Você pode até não saber quem ele é, mas com certeza conhece algumas das principais obras de Charles Perrault. O “Pai da Literatura Infantil” foi o primeiro a pôr no papel algumas das histórias mais conhecidas dos contos de fadas como Chapeuzinho Vermelho, Cinderela e o Gato de Botas.

Algumas das suas histórias também foram escritas pelos irmãos Grimm e hoje em dia existem diversas versões dos seus contos, mas é inegável o charme da obra original escrita no século XVII. Por isso, trouxemos aqui 8 contos do criador do gênero dos contos de fadas para ler aos seus filhos:

1. As Fadas

As fadas

Um ótimo conto para ensinar às crianças como ser gentil e bem educado com os outros pode ser recompensador.

Duas irmãs, uma muito simpática e a outra um tanto grosseira, se encontram com uma fada que concede a cada uma um dom de acordo com o seu temperamento. Enquanto a primeira passa a soltar flores e pedras preciosas pela boca sempre que fala, a segunda solta víboras. Adivinha só quem viveu feliz para sempre e quem ficou sozinha?

2. Chapeuzinho Vermelho

Chapeuzinho vermelho

A história da Chapeuzinho Vermelho é um grande alerta para não se deixar enganar por estranhos. Na versão de Perrault, o final é bastante trágico. Sendo tanto a avó quanto a Chapeuzinho devoradas pelo Lobo Mau. O objetivo do autor era mesmo alertar as jovens dos perigos que alguns homens mal intencionados podem oferecer.

Ela disse-lhe:

- Vovó, que grande braços você tem!

- Isso é para te abraçar melhor, minha filha.

- Vovó, que pernas grandes você tem!

- Isso é para correr melhor, minha filha.

- Vovó, que orelhas grandes você tem!

- Isso é para ouvir melhor, minha filha.

- Vovó, que dentes grandes você tem!

- Isso é para comer você.

E após dizer estas palavras, este malvado lobo se jogou em cima da Chapeuzinho Vermelho, e comeu-a.

Charles Perrault

3. Henrique, o Topetudo

Henrique nasceu muito feio, mas muito inteligente. Uma fada concedeu ao príncipe o dom de transferir parte da sua inteligência para a pessoa que ele mais amasse no mundo. Em um outro reino, duas princesas gêmeas nasceram, uma linda e um pouco estúpida, a outra feia e inteligente. A mesma fada concedeu o dom à bela princesa de transferir parte da sua beleza a quem ela amasse. Henrique e a princesa se apaixonaram, não sem relutância por parte dela. Um conto que fala de como vemos melhor as qualidades de quem amamos.

Henrique topetudo

Quanto menos houver de eloquência, mais há de amor.

Charles Perrault

4. O Pequeno Polegar

pequeno polegar

Muitos dizem que o conto do Pequeno Polegar foi inspirado na história bíblica de Davi e Golias. Não há como ter certeza, mas de fato existem algumas semelhanças. O Pequeno Polegar é o menor de 7 irmãos de uma família muito pobre que são abandonados pelos pais na floresta. Lá eles se deparam com um ogro gigante e só conseguem escapar por causa da astúcia do caçula.

5. A Bela Adormecida

Bela Adormecida

A famosa história da princesa amaldiçoada ao sono profundo por uma bruxa vingativa. Os pais da menina convidaram todo o reino para o aniversário da pequena, menos a bruxa. Assim ela lançou a maldição de que quando a princesa fosse grande o suficiente iria espetar o dedo em uma roca e cair em um sono profundo. Passaram 100 anos até um príncipe conseguir quebrar a maldição. Isso é que é guardar rancor!

6. Os Desejos Ridículos

desejos ridículos

Cuidado com o que deseja!! Um pobre lenhador recebe 3 desejos de uma árvore encantada. Quando chega em casa, sua mulher o convence a refletir sobre o que vai pedir até o dia seguinte. Mas com fome, ele deseja salsichas. Lá se foi o primeiro pedido! A mulher reclama e ele deseja que o seu nariz vire uma salsicha. Lá se foi o segundo pedido! Para acertarem uma trégua, ele deseja que o nariz dela volte ao normal. Lá se foi o último pedido! E tudo ficou como antes...

7. Cinderela

Também conhecida como Gata Borralheira, Cinderela é provavelmente o conto que recebeu mais variações diferentes. Na obra de Charles Perrault não existe uma fada madrinha. A magia está nos pombos e na árvore que cresce no túmulo da mãe de Cinderela. Ela mesma conhece a magia e usa alguns encantamentos para se preparar para a festa.

cinderela

Um sonho é um desejo que o seu coração faz.

Charles Perrault

8. O Gato de Botas

gato de botas

Muito antes de conhecer o Shrek, o Gato de Botas já tinha a sua própria história escrita por Charles Perrault. O caçula de 3 irmãos recebe um gato de herança e, a princípio, não acha a menor graça. Mas então, eis que o gato ganha um par de botas e mostra as suas grandes habilidades, convencendo ninguém menos que o Rei a dar a mão de sua filha ao pobre dono do gato. Nunca se sabe de onde virão as grandes fortunas, não é mesmo?

Para conquistar os corações, para abrir os corações, mais do que trajes e chapéus serve uma alma pura e nobre.

Charles Perrault