Contos populares são lendas, mitos, narrativas do folclore e histórias da literatura que, de tanto serem repetidas de geração em geração, têm importante papel na cultura brasileira.

A Onça e o Bode

Uma onça e um bode dividem a mesma casa. Entretanto, o bode vive com medo de que a onça resolva se alimentar dele. Certo dia, ele encontra uma boa solução para resolver o problema e livrar-se da onça.

Cobra Norato

Uma lenda da região da Amazônia. Uma história sobre duas serpentes gêmeas que nasceram de uma indígena e um boto. Cobra Norato é uma das serpentes.

O Sapo com Medo D’Água

O sapo esperto que afirma temer a água. Sua esperteza salva a sua vida, enganando dois meninos que queriam matá-lo.

O Papagaio Real

Um conto de fadas no estilo brasileiro. Nessa história, os pássaros transformam-se em príncipes, há um rei e duas irmãs, uma generosa e outra malvada.

O Jabuti e a Raposa

Uma fábula do folclore brasileiro, em que a raposa, que se acha muito esperta, rouba a flauta do jabuti. Mas ele sabe como atrair a raposa para buscar seu instrumento musical.

O Menino e o Padre

Um menino inocente (ou muito danado) oferece ao padre algo para ele beber. Entretanto, na gentileza do menino se escondia o fato de que a bebida não estava nada própria para ser tomada.

O Doutor Sabetudo

Um camponês descobre como ficar rico: ele precisa colocar um letreiro na porta que diga: “sou o Doutor Sabetudo”. E não é que isto bastou para ele enriquecer?

A Combuca de Ouro

Um rico resolveu dar a um pobre honesto uma cumbuca de vespas, mas, quando chegou nas mãos do pobre, virou uma cumbuca de ouro.

A Madrasta

Um conto de fadas brasileiro: um viúvo conhece uma nova mulher, que é uma madrasta má. Ela resolve colocar fim na vida das três filhas dele, mas um milagre salva as meninas.

A Princesa Roubadeira

Uma princesa que adora fazer negociações e trocas, mas que acaba por se dar mal. De tanto querer vencer os presos, é ela que é vencida.

A Raposinha

Um príncipe determinado a ajudar seu pai, mas com dificuldade em aceitar os sábios conselhos da raposinha. Após tantas tentativas, o príncipe finalmente começa a ver sua sorte mudar.

Manoel da Bengala

Um conto de fadas sobre o príncipe que tinha a bengala de ferro: o Manoel Bengala. Por ser grande, robusto e comilão, foi mandado embora pelo rei, que ordenou que o príncipe seguisse a vida sozinho.

Dona Labismina

Um conto de fadas sobre um rei, uma filha em forma de cobra e uma princesa que seguia todos os conselhos da cobra, a Dona Labismina.

O Sargento Verde

A história de uma princesa que precisa se disfarçar de sargento para fugir de um casamento forçado com um cão. Após algumas confusões, ela pode voltar a se assumir como princesa.

O Rei Andrada

Uma princesa encontra um papagaio que se revela um belo príncipe. O pai, o Rei Andrada, precisa ainda pedir desculpas por não ter acreditado no sonho da filha.

O Homem Pequeno

Um conto de fadas sobre uma terra de uma família de gigantes, cheia de encantamentos, onde um príncipe vai parar por acaso.

Dona Pinta

Um rei encanta-se por D. Pinta, a mais bela de três irmãs. Ela é muito sábia e resolve criar uma boneca parecida com ela, para enganar o rei.

A Onça e o Boi

Uma fábula folclórica sobre uma onça e um boi, que vivem desconfiando um do outro.

A Onça e o Gato

A pedido da onça, o gato ensinou-lhe a pular. Mas, conhecendo a onça, resolveu ensinar sem dar os principais truques.

O Velho e o Tesouro do Rei

Um velho pobre faz um trato com os criados do rei: entregar o tesouro roubado sem falar que foram os criados que o roubaram.

A Formiga e a Neve

Uma formiga resolveu perguntar a razão de várias coisas da vida, até que chegou em Deus e escutou a verdade sobre ela.

Contos populares da literatura brasileira

O Homem que Sabia Javanês, do escritor Lima Barreto

O Barão de Jacuecanga busca um tradutor de javanês para entender o que está escrito num livro, e Castelo habilita-se para o emprego. Castelo não sabe javanês, mas finge tão bem que logo fica conhecido no país todo e começa a ser convidado para palestras internacionais. Um conto cheio de ironia, que toca nas mentiras da sociedade e de como essas mentiras chegam longe.

Pai Contra Mãe, do escritor Machado de Assis

Cândido Neves tem, como trabalho, buscar escravos foragidos. Ele tornou-se pai, mas não tem condições financeiras para assumir a criança. Após decidir com a mãe que devem deixar o bebê, ele encontra uma mulher escrava foragida, que está grávida. Resolve apanhá-la para ficar com a recompensa. Uma história sobre o triste e difícil período da escravidão.

A Cartomante, do escritor Machado de Assis

Rita está apaixonada pelo seu amante Camilo, amigo de infância do seu marido Vilela. Camilo passa a receber cartas anônimas que demonstram que alguém sabe da traição. Ele resolve consultar uma cartomante e ela acalma-o. Entretanto, suas previsões não se encaixam tanto na realidade.

O Bebê de Talatana Rosa, do escritor João do Rio

Uma história sobre um carnaval. Heitor conta sobre o que ele denomina de bebê de talatana rosa. Ele via algo de belo naquela figura de carnaval até que percebe haver algo de muito errado no nariz dela.

A Nova Califórnia, do escritor Lima Barreto

A história se passa em Tubiacanga, interior do Rio de Janeiro. O novo morador, Raimundo Flamel, aparece atraindo a curiosidade de todos. Diz ele que é possível fazer ouro com os ossos humanos encontrados no cemitério. Nos próximos dias, a cidade toda buscará fabricar ouro a partir de ossos, causando um verdadeiro caos no cemitério.

Veja também: