Jerônimo Bento de Santana Neto

101 - 125 do total de 493 pensamentos de Jerônimo Bento de Santana Neto

⁠Na mocidade escrevemos romances e poemas, na terceira idade escrevemos dramas e dilemas.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Cansado de conviver com gente que se acha Deus, onipotente, onisciente e onipresente.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

A geração atual quer ter sucesso sem passar por processos.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Seria muito egoísmo da minha parte todos morrerem e eu querer ficar para eternidade.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠A vida da gente não passa de um breve instante no universo eterno.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Antes da internet e das redes sociais vivíamos no anonimato agora nos sentimos verdadeiros astros.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Será que agir de forma egoísta e individualista é uma forma de autodefesa dentro do capitalismo?

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Acho normal que no ringue da vida, as pessoas lutem para conquistar e manter o “cinturão dos privilégios”. Afinal, ninguém entra numa luta para perder.

Entretanto, por uma questão de justiça e equidade, precisamos oferecer as mesmas condições e oportunidades a todos competidores antes de subirem no tablado. Independentemente de raça, cor, gênero, língua, opinião política, origem nacional ou social, propriedade, nascimento, status...

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠As vezes elegemos amigos, pessoas que nos vê apenas como um mero conhecido.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Brasil está cheio bom samaritano de fachada que de bom não tem nada.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Somos lembrados muito mais pelo bem que temos, do que pelo bem que fazemos.

Jerônimo Bento de Santana Neto

A forma mais eficaz para não brigar é concordar.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠A busca excessiva pelos holofotes via rede social pode causar sofrimento, depressão e vazio existencial.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Existem aqueles que vão apenas discordar de você.

Existem aqueles que vão apenas discordar e se incomodar com você.

Existem aqueles que vão discordar, se incomodar e que não vai parar até conseguir te derrotar.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Toda e qualquer ideologia visa antes de tudo a soberania.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959


Produzo na tristeza e consumo na alegria.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠A mídia capitalista coloca burguesia contra periferia, periferia contra burguesia, hetero contra gay, gay contra hetero, branco contra negro, negro contra branco, escravo contra escravo...

Políticas afirmativas foram feitas para reparar, mas a mídia usam para separar.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Deus, amor, sabedoria, serenidade, equilíbrio, paz, saúde, dinheiro, familiares e amigos são essenciais para uma vida feliz.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Cada um tem seu tempo no tempo de Deus.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Desabafo sobre o capitalismo.

Nesse sistema o principal lema é: Aumentar a lucratividade com a continuidade dos problemas.

Num passe de mágica fatos, eventos, campanhas, celebridades, musicas... Aparecem e saem de cena numa velocidade espantosa. Tudo vira matéria prima para o mercado publicitário, alimentando as pautas de jornais, revistas e mídias em geral sem que haja preocupação o objeto em si.

Nada é feito para consertar tudo é feito trocar.

Nada é feito para curar tudo é feito para medicar.

Nada é para durar tudo é feito para lucrar.

Nada é feito para combater tudo é feito permanecer.

Para o capitalismo tanta faz a solidez ou liquidez dos tempos.

Sempre será sua vez.

No sistema capitalista pobreza, fome, doenças, violência desigualdades, inseguranças, injustiças, impunidades, preconceitos, intolerâncias e outras males da sociedade devem continuar para o sistema lucrar.

Essa é a lógica do capitalismo ultraselvagem que cada vez mais se apoia no egoísmo, materialismo, consumismo, imperialismo, racismo e individualismo dos seres humanos.

O capitalismo está para o homem assim como o homem está para o capitalismo.

O capitalismo é prática da natureza humana.

Tudo vira mercadoria no capitalismo.

Um bom exemplo são as campanhas publicitárias que fingem combater o racismo.

Penso que se depender da mídia, principalmente a brasileira campanhas de combate ao racismo nascerão e sumirão sem solução. Estão preocupados em aumentar a audiência e consequentemente seus lucros.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠"Sem hipocrisia não há civilização - e isso é a prova de que somos desgraçados: precisamos da falta de caráter como cimento da vida coletiva. ( Luiz Felipe Pondé)

Não deveria ser assim, mas infelizmente tem muita verdade aí.

Problema que a afirmação de Pondé generaliza, e claro muitos não precisam de falta caráter para viver coletivamente.

Porém a sociedade capitalista foi e continua sendo construída com muito cimento de hipocrisia, mentiras, egoísmo , individualismo, ambição...


Se olharmos todo processo histórico da humanidade perceberemos que não foi através de bondade que construímos essa ordem mundial aonde prevalece o capitalismo selvagem.

Acredito no socialismo apenas no paraíso celestial.

O homem criou o capitalismo a sua imagem e semelhança.

Num mundo aonde milhões morrem de fome, difícil negar esse realismo.

Agora não é por isso que vamos jogar a toalha e achar que o mundo não tem mais jeito.

É continuar fazer nossa parte em qualquer parte.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Resposta a um amigo

Qualquer cidadão que expressa opinião sobre novo coronavírus e suas conseqüências no mundo está politizando.

Pessoas que acreditam piamente na hipótese que a China criou o coronavírus em laboratório para garantir a terceira guerra mundial, derrubar o preço dos alimentos, as bolsas do mundo e acabar com ocidente...também estão politizando o assunto.

Sobre professores e demais classe trabalhadoras são escravos dentro desse sistema capitalista extremamente selvagem.

Essas pessoas já fazem muito no dia a dia para ter um lugar ao sol ,por isso, merecem meu respeito.

Inclusive estão seguindo orientação de isolamento social por recomendação da OMS e dos governantes mundo afora independentemente de partidos.

Nesse caos que tomou conta do mundo acredito que a melhor ajuda poderá vir do grande capital, das multinacionais, dos donos do mundo...

Esses sim poderiam ,nesse momento crítico, doar verbas milionárias para ajudar a população.

Só trabalho voluntário do trabalhador não vai resolver a situação.

Como não acredito que Itaú, Bradesco, Santander, Nestlé, Ambev, Mcdonalds , Coca-Cola, Toyota Motor, Apple, Shell...jamais vão fazer uma doação voluntária para ajudar o mundo.

Seria interessante o Estado tributar fortemente essas empresas e transferir recursos para salvar o mundo dessa crise.

O que não concordo é ver trabalhador contra trabalhador.

Acho que já fazemos muito aqui embaixo da pirâmide.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Enquanto classes subalternas brigam entre si, os donos do mundo cuidam de si.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠A pior escravidão é aquela que ninguém vê.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959

⁠Estando entre amigos pouco importa se a festa é na laje ou no lounge.

Jerônimo Bento de Santana Neto
Inserida por I004145959