhecido globalmente, acabar com a desigualdade social (em âmbito nacional e internacional) e acima de tudo pensar na dignidade humana como um todo...

Leandro Dionizio (Le Dion)
Inserida por LeandroDionizio

Dizem "Política, futebol e religião não se discute."
Que importa que time alguém torça? Religião que professe? Diferente a política, porque a ignorância de milhões leva ao poder político tralhas, corruptos, manipuladores, ditadores, egoístas e corporações!
Política discute-se sim!

Lucy Felix
Inserida por Lucyfelix

Olá a todos eu sei que aqui no grupo tem pessoas mas interadas em assunto referente à política, que está mais por dentro tem um ponto de vista mais apurado e tem uma ideologia formada sobre o assunto.
Então me responde essa lei de que a pessoa não pode E não é obrigado a criar prova contra si mesmo acaba com a lei brasileira aliás acaba com qualquer LEI de qualquer país.
Quem aqui acredita mesmo que o diretor da Odebrecht sabendo que somente sendo louco para mexer com #POLITICOS #corrupto hoje no Brasil porque da noite para o dia ele pode deixar de existir.
Então eu acredito que esse diretor que Foi fazer delação premiada dando tantos detalhes nomes lugares presente valores ele não ia colocar a vida dele em risco apenas por colocar.
Eu só acho que é um disparate os acusados em dizer que são Delações leviana sem tira que eles desaprovam com veemência as #delações E olha que nós estamos falando de um dos diretores de uma das maiores empresas do Brasil e ele sabe que se tudo for #comprovado ele vai pegar muitos anos de cadeia.
Então eu acredito que ele não ia colocar a liberdade ea vida dele nas mãos da Justiça usando de mentira com entendimento que eu tenho de política hoje eu falo com o mais convicção nós população brasileira temos que ir para as ruas impedir que #Rodrigo_janot interfira nas delações premiadas porque nós temos muitos e muitos nomes com provas único jeito do nosso país sair dessa lama vai ser com o nosso apoio.
É agora ou nunca temos filhos sobrinhos filhos de amigos que ainda nao tem como se defenderem de tudo que esta acontecendo eles dependem de nos.
Nos que estamos vendo tudo que esta acontecendo e sabemos que as geraçoes futuras vai sofrer o mesmo ou muito pior, so tem a nos como a #ULTIMA__LINHA__DE__DEFESA

Max Daniel Alves
Inserida por MaxDanielAlves
1 compartilhamento

O país parece realmente perdido, sem rumo, sem direção, não tem amor, nem perdão
Crise política, coisa ridícula, parece natural, mas tudo é imoral, fora do normal
Economia, dicotomia, povo sem riso, sem alegria
Tudo confuso, STF sem voz, justiça sem autoridade, não se respeita nem pela metade aquilo que ela diz, não tem coragem
Congresso, sem representatividade, sem verdade, sem honra nem transparência para fazer o que precisa
Constituição, carta magna da nação, tem sido rasgada, modificada, tudo por eles, nada sem eles, não tem respeito, não tem lei, nem juiz, nem justiça como se diz
O que esperar para o futuro da nação?
Se não colocarmos os pés no chão, votar é coisa séria, não brinque não

José Machado
Inserida por netomachado

A Política deve ser um projeto nunca uma troca

O político que se vale da necessidade do povo oferecendo presentes e ou brincadeiras em épocas de festejos, para conseguir votos, tendo ele a condição de mudar a situação de flagelo deste mesmo povo, promove a corrupção e é tão criminoso como quem mata com uma arma de fogo atirando pelas costas.

Hélio Ramos de Oliveira
Inserida por biohelioramos

Não entendo nada de Política ...
Nada ! ...
Nem de partidos
de guerras
de egos
de egoísmos
de racismo
de indecência
de frieza
de corrupção
de desrespeito
de incoerências
de ganância
de violação....
Não entendo e nem quero entender !
Eu não pertenço a esse mundo
pobre
podre
sujo
desumano
frio
cruel ....
No meu mundo não entra essa Política
de trapaças e muito menos
o que viola os princípios Divinos !
Sou a Favor da Democracia em busca
da paz
da harmonia
da gentileza
da gratidão
da igualdade social
dos Direitos humanos
do Amor ...
E que se faça Ela todos os dias !
Minha Prece sempre será a Favor dos Puros
e daqueles que sem pedir
para sofrerem no mundo ...
Padecem a cada segundo na Miséria e
estão nesse momento
Sedentos por um pedaço
de pão !
O povo brasileiro sofre muito
O mundo sofre muito
á espera de Luz , saídas e solução .
Estamos á mercê de
humanos desumanos e
com um grito mudo
nas mãos !
Precisamos de muita ...
Muita Oração !

Paula Monteiro
Inserida por Paulamonteiro
1 compartilhamento

Conservadorismo NÃO É a doutrina cristã. É apenas uma ideologia política. Dentro dele há espaço para opiniões cristãs, não-cristãs e até anticristãs. Vamos obrigar um conservador judeu a declarar que Jesus é Deus, e expulsá-lo do conservadorismo se ele não quiser fazer isso? Vamos expulsar do conservadorismo todos os ateus? Vamos transformar o conservadorismo na Sagrada Congregação para a Doutrina da Fé?
Quando vão parar de confundir as opções políticas disponíveis com os modelos abstratos de sociedades hipotéticas, ou até com modelos de conduta cristã?
É por isso que não faço nenhuma questão de ostentar o rótulo de "conservador", e me declaro apenas um católico. Quando julgo as coisas pela minha fé, ajo apenas como indivíduo, não como porta-voz de uma corrente ou partido político. Tenho o direito e o dever de fazer esse julgamento, mas não o de dar a ele o alcance de uma palavra-de-ordem partidária

Olavo de Carvalho
Inserida por Rockland

Ideologia regiliosa ou política são as coisas mais degradantes para a mente e espírito de um povo. Homens certos de que somente eles tem o conhecimento da verdade suprema e que o resto do mundo é alienado/estúpido.
Ser convicto significa ter dependências, ser prisioneiro, escravo, terceirizar culpas/problemas/soluções, seja seguindo um líder religioso ou político.
O fanático não pode nunca dizer que pensa e age por consciência própria, pois esta sempre a "vomitar" a programação feita por seu líder. Líder esse que tem uma mente convicta e um espírito doente.
Pense, Liberte-se... seja livre

Emanuel Becker
Inserida por beckerema

Um dos aspectos curiosos da irracionalidade política é que seja o que for que se diga isso é automaticamente interpretado como algo que emana de uma dada posição política, e consequentemente reage-se contra essa posição, ignorando o que efetivamente foi dito.
Este gênero de irracionalidade não permite qualquer tentativa adequada para melhorar as coisas, porque depois de se começar a atacar a posição genérica que se sonhou que a pessoa tem, deixa-se de estudar e discutir o que seria importante fazer para se conseguir um mundo melhor.

Desidério Murcho
Inserida por Ashlon

Fala-se tanto em facção crminosa, mais o crime mais faccioso esta na politica, o que se vê é corrpção, desvio, conduta imoral.
Os o partidos politicos são verdadeiros celeiros de criminosos, entre estes setão: Trafíco de influência, de drogas, assassinatos, sabotagem, ameaças, desmandos, prisões de toda sorte.
Vivemos em uma grande balbúrdia, não existe emquem confiar,
As forças de segurança amedrontadas, as Forças Armadas corrompidas, não é raro o dia que se lê e ouve noticias de Oficiais de arma envolvido em corrupção, ora é pna blindagem de carro, liberação de armas e explosivos, compras superfaturadas de equipamentos e assim por diante.
Por fim vivemos não só uma crise financeira, mais também uma crise ética, moral e institucional.
ACABOU A MORAL INSTITUIU A ZONA GENERALIZADA.
NÃO EXISTE PODER QUE NÃO TENHA PREÇO.
NÃO AUTORIDADE QUE NÃO POSSA SER COMPRADA, SEJA CIVIL OU MILITAR, ESTA É A NOSSA DURA E TRISTE REALIDADE.

Don R.SSoares
Inserida por rubens357

Qualquer política de refugiados que dificulte a entrada de árabes nos EUA é ainda muito melhor e muito mais humanitária do que as ações dos países do Oriente Médio em relação aos estrangeiros.
Toda indignação contra o governo americano nesse ponto, sem a imediata e ostensiva denúncia do que fazem os governos islâmicos do outro lado, é só diversionismo e fingimento.

Fabio Blanco
Inserida por Ashlon

A verdadeira REFORMA POLÍTICA que precisamos é a seguinte: Cargo público tem que passar a ser uma bucha tão grande, um risco tão alto e uma "profissão" tao mal remunerada, que irão faltar partidos e candidatos...e que se eleitos forem, certamente não desejarão ter um 2° mandato...

Ariel 23/09/16

Ariel de Sousa
Inserida por arieldsousa

Como muitos já sabem , se tem um assunto que gosto e procuro entender é POLÍTICA E POLÍTICAS PÚBLICAS NA TRANSIÇÃO DEMOCRÁTICA.
Estamos na reta final de uma eleição...
Hoje questiono , porque como gosto muito de política , acho engraçado que quando vamos buscar por um emprego , exigem um currículo com vasta experiência...
E para ser candidato ! Eu pergunto qual a experiência de vocês em relação a " Política Pública? "
A política é como a perfuração lenta de tábuas duras. Exige tanto paixão como perspectiva. Certamente, toda experiência histórica confirma a verdade ─ que o homem não teria alcançado o possível se repetidas vezes não tivesse tentado o impossível. Mas, para isso, o homem deve ser um líder, e não apenas um líder, mas também um herói, num sentido muito sóbrio da palavra. E mesmo os que não são líderes nem heróis devem armar-se com a fortaleza de coração que pode enfrentar até mesmo o desmoronar de todas as esperanças, ou os homens não poderão alcançar nem mesmo aquilo que é possível hoje. Somente quem tem a vocação da política terá certeza de não desmoronar quando o mundo, do seu ponto de vista, for demasiado estúpido ou demasiado mesquinho para o que ele lhe deseja oferecer. Somente quem, frente a tudo isso, pode dizer "Apesar de tudo!" tem a vocação para a política."

Goretti Stravini
Inserida por GStravini
1 compartilhamento

O desinteresse da população em relação à política existe porque somos influenciados por valores individualistas, imediatistas, consumistas, e também por sermos herdeiros de uma cultura de não participação política, devido o processo histórico de colonização. Esses fatores que desmobilizam a participação política geram resultados catastróficos para toda a sociedade, pois quando não há cobrança da população, há um aumento da corrupção, desencadeando assim a falta de recursos públicos para as diversas áreas, como: a saúde, habitação, educação, segurança, transporte; de modo geral a qualidade de vida diminui. É a própria população que é afetada pela falta de interesse na política, e isso não é percebido pela maioria das pessoas. Enquanto não enxergarmos que as consequências desse desinteresse nos atingem diretamente, não poderemos mudar esse quadro.

Quais são os meios para mudar essa realidade? Sem uma mudança de consciência, isso não será possível. E a transformação começa pela Educação. Entenda-se educação numa concepção mais ampla onde envolvam: a educação escolar, familiar, formação sindical, estudantil, as igrejas, etc. Esses espaços públicos devem incentivar a participação, o envolvimento e o acolhimento das ideias debatidas no interior dessas instituições. E, além disso, proporcionar uma integração entre a sociedade civil organizada com o poder público; realizando aquilo que o filósofo Rousseau denominou de democracia participativa ou democracia direta. Em outras palavras, os políticos acolhem os anseios da população por meio de audiências públicas, assembleias deliberativas, referendo ou plebiscito.

Devemos entender que a participação política não se limita a essas instâncias ou ao voto apenas. A cobrança e a participação devem se tornar um hábito presente na sociedade. Mas isso só poderá se concretizar quando a mídia tornar-se democrática, abrindo espaços para que as TVs e rádios comunitárias possam mostrar as necessidades das “minorias” excluídas e marginalizadas. Mas enquanto a mídia tradicional estiver com o monopólio da informação, não haverá incentivo à participação política, pois a mesma é financiada por grandes corporações que visam interesses individuais e que entram em conflito com o interesse da maioria da população.

Uma nova tendência que temos percebido é a utilização das redes sociais, que é um instrumento democrático, que é também utilizado visando à conscientização e a exposição dos problemas sociais. Quando evidenciamos as situações precárias e compartilhamos nas redes sociais, isso possibilita que milhares de pessoas tenham acesso de modo imediato, gerando uma indignação geral, e também possibilita a cobrança de atitude por parte das autoridades competentes, como a organização de passeatas ou protestos como temos visto no primeiro semestre do ano passado.

participacao politica Além dessas medidas, devemos urgentemente fazer uma reforma política que, sobretudo, reveja o financiamento de empresas nas campanhas eleitorais. Isso faz com que o Estado fique refém das empresas financiadoras, favorecendo-as em licitações, gerando superfaturamentos e propinas. Assim sendo, a política se reduz a uma troca de favores entre políticos mal intencionados e empresários ambiciosos buscando o lucro a qualquer custo, e como consequência desse ato imoral e ilegal é a falta de investimentos nas áreas sociais.

Segundo Aris-tóteles, a verdadeira política deve ser pautada na busca do bem comum. Mas segundo Platão, somente o sábio, conhecedor da legislação e da filosofia, poderia governar. Como ele é conhecedor da justiça, seria capaz de aplicá-la. Mas, sabe-se que apenas conhecer a justiça não garante que o politico seja justo. Nesse sentido, Aristóteles acreditava que primeiramente o político deveria ser amigo, para somente depois ser justo. Assim sendo, devemos educar as pessoas para serem amigas, pois nunca somos injustos com os amigos. Percebe-se uma relação entre a ética e a política para superarmos os problemas atuais.

Tentar perceber essas características nos candidatos que concorrem às eleições nesse ano de 2016 ajudarão a filtrar e a selecionar bem os futuros eleitos. Mas não podemos acreditar que somente a amizade ou o conhecimento fará de um candidato ou político alguém competente, que lute pelo bem comum. O processo de mudança é lento e gradativo, pois a maturidade de uma nação é muito mais lenta que a conscientização individual. O que não podemos perder é a necessidade de acreditarmos que um futuro melhor só poderá existir se hoje acreditarmos que ele será possível amanhã. Se não forjarmos o impossível, jamais atingiremos o possível.

Goretti Stravini
Inserida por GStravini
1 compartilhamento

NÃO DEMONIZE A POLÍTICA
É fato que temos políticos que agem como se fossem demônios da corrupção e da falta de respeito para com a coisa pública, no entanto temos demônios semelhantes em outras áreas de atuação na sociedade. Assim, separemos o joio do trigo e pratiquemos a boa e séria política, possível às pessoas de boa vontade.

Javan Ferreira
Inserida por Javan

"A política é a ciência da liberdade." Pierre-Joseph Proudhon.
A política não é ruim, nem perversa! A política é o reflexo de uma sociedade, assim como o homem ela é um produto do meio. Concordo plenamente que se deve haver uma reforma política no nosso país, mas, se não houver também uma reforma de consciência eleitoral não vai adiantar!
A política só será libertadora quando a sociedade estiver liberta! Enquanto estivermos corrompidos, presos à ignorância, a alienação e ao desinteresse político, teremos governantes corruptos, ignorantes e que usam a política para nos alienar cada vez mais!

Bertha Amaral
Inserida por Pensaphant

Confundindo Política, Religião e Fé.
Em um estado de direito adquirido e respeitado o cidadão comemora o segundo maior dia dos milagres, uma espécie também de comércio de medalhinhas milagrosas em dias santos, assim também o crescimento da laicidade como direito constituído. Se os homens produzissem grãos com metade do tempo em que produzem fé, e se a política não tomasse parte da distribuição das sementes, seria suficiente para acabar com a fome no mundo. Todas as desgraças são necessárias para o sustento do egocentrismo dos poderes supremos: “religioso e político”.
As desgraças bem como as vinganças de Deus fundamentadas e apoiadas pelo clero, e as guerras promovidas pelas grandes potências políticas apoiadas pela ONU são necessárias e inevitáveis. Salve-se quem puder! Para todos os eventos há um Deus amenizador da psique humana. Em um mundo já formado talvez por si só, o homem é um produto evolutivo pelos meios naturais, responsável pelos seus erros, pelos efeitos que causar, também por suas virtudes e pelo Deus que confiar. Humanos são seres pensantes que dependem das desgraças diversas, lidam com coisas abstratas que alguém o idealizou para sua realidade existencial. Sendo como um serzinho de tamanha pequenez a dar causas a concepção de mundo. De grande vontade de poder egocêntrico. Seu comportamento pode ser manipulado modificado nas condições de humano/desprezível independente da grandeza da sua fé ou da quantidade de grãos que produza.
Para um entendimento irônico diz-se: Produza fé porque alimenta mais que grãos; produza ouro porque alimenta mais ervas; produza castelos e altares porque abriga mais que celeiros; produza rituais fúnebres e ofegantes porque deve amenizar mais que analgésicos. Deus produza humanos sem características humanas, que sejam seres aceitáveis entre sua própria espécie, capazes de dirimir as guerras e as fomes.
Amauri Valim.

amauri valim
Inserida por amaurivalim
1 compartilhamento

João não é da política, por isso, também não é de ficar brigando com as pessoas.

João só quer servir à nossa cidade com amor, humildade e dedicação.

João não quer ser exemplo para ninguém, João apenas quer deixar uma boa lição de Administração Pública e mais, dar assistência aos menos favorecidos, ou seja, aos mais pobres.

João não precisa de salário de Prefeito, João tem todo o dinheiro que precisa para viver.

Magogago
Inserida por magogago

Quando um governo vai bem não precisa de muita propaganda política, pois o povo, que recebe as ações, é a principal testemunha.
Governo que investe muito em propaganda é sinal de que não vai bem ou que tem outros interesses em jogo, como permanência no poder ou mesmo abafamentos de más notícias sobre si.
A principal propaganda de um governo é a sua ação.
Há muita discrepância entre o que os políticos dizem fazer e o que de fato fazem.
Palavras quando não acompanhadas da ação correspondente é pura mentira.
Governo bom é governo ético.

Pr. Gersé Jordão da Silva
Inserida por PASTORJORDAO

POLÍTICA SUJA

Enganosos, corruptos, abutres da celulose mística do poder.
Nações são condenadas à destruição
por ambições decorrentes às suas glórias.
Ações e firmamentos a uma única prova: "Força absoluta."
(Miseráveis do bem, e anjos do mal)
Que fosse a honestidade e a tolerância
o trabalho de todos os homens que governassem o mundo.

Dolandmay Walter
Inserida por acessorialpoeta