Coleção pessoal de marialu_t_snishimura

141 - 160 do total de 309 pensamentos na coleção de marialu_t_snishimura

Ao pensador a quantidade é uma métrica irrelevante, visto que, a medida não determina qualidade!

Maria Lu T S Nishimura

Quando o silêncio tomar sua boca, vigie sua alma, pois seu pensamento ecoa e transparece.

Maria Lu T S Nishimura

É primavera

É primavera então deixe florir,
que as pétalas abrochem...
para desabrochar e colorir
mudando assim toda paisagem!

Flores são sorrisos da natureza
e a primavera uma gargalhada!
E é nesta felicidade da beleza,
que a vida se vê orvalhada!

Então, que as flores vire canção
e a alegria sempre floresça
não somente numa estação,

mas, no inverno de um coração
porque o frio é apenas uma peça
e a flor um amor a florir na estação!

Maria Lu T S Nishimura

Ao meu esposo com amor

Meu esposo é único e verdadeiro amor,
que a todo momento está comigo,
me protegendo, me amando com ardor
e sendo também sempre meu amigo...

Todos os dias me enche de carinho,
mima- me de cuidados e respeito,
mas em se tratando de amor no "ninho"
ama-me másculo, no ímpeto perfeito!

Nesta Bodas de Prata tudo se ata
pois, nossa união é todo esse tempo
porque o laço entre nós nunca desata!

Nossa união é envolta de verdade
e nosso filho tudo isso completa,
pois, o filho é o elo desta felicidade!

Maria Lu T S Nishimura

Bodas de Prata

Nesta data tão festiva
os anos nem passou...
ainda ontem eu a noiva,
que contigo se casou!

Mas, já são vinte e cinco
e nossas bodas chegou...
mas, perece que são cinco
porque o tempo não passou,

pois amor puro e verdadeiro
não envelhece, solidifica...
e um e o outro se tornam únicos!

No casamento há desentendimento,
ás vezes, rola até uma briguinha...
mas, se é puro, o amor fica no peito!

II

E é assim que o amor vence!
Companheirismo, respeito
é um elo que no dia a dia se tece,
e a paixão, o fogo acende no leito...

A compreensão é fundamental;
A cumplicidade é consequência
da união e do amor entre o casal,
regado com carinho e paciência!

Afinal casamento é compromisso
de um casal que se ama muito
e nos amamos e sabemos disso!

Não precisamos vangloriar no peito,
tentado provar e mostrando tudo isso,
pois, no amor, temos o nosso jeito!

Maria Lu T S Nishimura

Amo tanto a virtude, que visto - a com a elegância do caráter, a postura da ética, o zelo da bondade,
a suavidade da serenidade, a excelência da sabedoria, a simpatia da humildade e ainda assim se enudece em mim, singelamente nua.

Maria Lu T S Nishimura

Feliz é aquele que encontra o caminho por onde seguir e segue, convicto de que está no caminho certo, porque assim sabe que o seu destino já está traçando.

Maria Lu T S Nishimura

Se um homem e uma mulher se casam e decidem com convicção de que não querem ter filhos, por razões e mais razões que imaginam ser relevante, é que ainda são namorados legalizados e filhos na imaturidade de serem pais!

Maria Lu T S Nishimura

Um soneto à Platão

Se conheço a mim mesma,
deveras que és por ti Platão
que fizeste - me a razão d'alma,
meu ímpeto e minha emoção!

Não fujo ao que me faz sabia,
se em tudo há racionalidade
do que argumenta a filosofia,
em mim um resto de vaidade...

porque se conheces o que tu és
reconhecerei em mim o que sou
ás margem da razão que me fez!

Só assim a liberdade de que falou,
em mim apraz - me ser sem revez,
pois, de ti, fiz de mim o que sou!

Platão foi um filósofo e matemático do período clássico da Grécia Antiga, autor de diversos diálogos filosóficos e fundador da Academia em Atenas, a primeira instituição de educação superior do mundo ocidental.

Maria Lu T S Nishimura

O amor que vivo é a reciprocidade de um tempero, de uma palavra e de uma cama quente!

Maria Lu T S Nishimura

O estômago é o grande mestre da saúde, se você o respeita, ele te dará a elegância de um corpo saudável.

Maria Lu T S Nishimura

A relevância da fama após a morte demonstra que a vida não é medíocre, mas a oportunidade o é!

Maria Lu T S Nishimura

Enquanto vejo o vento fazer a folha balançar, penso se estou no movimento feito a folha ou feito a ordem do vento!

Maria Lu T S Nishimura

A vida é um eco, ecoe!

Maria Lu T S Nishimura

Pista da vaidade

Por qual caminho vou,
pra deixar meu rastro?
Se a via me encantou
e nela me alastro...

De certo que se vejo,
é real ou será montagem!
Por meu real desejo
torço que não tenham coragem...

de tanto engano de vista,
fica como espanto em verdade,
pois, se há gosto, há conquista!

Nestes termos assim a vaidade,
pode ser da própria pista,
porque põe rastro na liberdade!

Maria Lu T S Nishimura

Ao se reunir entre duas pessoas, não fale de uma terceira e assim sucederá em quantidade e ordem, em que vale o mesmo princípio!

Maria Lu T S Nishimura
1 compartilhamento

Falta amor no mundo...acrescente!

Maria Lu T S Nishimura

Confia

Sou a luz a iluminar o seu caminho, confia, confia..
Sou a paz a fazer morada no seu coração, confia, confia...

Levante as suas mãos, abra o seu coração,
sou as preces de Jesus em suas mãos!

Confia...confia...confia...

Sou a luz a iluminar o seu caminho
você não está sozinho,
levante as suas mãos
sou as preces de Jesus, no seu coração!

Confia...confia...confia...

Eu sei que o mundo é complicado,
que o homem é cheio de pecado,
mas eu te ofereço, o meu perdão!

Levante as suas mãos
sou as preces de Jesus, no seu coração!
Você não está mais sozinho,
sou a luz, a iluminar o seu caminho.

Confia...confia...confia

A vitória em suas mãos
já não é mais ilusão
sou as preces de Jesus no seu coração!

Confia...confia...confia...

Maria Lu T S Nishimura

Um soneto à Leonardo da Vinci

Pero meu caminho desta vida
tropecei nas pedras de Drumond
e cai nas raias da poesia resumida
dizendo sim, contra o mundo de não!

Foi assim que também pela pintura vi
os tropeços de alguém que sonha
e me apaixonei por Leonardo da Vinci,
pois na sua arte o mistério se compunha!

No mistério enigmático de sua pintura
retratado na famosa obra de Mona Lisa
pôs-me curiosa a quiçá da estrutura...

do que leva o enigma e o mistério à arte
está também a suavidade e a beleza:
pincéis de Da Vinci, letras de minha parte!


Leonardo di Ser Piero da Vinci, ou simplesmente Leonardo da Vinci, foi um polímata nascido na atual Itália, uma das figuras mais importantes do Alto Renascimento, que se destacou como cientista, matemático, engenheiro, inventor, anatomista, pintor, escultor, arquiteto, botânico, poeta e músico.

Maria Lu T S Nishimura

O encanto derramou um pranto e inundou um rio que ficou todo encantado!

Maria Lu T S Nishimura