Coleção pessoal de michelfm

21 - 40 do total de 1017 pensamentos na coleção de michelfm

⁠Desmontamos os pedestais, 
Anulamos a exposição, 
Rochas nocauteadas por cristais, 
Desparcerados pela discrição. 

Michel F.M.

⁠Silenciador,   
Silencie a dor. 

Michel F.M.

⁠Testemunhas silenciadas, 
Depondo silenciosas. 
Em meu silenciador, 
Após silêncio a dor. 

Michel F.M.

⁠Os armários chaveados, 
Meu orgulho arranhado, 
As carteiras arrumadas, 
Meu estômago revirado.

Michel F.M.

⁠Mostre-me quão ignorante você é 
ou O Terror da Bomba Pop 

Intolerável Público !  
Apresento a vocês: 
O esplêndido mico do Circo Pop !

Plásticas, spas, escândalo a mercê,     
E o uso abusivo do Photoshop.  

Palavras-chave, 
Luxuosas, glamourosas, 
Caravelas e aeronaves, 
Suntuosas e grotescas. 

O refrão vem num pontapé, 
Mostre-me quão ignorante você é.   

Mostre-me sua ridicularidade,     
Igual por igual na totalidade, 
Vou me vestindo a prova de shock, 
Nada imune à descarga pop. 

Haja latrina para tantas fezes, 
Toneladas de excrementos leves. 
Sou fumaça em sua chaminé, 
Mostre-me quão ignorante você é. 

Itens da prateleira na promoção, 
Pegue um, pague três, roube um cacho  E um frasco pra náusea da indigestão,    De ter que empurrar Goela baixo. 

E vem embrulhado como canapé,   
Mostre-me quão ignorante você é.   
Angústia bateu na parada Top, 
Efeitos do Terror da Bomba Pop. 

Michel F.M.

⁠E vem embrulhado como canapé,   
Mostre-me quão ignorante você é.   
Angústia bateu na parada Top, 
Efeitos do Terror da Bomba Pop. 

Michel F.M.

⁠Itens da prateleira na promoção, 
Pegue um, pague três, roube um cacho  E um frasco pra náusea da indigestão, De ter que empurrar Goela baixo. 

Michel F.M.

⁠Haja latrina para tantas fezes, 
Toneladas de excrementos leves. 
Sou fumaça em sua chaminé, 
Mostre-me quão ignorante você é. 

Michel F.M.

⁠Mostre-me sua ridicularidade,     
Igual por igual na totalidade, 
Vou me vestindo a prova de shock, 
Nada imune à descarga pop. 

Michel F.M.

⁠O refrão vem num pontapé, 
Mostre-me quão ignorante você é.   

Michel F.M.

⁠Palavras-chave, 
Luxuosas, glamourosas, 
Caravelas e aeronaves, 
Suntuosas e grotescas. 

Michel F.M.

⁠Plásticas, spas, escândalo a mercê,     
E o uso abusivo do Photoshop.  

Michel F.M.

⁠Intolerável Público !  
Apresento a vocês: 
O esplêndido mico do Circo Pop !

Michel F.M.

⁠Poucas semelhanças, Nenhuma coincidência 

Anteontem foi aniversário de um Cardeal inglês, fez 88 anos, se reuniu com o clero bem cedo, antes do galo cantar, almoçou com o bispado na alta cúpula, jantou com chefes de estado no vaticano, abençoou muitos fiéis da vidraça de sua suíte no quarto andar. 

Anteontem foi aniversário de um Sheik árabe, fez 68 anos, acordou tarde, tomou café da manhã com suas doze esposas, diante de seis serviçais, jogou Pólo, vendeu sete milhões de euros em ações da bolsa, comprou um haras, não deixou gorjeta para o chofer. 

Anteontem foi aniversário de uma Estilista parisiense, fez 48 anos, participou de uma entrevista para a semana fashion, falou sobre as tendências mundiais, desenhou três vestidos para a próxima coleção, comprou um bolo com nove camadas de recheio, humilhou duas modelos anoréxicas, demitiu um estagiário, encontrou-se a luz de velas com seu novo affair (amante vinte anos mais jovem). 

Anteontem Raíssa fez aniversário, completou 8 anos, acordou com os gritos da mãe, tocando pela trigésima vez seu padrasto alcoólatra do barraco, carregou uma mochila que pesa um terço de seu peso, foi para o colégio (escola pública localizada na periferia, numa rua sem asfalto, esgoto e saneamento, mas com um córrego fétido e transbordante), não fez desjejum; usou um, dos seis livros que levou, a professora a repreendeu por não ter feito a tarefa.   

Correu no intervalo, brigou na saída, rodou por aí; voltou para o lar bem depois do sol se por; ela não jantou e foi dormir sem velas, presentes ou parabéns.               

Michel F.M.

⁠Correu no intervalo, brigou na saída, rodou por aí; voltou para o lar bem depois do sol se por; ela não jantou e foi dormir sem velas, presentes ou parabéns.        

Michel F.M.

⁠Anteontem Raíssa fez aniversário, completou 8 anos, acordou com os gritos da mãe, tocando pela trigésima vez seu padrasto alcoólatra do barraco, carregou uma mochila que pesa um terço de seu peso, foi para o colégio (escola pública localizada na periferia, numa rua sem asfalto, esgoto e saneamento, mas com um córrego fétido e transbordante), não fez desjejum; usou um, dos seis livros que levou, a professora a repreendeu por não ter feito a tarefa.   

Michel F.M.

⁠Anteontem foi aniversário de uma Estilista parisiense, fez 48 anos, participou de uma entrevista para a semana fashion, falou sobre as tendências mundiais, desenhou três vestidos para a próxima coleção, comprou um bolo com nove camadas de recheio, humilhou duas modelos anoréxicas, demitiu um estagiário, encontrou-se a luz de velas com seu novo affair (amante vinte anos mais jovem). 

Michel F.M.

⁠Anteontem foi aniversário de um Sheik árabe, fez 68 anos, acordou tarde, tomou café da manhã com suas doze esposas, diante de seis serviçais, jogou Pólo, vendeu sete milhões de euros em ações da bolsa, comprou um haras, não deixou gorjeta para o chofer. 

Michel F.M.

⁠Anteontem foi aniversário de um Cardeal inglês, fez 88 anos, se reuniu com o clero bem cedo, antes do galo cantar, almoçou com o bispado na alta cúpula, jantou com chefes de estado no vaticano, abençoou muitos fiéis da vidraça de sua suíte no quarto andar.

Michel F.M.

⁠Poucas semelhanças, Nenhuma coincidência 

Michel F.M.