Coleção pessoal de RicardoBarradas

1 - 20 do total de 880 pensamentos na coleção de RicardoBarradas

A bela joia de arte criada por um artista plastico joalheiro veste, pousa e voa em esplendor quase em um bale a parte da anatomia humana que ela em par exalta, embelece e personifica. Pode se dizer que ela em si foi inspirada e criada, para um só corpo e espirito. Diferentemente dos adornos fantasiados de nobres expostos em quantidade pelas vitrines, que não passam de objetos de consumo em massa, reflexo fraco de um relativo status social e de uma tendencia de moda temporal dentro da frequência repetitiva industrial que mensura de forma muitas vezes exageradas entre o preço, seu peso, seu tamanho e alto valor.

RICARDO VIANNA BARRADAS
2 compartilhamentos

Independente do cargo publico que ocupe nenhum profissional pode se achar acima da lei em qualquer circunstancia e se não transita dentro da igualdade e da legalidade por se achar superior e diferente é por que não consegue ser autoridade, nem de si mesmo.

RICARDO VIANNA BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: injustiça igualdade

A oração devocional de todo o ser de alma pura sem direção parece me ser a forma mais amorosa que o adepto revelado e consciente em luz e verdade tem para rogar que a branda fluidez energética que tudo renova-transforma e a harmonização de todos os espaços visíveis e invisíveis dimensionais ergam se em tríade unidade para fazer valer a mais suprema e perfeita lei da vida. Abundancia de amor, compreensão, bondade e caridade. FIAT LUX.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento

Creio em politicas publicas constitucionais não para o embate político partidário de qualquer natureza e muito menos nas oriundas e embasadas em estudos teóricos acadêmicos de grupos e universidades. Pois infelizmente o que temos tido nos últimos tempos são programas de politicas equivocadas tendo como horizonte o pragmatismo de uma intervenção social anticapitalista para a construção de uma outra sociedade democrática, que na pratica infelizmente, não existe. As verdadeiras politicas publicas em meu entendimento devem surgir da própria comunidade via lideranças religiosas e culturais locais, associações de moradores, cooperativas e sindicatos de trabalhadores, grupos de professores de ensino médio, agentes de saúde e pequenos empregadores locais que conhecem e vivenciam a realidade de forma direta sobre o que falta e o que constitui diariamente um tropeço para a melhor qualidade de vida, dentro do aceitável local. De certa forma, por mais que pareca que eu seja contra as políticas neoliberais, sexistas, homofóbicas, racistas e de opressão de classe, não sou. Eu só acredito que as politicas publicas de governo gerais devem congraçar a totalidade comum da sociedade e não ter a tipicidade de ser direcionada para nenhuma comunidade, classe ou problema especifico. Em via de regra, creio na luta a favor da vida, da família, das crianças, dos trabalhadores e dos aposentados cidadãos locais que paulatinamente vem perdendo o vigor, interesse e intensidade para algumas mobilizações e movimentações sistemáticas das pessoas comprometidas midiaticamente que são originarias e militantes engajadas das lutas antirracismo, das lutas contra a hetereducatividade, das lutas contra o machismo, contra as institucionalidades e as lutas anticapitalistas. Enfim, creio em politicas publicas em macro para a maior parte da população emudecida e silenciosa marginal que por persistência habita a própria sorte a base da piramide social por invisibilidade e cada vez menos politicas em micro contemplando privilegiadamente alguns escolhidos por fazerem parte de pequenos grupos mais coloridos, barulhentos, inventivos e de certo modo bem melhores representados.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: politicas publicas

Ser um pensador constante para tentar entender a maior parte da caminhada. Quando escrevo uma reflexão, a principio confesso que estou escrevendo para mim mesmo. Pois diante do grande seculo da comunicação nunca houve um tempo como hoje de tanto isolamento, inseguranças, tristezas e entorpecimento inútil bem distante do que o ser humano, através dos tempos, revelou, disse e aprendeu. Todos nos falamos, em todas direções, das diversas maneiras possíveis por tanta tecnologia e nos achamos cada vez menos convencidos, distante de alguma sóbria realidade. Ate por que só falamos, propriamente dito mas por diálogos fantasiados de unilaterais, monólogos pré-determinados e tristes pois não recebemos por receptividade as palavras e as ideias diferentes que os outros possam dizer em nossa direção. Por incredulidade pensamos estar corretos o tempo todo Tempos de muitos sons, ruídos, barulhos, novas palavras e uma humanidade surda a um palmo e meio diante de toda possível positiva e acolhedora audição. Enquanto surdos não se ouve nem que distantes novas e lindas cancões. Hoje sei que não existe quem esteja totalmente certo o tempo todo mas da mesma forma não existe que esteja errado em tempo integral. Erros e acertos são sementes prosperas do caminho Conheci vários humildes que com jeito simples me revelaram alguma sabedoria mas não posso crer que um ser analfabeto ou com pouca instrução e cultura possa ter diretrizes de um futuro prospero para uma população inteira em qualquer tempo e lugar de nossa breve existência. Nestes tempos de informações fartas vindas de todos os lados, lugares muita coisa boa vem com elas mas outras erradas, incorretas, nocivas, escravas e cativas sublimam de forma sugestiva com falsa beleza a nossa tão edificante luz, luzes, caridade, amor em ação e liberdade. Creio que ao primeiro momento que aqui cheguei reconheci o grande valor da verdadeira luz inversa a acomodada escuridão. Ao abrir os meus pequeninos olhinhos para vida, ao acalanto energético da família e diante da nova claridade percebi como seria importante minha capacidade inventiva e criativa de recriar tudo em sonhos bem coloridos para dialogar sempre com a monocromática realidade. Novas palavras, novas luzes, novas cores e muitos sonhos, acredito ser a feliz filosofia para reinventarmos novos caminhos para irmos ao encontro da esperada e almejada felicidade, o auto-perdão e a paz interior. Não temos naturalmente nenhum direito de sermos severos, carrascos nem algozes de nossas tantas infelizes tentativas. Rejubilamo nos com o que temos, com o que somos e busquemos mais a nosso tempo e tributo. Pois só cada um sabe o preço certo que pagou em dores, nãos e emoções, para estar em sanidade diante de tudo que hoje, está aqui. Fiat Lux.

RICARDO V. BARRADAS
2 compartilhamentos

A arte é uma nova luz que redimensiona e expande toda estática realidade.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: artes plasticas

Importante a renovação e a reinvenção em nossa vida de tempo em tempo mas isto não quer dizer que tenhamos que mudar tudo, só transitarmos por caminhos diferentes na mesma direção. Quem sabe este novo caminho tenha mais flores, passarinhos e borboletas. A agulha imantada que aponta para o norte, e lhe norteia é o seu coração que flutua na vibração de luz de seu espirito.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento

A arte ficcional em forma de mito, concorre diretamente com a verdadeira historia social, religiosa e politica, quando não há o pleno conhecimento da cultura e do patrimônio.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: artes plasticas

O inimaginável e o insólito só nos chega fluidificante pela arte e o mundo criativo e visionário do artista.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: artes plasticas

Em contraponto com a velocidade da contemporaneidade na arte necessita se de emoções sublimes, calma, reflexões prolongadas e foco.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: artes plasticas

A cultura do candomblé com suas energias primais de resistência faz parte indivisível da rica diversidade cultural brasileira e nunca deve ser vista como uma religião ancestral africana.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento

Sobreviventes não riem a largo e nem a todo momento pois não se alimentam. Revigoram se e se reinventam por uma energia auto-vibracional obtida exclusivamente pelo entorpecimento criativo entre as luxurias, os amores secretos não correspondidos e os pequenos e adocicados estranhos prazeres. Afinal, não fazem parte do meridiano universal colorido livre dos seres vivos, saudáveis e felizes. Muito pelo contrario são bem mais especiais. São só, sobreviventes.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: sobreviventes anti

O artista é temporal, pessoal, preso, circunscrito ligado e derivado de seu tempo mas sua arte é infinita, transmutável, obliqua, renova se por si só milhões de vezes dentro dela mesma de tempos em tempos, segue a lei inexorável e mais que sagrada da vida, que não tem medo explicito, nem fim e nem começo.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: artes plasticas

A verdadeira arte é uma modalidade da fala muito alem das palavras e alfabetos. A arte não é troca muito pelo contrario é um monologo do universo criativo do artista que impregna de sugestões vivas particularmente a atmosfera temporal de cada observador.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento

Politica, Arte e Medicina são bem semelhantes. Todo mundo acha que entende um pouquinho e se sente capaz de dar palpites.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento

Escrevo mas prefiro falar do que escrever. Por um livro talvez fosse explicar para muitos, que reconheceriam o pensamento até a leitura da próxima ideia escrita. Na fala não. Existe uma explicação e convencimento direto, que resulta em propagação da energia-ideia em vida. Alem disto não tenho fome de multidões a principio falo, penso e escrevo para mim mesmo.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento

Não estamos no espaço sideral e sim na terra mãe gentil. Nenhum sol da politica pode ser mais livre de luz que o fogo da pátria.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: espaço sideral

Desde o inicio, a vida e os homens se movem pela sede do saber.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento

Emblemático, o fogo destrói nossa historia e cultura, as vésperas do aniversario de nossa liberdade, ao mesmo tempo que escravizados, acovardados falta nos o fogo da pátria, do civismo brasileiro, da luta necessária perante a terra que amamos e escolhemos para viver.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento
Tags: historia cultura

Falta nos o fogo da pátria, do civismo da luta perante a terra que escolhemos viver. Falta nos o fogo da verdade que como povo acovardado, a um bom tempo, por boatos imobiliza nossas caminhadas entre o fogo cruzado de mentiras de maus políticos corruptos, que deixamos ascender. Falta o fogo da coragem perante a fogueira branda que arde nossa educação, escalda nossa identidade e queima da memoria para as novas gerações toda a cultura brasileira.

RICARDO V. BARRADAS
1 compartilhamento