Coleção pessoal de RoseBona

1 - 20 do total de 889 pensamentos na coleção de RoseBona

Enquanto

... enquanto pingos de chuva
caem no telhado
formando melodia,
a brisa que vem da janela
... me abraça
... me envolve
... me inspira
... me leva para longe em pensamentos

O momento
é mágico
na chama do amor

O instante
é único
para marcar o coração
e eternizar a saudade

A distância
deixa de existir
... encontro-me em você
e pra você.

Rose Bona

Sentimento mútuo

Aproxima-se a noite
juntamente com súbitas lembranças
que atormentam enquanto
espero-te,

não demorado momento
encontramo-nos,
teus olhos fixos aos meus
parecia unidos como imã e
enquanto um instante mágico
revelou-nos

num toque envolvente,
mãos entrelaçaram-se com
suave paixão.
Seria real? ou, apenas
fragmentos de sonhos, ou ainda
um misterioso segredo
escondido por trás do semblante?...

sem hesitar
nossos corpos uniram-se enquanto
um calor agradável percorria por dentro,
enfatizando ainda mais a
cumplicidade que o
destino nos reservara.

A noite parecia sem fim
... sorrimos,
certos de que havia
um sentimento mútuo;
... nos braços um do outro adormecemos.

Rose Bona

Nostalgia

... um olhar através da janela
era tudo naquele momento
para ver a beleza do cair da tarde,

o sol caindo no horizonte
tingindo o céu de vermelho,
a textura das cores misturava-se
aos pensamentos confundindo-os

... passivamente,
contemplei o tempo que com ele ia
lentamente se juntar à noite.
Ao ecoar o seu silêncio
percebi que era preciso
fugir da solidão,

recolhi-me no meu absoluto silêncio;
na companhia de uma taça de vinho e
na poesia que me escrevestes.

Reportei meus mais íntimos
sentimentos no infinito espaço e
no enlevo de boas recordações,
suavemente senti uma alma
capaz de me abraçar.

Rose Bona

Sonhando

... sonhos refletidos da alma
desenhados ao céu cor púrpura
sentidos no tempo, ao vento, no espaço

não imprecisos
apenas distantes
onde, o céu esconde e
as nuvens movimentam

... sonhos contidos
até que chegue o
remanescente momento
de serem revelados

sonhos por enquanto guardados,
em espera

cala a noite
adormece impiedosa ansiedade e
no silêncio absoluto
no meu sonho és tu
o despertar que me acaricia

no despertar,
regresso aos teus braços sonhando.

Rose Bona

Inevitável desejo

Inquietantes diante
um do outro

Um desejo mais forte do que
uma simples atração cresce
dentro do peito, como se
uma tênue linha estivesse tecendo
uma corrente entre dois corações

Irrevogavelmente unidos
... um abraço súbito
... um beijo veemente
... um desejo mútuo
dois corações batendo de uma
maneira desconhecida

Seduzidos e incapazes de
resistir ao sabor da paixão;
uma mistura perfeita de
loucura e magia que
entorpece
enlouquece
alucina
leva-nos ao êxtase

... inexoravelmente
uma paixão profunda domina nossos corações.

Rose Bona

O amor que conduz

Sob a lua que nos vigia,
na calmaria da noite
que nos envolve;
deixe o teu olhar
repousar no meu.

A noite ainda é longa
... não se precipite
sê em mim parte
que me completa e
seremos mais que apenas
um sonho;
seremos a essência que sonhamos.

Nas nuances
da noite que ilumina,
na penumbra
do caminho que seguimos,
na ingênua luminescência
reflete o amor.

... surpreendentemente
no mesmo abraço
desfez-se toda ilusão;
onde o sonho tornou-se real
o pensamento se fez verbo
o encontro sempre acontece
o amor nos conduz e as estrelas nos guiam...

Rose Bona

Refúgio...

O sol já estava se pondo, quando resolvi andar pela praia.
... andando, perambulando, vagueio desenhando caminhos na areia.

O mar sempre me deixa fascinada!

Parada na beira da água, as ondas fracas batendo nos tornozelos, fez-me sentir tranquila, livre e à vontade.
A brisa fresca acariciou a pele,
o murmúrio das ondas convidou-me para um mergulho no mar quase no mesmo momento em que o sol se pôs.
Por algum tempo o céu se transformou numa imensa tela rubra e dourada, enquanto, a sensação de harmonia com o Universo acolheu-me.
Logo,
a lua surgiu, era hora de voltar
... caminhando pela areia morna
estava apenas à metros de distância para chegar em casa.
Sentada à sala
senti-me inquieta percebendo-me observada;
voltei meu olhar para a janela com pensamentos longe,
regressei na calmaria do mar dormente e por longas horas mergulhei em teus oceanos.
Há estrelas e sonhos em toda parte que nos persegue e nos une com insistência.
Abre-se as portas de nossos anseios e encontramo-nos libertos de toda tempestade,
desfez-se o tempo e a distância entre nós.
Agora;
sê em mim e eu serei em ti
cúmplices de nossos refúgios, onde juntos, poderemos ser tudo.

Rose Bona
1 compartilhamento

Sem olhar para trás

Através do pôr-do-sol
me dirijo sem olhar para trás.
Quero vencer o abismo,
atravessar as barreiras do medo,
navegar no oceano do tempo,
enfrentar o vento do mar.

Através do vento e da chuva
me dirijo sem rumo, sem olhar para trás.
Quero libertar a alma,
abraçar a tempestade,
vencer o trovão que ruge,
vencer a escuridão da noite;
sem pressa de chegar.

Como uma águia, quero voar e tocar o céu
na infinita jornada pelo espaço,
quero tocar as estrelas,
sair desse mundo de medo...

em silêncio; apenas sigo,
os sonhos do paraíso

... tenho sede de mim,
tenho sede do infinito.

Rose Bona

Despertos em sonho

... vesti-me de sonho
para estar junto de ti
saciando a tua busca,

na mesma sintonia
do nosso querer e estar,
ao longo de nosso silêncio
em harmonia indescritível
nossas almas acolheram-se,

despertos em sonho
em sintonia
corpos e almas bailavam em nuances
no mesmo espaço

... a fria madrugada
testemunhou
a sedução envolvente
do nosso amor.

Rose Bona

Na tua ausência a saudade me abraça.

Rose Bona

A Solidão... minha companhia

... mais um dia que termina
mais uma noite que se aproxima.

Com o olhar perdido, no jardim todo iluminado com refletores estrategicamente distribuídos entre os arbustos,
era possível notar a solidão trazida pela brisa do vento.
Embora a casa irradiava luminosidade pelas janelas abertas, faltava apenas alguém para dividir as alegrias e as tristezas do dia a dia.
Uma sensação de vazio toma-me de assalto; nesta noite, mais do que qualquer outra.
A lembrança de um amor distante me persegue com insistência, evocando fantasias e aumentando a sensação de solidão.
Para dissipar a melancolia, voltei a atenção contemplando
a paisagem dos campos verdejantes que se estendem a perder de vista.

Já é noite... fria, escura... a rua já deserta;
Me resta, refugiar-me na solitude da casa.
O ar parece cheio de segredos e de possibilidades que me afligem.
Eu tento convencer-me de que tenho as emoções sob controle; não é medo, e sim, uma busca inquietante para descobrir minha própria força interior à realizar-me como mulher.
Pouco a pouco a calmaria tomava conta e um silêncio cheio de expectativas envolvia o ambiente ao meu redor.

... fiz da solidão, minha melhor companhia.

Rose Bona
1 compartilhamento

Memórias

... ainda desconhecida razão
mas, por alguma questão
ainda teimam e eu insisto guardá-las.

Reporto-me ao passado
numa viagem nostálgica,
momentâneos lampejos
acordam fragmentadas memórias,
vagarosas saudades que
de repente, ficam atormentadas
... nesta correnteza de lembranças
navego até compreender a razão
de estarem presentes.

Recordo com doçura
percorrendo silenciosamente a
imperceptível fronteira do meu eu
na busca de nossos doces momentos
vividos e guardados no coração.

... uma viagem ao passado com retorno
no presente, toca suavemente a alma,
eis a razão de estarem guardadas doces memórias
que o tempo não consegue apagar.

Rose Bona

Algumas lições jamais são esquecidas, principalmente quando são aprendidas de maneira mais difícil.

Rose Bona

Dei ao meu coração uma porção de levezas,
... em pensamento voei além das minhas fronteiras e uma tempestade de amor me abraçou.

Rose Bona

Seduzidos... perdemo-nos um no outro

... entre um sonho e a realidade,
entre passado e presente
existe a felicidade
e o amor.
Fomos no momento passado.
Somos no momento presente para fazermos escolhas.
Deixamos o sonho falar por nós e
a realidade do momento nos seduzir
onde: tu e eu
com olhar desnudo... tocamo-nos;
calamos a voz do silêncio,
despertamos as mais profundas emoções,
entregando-nos as deliciosas sensações.
... perdemo-nos entre abraços
e fizemos deste magnifico instante
um inesquecível momento,
assim como, quando apaixonados
olhares se perdem no amor
... perdemo-nos num caminho
onde o destino nos uniu
... perdemo-nos num demorado momento
entre corpos que se amam
experimentando o sabor do amor.
Seduzidos;
perdemo-nos simplesmente
... para encontrarmo-nos um no outro.

Rose Bona

Um longo silêncio invadiu, permitindo-nos cada um viver nossos momentos de saudades e de espera.

Rose Bona

Ao acordar

... no amanhecer que me acolheu,
saudei o dia em contemplação!

Um cenário todo da natureza, à disposição.

Enquanto sinto o calor
do sol nas pedras
o vento me traz lembranças
que refresca a alma.

Cala-se a voz
diante da grandiosidade
do ar que respiro.

Aspiro amor,
inspiro; e
regresso no inverso
dos meus sonhos reconhecendo
as marcas da minha lonjura,
diante do Universo que me observa.

... o dia é todo de encantamento e gratidão,
vi-me levada de encontro ao Criador.

Enquanto um manto de estrelas
no céu se estende,
cala-se a noite e
na funda transparência da alma
sinto a verdade da existência.

Rose Bona

Entre caminhos e tempestades... lamentos

... por muito tempo
lado a lado caminhastes comigo
numa viagem de sonhos

falastes aos meus ouvidos sobre
teus planos, teus anseios...
dividistes teus sonhos, teus sorrisos
teus carinhos e encantos,

percorrestes meu mundo
tentando desvendar meus mistérios,
encontrastes o vazio do espaço que ocupastes
que por ironia, ou, acaso do destino provocastes
preferistes talvez, apenas por um momento
abraçar outra tempestade (uma tempestade passageira)

Hoje, silencia-te
no teu mundo dividido
na tua viagem de sonhos
nos teus verbos que nos falam em versos.

Fosse possível voltar ao tempo
caminhar de novo nossa viagem de sonhos
certamente, seria editado outra história e eternizado momento... e não lamentos....

Rose Bona

Enquanto o destino vai desenrolando as meadas da vida, anjos em vigília não se calam e com um abraço invisível nos envolve de luz.

Rose Bona

Romper limites nos faz provar um novo voo.

Rose Bona