Poesia sobre a Seca no Nordeste

Cerca de 146 poesia sobre a Seca no Nordeste

PORTO SECO!

No sertão a seca assola
arde a pele e fere o peito
vive a beira da degola
ainda sofre preconceito
sem saúde e sem escola
não precisa de esmola
mas carece de respeito.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

IDA!

A seca é um agouro
acaba tudo que se investe
racha a terra, mata o touro
e a esperança que me reste
pego o meu gibão de couro
e vou deixando meu tesouro
que é viver no meu nordeste.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

OLHOS FECHADOS!

O nordestino sofre tanto
com seca, fome e pobreza
um pote seco no canto
um prato vazio lá na mesa
e o preconceito no entanto
não sabe a dor desse pranto
e zomba na nossa tristeza.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

RÉDIA CURTA!

Pode ser grande ou franzino
nem na seca ele se rende
o trabalho é um ensino
que pouca gente compreende
e assim segue o destino
quem mexe com nordestino
cedo ou tarde se arrepende.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

O Nordeste acostumado com o sofrimento da seca apenas lamenta, vejo o sofrimento da cidade grande com a escassez de água. A natureza prova a cada dia que somos todos irmãos e passamos pelas mesmas adversidades.

Reinaldo Vasconcelos Pereira
Inserida por ReinaldoVasconcelos

Bonito mesmo é ver os galhos secos da caatinga ganharem contraste em meio ao céu negro iluminado pela veracidade de um raio.Bonito mesmo é sentir o cheiro de terra molhada, ver a casa cheia de sujeira que cai das telhas de cerâmica, ouvir meu avô tocar violão depois de tanto tempo, isso indica a alegria dele, bem sabe que diminui a preocupação dele.Isso me anima, isso anima qualquer nordestino. É o sinal que a chuva deve estar no local que a muito não visitava... E que a seca vá para o mesmo local que é mandada a escuridão na presença de luz

Mayke Alencar