Poesias da Matemática

Cerca de 593 poesias da Matemática

Na matemática do amor
só existem duas operações fundamentais:
adição e multiplicação de felicidade!

Antonio Costta
Inserida por Antonio_Costta

A vida...
Para manter o cérebro ativo, use a matemática sem uma calculadora.
Para fazer um coração feliz, utilize o amor fraternal.
Para celebrar a vida, champanhe!
by/erotildes vittoria

Erotildes Vittoria
Inserida por erotildesvittoria

muitos me chamariam de gênio.
mas digo que apenas penso como universo.

vejo matemática sem equações,
vejo física sem números,
e vejo química sem formulas.

Nícolas Gonçalves
Inserida por nicolas_goncalves

"Eu amo você" é uma função matemática, onde "eu amo" é constante e "você" é variável.

(Das humanidades exatas)

Guilherme Esteves
Inserida por guilhermesteves

Matemática de Conclusões
Sou ruim de cálculo pior ainda de conclusão, nos meus produtos o resultado nunca dá exato, sou dizima periódica só me resolvo mesmo por aproximação!
Se multiplicar é complicado, sem problemas: a gente divide pelo inverso da divisão. Ou será melhor multiplicar pela fração invertida.
O professor me indicou que melhor para calcular seria aprisionar o que se multiplica ou divide, dos que se somam ou diminuem, depois executar os aprisionados e o que sobrar misturar com os que se salvaram, fácil né e eu aqui quebrando a cabeça, contando nos dedos o que não cabe na cabeça.
Engraçado mesmo é o crédito e o débito, muda de sentido dependendo do lado do balcão em que você se encontra.
Sei lá, deixe prá lá... e que os bons ventos soprem os débitos de contas prá longe e atraiam os créditos de dinheiro para nossas magrinhas carteirinhas e que de lá não saiam mais.
Melhor multiplicação que entendo mesmo é que, em dois corações que se somam o resultado é sempre um.
Que seja sempre assim: 2 corações que se amam=1 amor completo!

antonio carlos
Inserida por Annnttonious13
1 compartilhamento

“Na medida em que as leis da matemática se referem à realidade, elas não são certas, e, na medida em que são certas, elas não se referem à realidade".
(Em discurso proferido na Academia Prussiana de Ciências, em janeiro de 1921).

Albert Einstein
Inserida por OswaldoWendell

Se sou o resultado do *Eu* mesmo?
Se a matemática é uma ciência exata?
Significa que ainda estou na raiz quadrada?
Vambor

Vambor
Inserida por Vambor

A matemática do amor é complicada... Às vezes buscamos algo nas raízes só para desvendar as formulas mais difíceis da equação que bate em nosso peito.
São tantas as formulas para se chegar a um resultado, que ao longo de nossa jornada buscamos somar, dividir e multiplicar tal sentimento... Às vezes chegamos a um resultado negativo, mas nem tudo esta perdido, pois nessa vida nada se perde tudo se transforma e com o passar do tempo acabamos entendendo essa matemática nebulosa, percebemos onde estávamos errando, trocamos um simples sinal e como um passe de mágica tudo se torna límpido e cristalino dando um resultado positivo, e assim ao abrir nossos olhos a frente enxergamos o resultado do amor que tanto buscávamos...

Felipe Frederico Pereira
Inserida por FelipeFred

Nem tudo se explica!
Exemplo, matemática do Amor.
1+1 = 1 “casamento”
Quanto + se ÷ mais cresce. “O Amor”

Vitor Muniz
Inserida por Muniz-voo

MATEMÁTICA

A toda a hora utilizada,
Por vezes rejeitada.
Mas um coisa é certa,
Sem ela não teríamos
Uma vida correcta.

Renato Alexandre dos Santos Freitas
Inserida por RenatoFreitas

AMOR MATEMÁTICO

matemática
"meu calcanhar de Aquiles"
Você?
Uma incógnita: X
Eu: Y
Te encontro tímido,frágil
oculto
Sem disfarces
Completamente só...
Eu Y tão perto...ao teu alcance...
Você X...distante
buscando fórmulas maiores
Distanciamento entre dois pontos
Enquanto:
Corria no compasso do amor
Você fazia projeões ortogonais
caminhava num ponto reto e plano
você dispersava-se em múltiplos desvios padrão
Eu alí
Uma equação simples, uma variável apenas
VOCÊm posições intuirivas
projeções ortogonais distantes geomericamente
angulos e teoremas fundamentais
prismas diferenciados...
Houve distanciamento entre dois pontos.
Desde então Y se tornou metade
somava saudades
dividia solidão com a noite
Um dia em protesto
a noite escureceu de vez
A lua fugiu...
Também protestou
Nunca mais se mostrava inteira
Minguava...
Até as estrelas protestaram
se apagaram...
A distância diminuia a esperança
r mulriplicava em Y a dor
Fixou um prazo o Y
Sem juros
correção
mora...
Fixou outro,mais outro...
e outro...
em vão...
O amor X se foi
Ficou só o Y...
Se calou
Só ele não protetou...
Aceitou o orgulho do X
Mergulhou em seu orgulho Y
E então experimentou
todas as dores "precoce"
de uma variáavel "adolescente"
Que perdeu o seu "primeiro
e único amor" a variável Y...

sorioapenas
Inserida por sorioapenas
1 compartilhamento

Comecei com a matemática,parei e comecei a contar o tempo e parecia uma eternidade, corria a cada mensagem para o telefone e nada vinha de ti...
Então passei para Física, dividi a saudade com a distância e o resultado foi desejo de ouvir a tua voz...
Passei para língua portuguesa, estava difícil conjulgar o verbo esperar,pós, o sono estava a me levar...
Passei para a Bíblia e agradeçi a Deus por estarmos juntos. E para que possamos ficar juntos para sempre...
Passei para química e lembrei das reacções causadas pelo teu sorriso.
Das cargas positivas que eu quero ganhar em teu beijo.
Das energias recarregadas com o teu abraço forte.
Da misturá homogénea do teu coração tão perto do meu...
E finalmente decidi passar para a história,
Ah! Apesar dela basear-se no passado
Foi um espectáculo, por que
Todo momento que passamos juntos, é um momento que eu valorizo. Sim. Mesmo estando num futuro perfeito sonho repousando perto de você, sentindo seu coração bater, e imaginando o que você está sonhando. Imaginando eu e você rindo e brincado...
Mais como a nossa história está no presente então parei de viajar e resolvi fazer o que o presente me concede, desejar- te Feliz Noite

ABEL ALBERTO" FERRO QUENTE"
Inserida por Gostoso1823
1 compartilhamento

"Matemática"

Na matemática do amor, um mais um são quatro,
é a soma dos nossos sentimentos divididos...
É a subtração das dores e partidas e as cicatrizações...
É a lei que não leva a prisão...
São quatro os olhos que olham diretos aos dois corações.

Carlos Renato Tavares
Inserida por CarlosRenatoTavares

Não Posso ser o genio da matematica mais a minha vida nao e da sua conta e outra olha aqui menina so num te dou uns tapas porque nao sou asogueiro para amacia carne de vaca
Arregaça

eduarda ss
Inserida por eduarda-109827365

Procure ter a vida como um "Livro Aberto" mas desde que seja de Matemática, porque ninguém folha livro de cálculos sem objectivos.

Palavra de Honra

Doniluz Pensador
Inserida por Doniluz

Nem toda ciência é matemática.

Medicina baseada em vidências?
Medicina baseada em evidências?
Creio que o bom médico use ambas.

Francismar Prestes Leal
Inserida por FrancismarPLeal

Na matemática do amor eu quero somar-me a pessoa amada.
Quero dividir, para diminuir os problemas e multiplicar os momentos bons. Sei que de toda essa matemática o resultado será a igualdade de sentimentos e mais momentos juntos.

Lenilson Xavier (lexgrafia)
Inserida por lexgrafia

A matemática é a disciplina mais humana que existe
Sendo trabalhada com amor
Onde temos relações de casais com passados negativos se tornando positivos
Dando frutos positivos ou negativos continuando a ordem
Matriz...
Fundamento...
Linhagem de pensamento

Zath Broliven
Inserida por BrendonVenancio

Ninguém jamais será equação matemática perfeita...,
e, é justamente nisso que reside o caos e a maravilha de cada um de "Nós".

abraatiko
Inserida por abraatiko

Da matemática só me lembro do velho jargão: "a ordem dos fatores não altera o produto". Lembro pouco porque enveredei meu caminho para longe dos números e dos cálculos, pois não gosto da exatidão das coisas, mas da discussão proporcionada por pontos de vista distintos. E, por incrível que pareça, pouco gosto das regras gramaticais, apesar de ser graduado na área e tentar obedecê-las, mas elas não exigem argumentações; afinal, o "m" vem antes do "p" e do "b" porque assim se quis, e somente por isso, só para citar um exemplo.
Gosto do Direito, da Literatura e da Filosofia porque chego perto daquilo que sempre prezei enquanto estudante: o debate e a circulação de ideias. De sorte que, mesmo incauto na matemática, chego a pensar que a regra da ordem dos fatores que não altera o produto se faz totalmente presente no processo civil, uma vez que não importa como se deu o ato processual, desde que alcançado o seu fim devemos tê-lo como válido e existente.
Na seara da Literatura, penso que a ordem dos fatores altera sim o produto, pois basta ler as Memórias Póstumas de Brás Cubas para notar que uma vida narrada a partir da morte altera totalmente o ponto de vista do narrador-personagem sobre os seus atos em vida, a morte torna-o mais sensato, ou, pelo menos, deveria torná-lo, visto que defunto-autor e sem compromisso algum com a sociedade.
Já no campo da Filosofia, prefiro crer que se a ordem dos fatores não altera o produto, a soma deles o acresce. Por isso, na vida devemos procurar pessoas que somam, e não que nos subtraiam de nós mesmos.
Talvez tudo isso seja apenas parafernalha para o apaixonado por números e cálculos maçantes, mas são ideias que de repente brotam e pedem por palavras, sem esperar por algum resultado...

Hugo Pires
Inserida por Hugopires
1 compartilhamento