A Folha de Outono

Cerca de 374 frases e pensamentos: A Folha de Outono

Trilhas da Vida

Trilha de folhas caídas,

Pelo outono vencidas,

Que acolhem meus pensamentos,

São os caminhos de agora,

Sem as delícias de outrora,

Onde sigo a passos lentos...



Na trilha das folhas mortas

Minha alma bate às portas

Da crença e da esperança...

Agarra-se, agonizante,

Ao desejo de um instante

Deter o fim que avança...



Na trilha das ilusões

Despedacei corações,

Mas perdi muitos também...

Ficou a melancolia

Que invade e inebria

Esse fatal vai-e-vem...



Ilusões, folhas caídas,

Chances válidas, perdidas,

Apelos da mocidade...

As lembranças andarilhas

Vão pisando pelas trilhas

Da inevitável saudade

DESCONHHECIDO
Inserida por zacum

Embaixo dos contorcidos galhos secos
da árvore toda desnuda das folhas secas,
levadas pelo outono...
arrastadas pelos ventos...

E em um galho mais alto, uma única folha seca
reticente e presa...
Na tentativa de se manter ainda pelo pouco de verde
que ainda lhe resta na haste, prender-se...
até a chegada da primavera...

Mas, ainda temos um inverno...

Numa manhã a folha sumiu... seguindo o vento...
Cumprindo o eterno ciclo da vida...
Que a todos, tanto nos apreende...
com o inopinado...

Apenas nos entregar e nos deixar ir...
fazendo parte de todo um ciclo,
que por mais que queiramos...
chega uma hora que nos leva o tempo...

Uma senhora de 97 anos, cabelos branquinhos...
e com um sorriso de tempos...

mfpoton
Inserida por mfpoton

Prata e ouro, e está ficando frio
Folhas de outono caem tão numerosas quanto ladrões
Arrepios descendo sua espinha, arrepiando você até os ossos
Porque o vento é a melodia que transforma seu coração em pedra
O calor da sua respiração esculpe sombras na névoa
Todo anjo tem o desejo de que ela nunca tivesse sido beijada
Um sonho destruido, assombrando seu sono
Escondido em seu sorriso, um segredo que você precisa guardar, o amor te cortou fundo

Amor quebra as asas de uma borboleta numa roda

Não há cor em você, isto é injusto para mim
Claro tem me dividido, você não pode envolver seus braços em uma memória
Tome calor de mim, ventos frios de outono cortam como uma faca
Mas na escuridão, você é a chama da vela que treme para a luz para mim

Amor quebra as asas de uma borboleta numa roda
Amor irá quebrar as asas de uma borboleta numa roda

Um homem sábio disse que tudo é justo no amor e na guerra
E não há certo ou errado no desenho do amor
E eu poderia somente assistir como o vento arranca suas asas
Quebrando e rasgando, esmagando como uma flor sob a neve
e como uma flor na primavera, o amor irá nascer novamente para curar suas asas

Amor cura as asas de uma borboleta numa roda
Amor curará as asas de uma borboleta numa roda

não sei
Inserida por Thel
1 compartilhamento

De acordo com os mapas, as folhas de outono seguem para o sul...

Marisa Queiroz
Inserida por Marisaqueiroz

Torna-se Outono
Amor é estadias dentro de um corpo
ele está mudando muito
como as folhas
ao cair no solo
como uma carícia ...
Como se você me toca
com seus olhos.

Roberta Thornton
Inserida por RobertaThornton

Agora percebo porque as folhas caem no outono, é porque elas são obedientes ao seu fiel jardineiro - Deus !

Roger Freitas
Inserida por rogerfreitas

Lied

Tal como a luz de outono, a voz grave, entona, e como as folhas soltas, vai, voa com a brisa, alcançando os ouvidos e os corações daqueles que desta estação só possuem o frio

Luiza Prado
Inserida por anaci

Diga-me uma história de amor..
no final do outono,
Quando em folha cor de ouro cai
E reflete no lago na lua cheia,


Quando o céu sombrio, com cinza claro,
Muda anunciando a tempestade.


Mudanças...
Sem eira e nem beira
ora chove, ora faz sol
loucuras do outono partindo e a primavera
chegando.


Conte-me sobre a forma da noite escura
Na solidão do apartamento sombrio e
estranho


Ironia ouço uma canção de amor
que parece anunciar uma profecia ...
É o hora da partida..


Diga-me uma história de separação,
A amargura da harmonia perdida.


Como se já sentindo saudades no adeus
O Sufoco, agonia ...


Diga-me uma história de amor no frio do inverno,


E irá amaldiçoar a distância,
A Ancia da chegada.

O telefone um dia considerado santo,
Hoje é amaldiçoado como louco e insano
que só tocava...hoje está mudo.


Na verdade fui eu quem o silenciou.


Diga-me uma história de amor...me diga!
Um conto do amor perdido ...


Onde ela está agora, em que lugar?
Acho que tudo foi um sonho
e que também passou..
Como a primavera na chegada do verão..!

+sonia solange da silveira Ssolsevilha

Sonia Solange da Silveira ssolsevilha Poetisa do Cerrado
Inserida por ssolsevilha
1 compartilhamento

o outono está no fim. caíram as folhas, os cabelos, as saias. logo o ar impassível desabará sobre nós e o vento cortante rasgará nossas fibras. as lãs sairão dos armários e os jeans se misturarão a botas, luvas e capas. as gentes esconderão o corpo, às vezes com elegância e dignidade, às vezes com extravagância e agrura.

Adriana Sydor
Inserida por Sydor

Como uma folha que se desprende
Da árvore e cai lentamente
no derradeiro dia do outono.

Deixa-me ir pela correnteza do rio..
Deixa-me seguir meu destino.

Enquanto posso para que
Nasça um robusto broto
e floresça uma penca de flores.

Que se transforme em sementes
E que estas sementes enfim germinem.

Enquanto estiver presente nesse mundo..
A primavera chegará florescendo.

E no lugar nasça uma floresta
Onde um dia eu existi.


...

Sonia Solange da Silveira ssolsevilha Poetisa do Cerrado
Inserida por ssolsevilha

VALSA DA ESTAÇÃO

OUTONO NO PARQUE
AS FOLHAS DANÇAM NO CHÃO
AO SOM DE UM VENTO.

Daniel Brito
Inserida por DanielBrito41

"OUTONO DE LETRAS"


Línguas de outono, arvores despidas folhas no chão
Escrevo palavras em forma de letras
Com o desejo do vento, que quer as folhas no chão
Gravo as palavras nas rotas dum livro, que quero navegar
Dito as cartas de uma cartografia doce da minha alma
Letras engarrafadas de teu amado corpo
Mar de gestos subtis nas ondas de ti em mim
Desejo-te como as raízes secas a pedir chuva no verão
Outono eterno, corpo desmaiado na memória das águas do passado
Eternos namorados nos vendavais das palavras que se cruzam
Nos teus dias e nos meus, onde não existe cegueira
Apenas sussurros, gemidos de desejos
Palavras sobre a língua do vinho fermentado
Suspiros recolhidos com o teu sorriso..
Rosmaninho doce do teu beijo, licores feitos com o nosso amor
Que bebo e de ti resguardo ainda as promessas por abrir..
Outono de línguas em forma de letras escritas no nosso pensamento
Letras engarrafadas que o vento deseja todas as folhas das árvores no chão!

Isabel Morais Ribeiro Fonseca
Inserida por IsabelMoraisRibeiro

O outono é o tempo em que as árvores libertam suas folhas para aprenderem a voar.

Andre Saut
Inserida por andresaut

E se seu motivo pra ser feliz
É não precisar de motivo pra ser feliz
Folhas caem no outono
Por isso minha felicidade fica na raiz

Kayo Andrade
Inserida por KayoAndrade

Que as folhas deste outono, adubem, contornem e afofem o caminho por onde sigo.

ValRafaeli
Inserida por ValRafaeli

Haikai


Outono
As folhas que caem
Viram haicai?

Sandro Sansão da Silva Costa
Inserida por SandroCosta

Outono


Uma folha no ar
Sozinha prossegue
Sopro de liberdade


Sopro de liberdade
Uma folha no ar
Sozinha prossegue


Sozinha prossegue
Uma folha no ar
Sopro de liberdade

Sandro Sansão
Inserida por SandroCosta

Como folhas de outono nossos cabelo mudam de cor, caem sem que percebamos que a vida seguiu seu curso. A primavera eterna se aproxima, não há tempo de florir de novo.

Edna Frigato
Inserida por ednafrigato

Bom Dia

O amanhecer chegou de mansinho como folhas de outono ao vento, sutil como as cores da aurora abriu a cortina do dia.

Edna Frigato
Inserida por ednafrigato

Outono chegando
As folhas caindo
O calor se esvaindo
Um novo ciclo começando

Juliana Rossi Cordeiro
Inserida por julianarossicordeiro