Poesias da Matemática

Cerca de 593 poesias da Matemática

Deus existe, visto que a matemática é consistente, e o Diabo existe, visto que não podemos prová-lo.

André Weil
14 compartilhamentos

Eles eram a água e o vinho, café e refrigerante, matemática e português: Nunca daria certo, exceto pelo fato que eles queriam fazer dar certo e isso bastava.

Érica Caroline

"Não entendo tua matemática, nem os valores que você atribui as coisas, há muito fico confuso, penso ser importante, mas sinceramente paro de pensar para não sofrer."

Lúcio Sena
17 compartilhamentos

A astrologia desenvolveu-se numa estrana combinação de observações, matemática e cuidadosos registros cheios de ideias turvas e pura fralde.

Carl Sagan

Os únicos princípios que eu aceito, ou necessito, na Física são os da Geometria e da Matemática pura; estes princípios explicam todos os fenômenos naturais, e nos permitirem fazer demonstrações bastante acertadas a respeito deles.

René Descartes

A poesia é o desafio do não-dizer, a impossibilidade de dizer algo. A matemática tem semelhança com esse estado de ser. Em ambas há manifestação do divino, algo tão perfeito que transcende tudo.

Hilda Hilst

Derrepente amar é teorema, pura lógica, derrepente amar é aplicar, mas assim como a matemática na distância dos livros, se esquece como que faz, se esquece como é amar , na distância de quem sabe o que é amor.

Alexandre Paranhos

Na matemática da vida somos a somatória de nossas escolhas, multiplique as boas e subtraia as ruins, divida o que sobrou com as pessoas que te amam, aproveite enquanto a equação da vida está em curso, infelizmente não somos uma dizima periódica e no final de tudo nenhum número será adicionado, aproveite enquanto o problema está em curso, utilizando essa fórmula simples garanto que alcançará o resultado esperado.

Rafael Zucco

O amor é como a matemática: deve-se adicionar confiança, subtrair mentiras, multiplicar admiração e dividir com alguém que seja merecedor de tais sacrifícios.

Amanda Prates

Faça de sua vida uma uma conta matemática: some as alegrias, diminua as tristezas, multiplique o amor e some-o comigo

Bruno Santana

Morava aqui em frente. Professor de matematica do Liceu, o Professor Quadrado era conhecido entre a estudantada como Professor Losango desde que se apaixonara por dona Micaela. Losango, sabem por quê? Não tinha mais ângulo reto. Entortou de amor.

Desconhecido

"(...) Ângela é doida. Mas tem uma lógica matemática na sua doidice aparente. E se diverte muito a escandalosa. Aguça-se demais e depois não sabe o que fazer de si. Que se dane. Entre o "sim" e o "não" só há um caminho. Escolher. Ângela escolheu "sim". Ela é tão livre que um dia será presa. "Presa por quê?" "Por excesso de liberdade." "Mas essa liberdade é inocente?" "É." "Até mesmo ingênua." "Então por que a prisão?" "Porque a liberdade ofende." (...)

Clarice Lispector

As matemáticas têm invenções sutilíssimas e servirão de muito, não apenas para satisfazer os curiosos como para tornar mais fáceis todas as artes e diminuir o trabalhos dos homens.

René Descartes
11 compartilhamentos

Se a teoria é chata é porque da dinheiro! Ciências exatas Bicho de sete Cabeças? Claro que não queridos alunos do meu coração!

Carlos Prof de Matemática.
Inserida por carlosbds

⁠DOIS É PAR!
Dois é par, pois se dividirmos por dois iremos obter como quociente algo perfeito de sentimentos, de cumplicidades, compaixão, harmonia e amor ao próximo, onde o resto sempre será zero.

Capitão e Professor de Física Matemática Tiago Santos

Meu amor por você parametriza como a matemática,
Tão difícil e tão quanto desafiador é entende-la.
Mas sempre é legal conhecer seus pontos exatos,
O qual adoro calcular as curvas do seu corpo,
A geometria do seu beijo e a topologia nos seus lábios.
Num sistema único e dinâmico analiso seus limites
Convergindo nossos corpos ao infinito.

José Cruz - Graduado em Licenciatura poética de Matemática
Inserida por josecruzeng

TEMOS QUE SER SEMPRE ÁGIL E SABER OUVIR AS PESSOAS NO ATO DE SE DEFENDER E MOSTRAR O SEU VERDADEIRO TRABALHO COMO UM GUERREIRO E PROVAR NOSSOS ATOS SENDO ERRADO OU CERTO.

JAIR FELISBELO - PROFESSOR DE MATEMÁTICA
Inserida por rafael1986

Matemática

Se somássemos o que vivemos no passado
Seriamos mais de dois
Eu, você e a saudade, que chegou depois.
Erramos em não querer dividir, compartilhar o nosso amor
Seriamos exatos, se dividíssemos em partes iguais
Eu ficaria com a metade,
E você com a outra metade, que se multiplicasse, daria um pouco mais,
Mas fui percebendo, uma subtração desse amor
Então conclui, que, o que sobrava
Era apenas saudade e muita dor.
A unica coisa que aumentava, era o ciúme
Um elemento sem nenhum valor
Além de não somar, nem multiplicar
Adicionava um resto, de muito rancor.
E ainda conseguia nos dividir,
Então em meio aos problemas eu conclui
Que este amor estava errado,
Pois na prova dos nove,
O resultado, não foi o esperado.

Reff Carvalho

Quem sou eu, professor de matemática?

Não sou o cara que vai mudar o ensino;
Não sou quem vai fazer eles gostarem de matemática;
Não sou eu, também, que vou revolucionar a escola;
Não sei se vou entrar para a história.

Sou eu que abrirei seus olhos;
Mostrarei o caminho dos números;
Ensinarei o número de ouro;
Riscarei as linhas da geometria;
Montarei os cálculos da vida.

Vou ensinar a álgebra das letras;
A progressão de seus passos;
A fórmula do conhecimento;
A função do seu viver.

Paulo César Linck

O amor é matemática: soma felicidade, divide a dor, eleva ao quadrado a solidariedade, subtrai o desamor, multiplica a amizade e manda flor...

Luciano Spagnol
Cerrado goiano

Poeta mineiro do cerrado - LUCIANO SPAGNOL