Carta de Despedida

Cerca de 638 carta de Despedida

Quanto vale.

Quanto vale um homem?
Não “essezinho” que se emociona
Com uma despedida,
Com uma partida inesperada,
Com uma (ou a falta) declaração de amor.
Não este que vai às lágrimas
Ouvindo músicas, vendo filmes,
Lembrando momentos.
Esse não, esse não conta.
Afinal! Isso é risível pra não dizer ridículo ou cafona.

Digo homem MAIÚSCULO.

Que não tem medo de magoar alguém.
Que se dá bem na vida independente da forma.
Que mantém a neutralidade
Diante das malesas do mundo,
Que não se deixa levar por estas “bobagens” da vida.
Falo do homem que não vê beleza
Num por de sol, num céu estrelado.
Que não contempla o mar com um olhar
De admiração.
Esse sim é forte.

Quanto vale?

Quanto vale o homem
Que não se abala nem se sensibiliza.
Não tem lágrimas, não precisa de um abraço,
Não sente saudades?

Que valor terá depois que
Permitiu que as coisas ásperas da vida
Acabassem com sua capacidade de sentir?

Prefiro acreditar que tem maior valor aquele que permite ser medido pela sua capacidade de se emocionar, pela sua emotividade, pela sua vulnerabilidade, pelos seus sonhos, pela sua humildade, pela sua fragilidade e, principalmente pela sua humanidade.
Certamente este tem muito mais valor. Ao menos eu creio nisso.

Moacir LuÌs Araldi
2 compartilhamentos

Trago em minha alma
a alegria melancólica de uma festa de despedida.
Se você me der a mão,
sairemos pelas ruas, à noite, sob a luz das estrelas
e sem destino.
Vamos rir bastante, aprontar um pouco,
e viveremos doces momentos juntos.
Mas também nos despediremos,
e saberemos que não será até logo,
mas porque nossas almas se encontraram
e se fundiram,
também saberemos que não será um adeus:
eu viverei em você,
e você viverá em mim.

Augusto Branco

CARTA DE DESPEDIDA

Aos amigos novos e aos antigos que permanecem presentes (ainda que ausentes), meu muito obrigado por me ajudar a compor a história da vida real que mais se confunde com ficção de tantas emoções que vocês, talvez até melhores que eu, sabem descrever. Obrigado por tudo que é compartilhado, raivas, risos, conhecimento, pontos de vista, teimosias, toda sorte de sentimentos, vivências, transmissão de pensamento...é uma sintonia só..rsrs!!

A você que apareceu no dia exato, balançou as estruturas da pequena sertaneja e que até hoje não sei ao certo definir o tipo de relação que temos, só tenho uma coisa a dizer: Você é o cara e eu te adoro (independente do vínculo estabelecido).

A quem partiu e não se despediu, meu Adeus e foi bom te conhecer!!

Esse ano vivi tantas experiências, alcancei praticamente todos os objetivos estabelecidos, mesmo assim foi, digamos que, um ano turbulento.
Vi amizade transformar-se e limitar-se a um “Tá tudo bem?” somado a contatos previsíveis quando necessário e vi um “Tá tudo bem?” transformar-se gradualmente em amizade. Foi um longo ano e ao mesmo tempo fugaz, foi um período de adaptações nem sempre exitosas mas gratificantes. Um ano de mudanças, de julgamentos, de incertezas/indecisões e de decisões!!

E mesmo sabendo que nem todos os destinatários dessas palavras a lerão...com essa “carta” finalizo tudo que ficou mal resolvido em 2011...esperooO ;)

Qualquer semelhança com a nossa relação não é coincidência. Esse texto não é uma indireta e sim direta a destinatários não identificados e cada trecho é dirigido a pessoa(s) específica(s) que fizeram toda diferença.

Só mais uma coisa, você que teve paciência de ler até o final, não pense: “Lídia, você é louca de expor sua vida assim?”. Não, num sou não. Só foi dito o que deve(e pode) ser dito e isso é só uma coisinha que eu quis fazer para me DESPEDIR DE 2011 lembrando de alguns aprendizados importantes: Acolha seus sentimentos(por Cilene) porque o sucesso é ser feliz(por tia Bag) e se chorei ou se sorri, o importante é que emoções eu vivi(por Roberto Carlos)!!

Feliz 2012 (a nós)!!!!

Lídia L.B. Leite
2 compartilhamentos

A vida é frágil,
E o tempo é ágil,
Em um minuto encontro,
Em outro despedida,
A alma é como maré cheia,
Por isso tantos corpos,
E as tantas vidas,
E cada existência tem sua razão,
A morte é a necessária solidão,
Cuja função é o equilíbrio,
E lapida o homem bruto, em diamante real,
Para que está matéria, não se torne escravo do material.

Tatiana Graneti

Eu ando meio sem jeito.
De seguir a minha vida.
Sou um carro com defeito.
Sou flores na despedida.
Eu ando assim, doente.
Desde que fiquei sem ela.
Sou um menino carente
Sou parede sem janela.
Ela é tudo que tenho.
Se for parar pra pensar.
Não resta nada na vida.
Pois só ela eu quero amar.
Se ela voltar um dia.
Vou dizer-te novamente.
Que ela é o meu guia.
A minha estrela cadente.
Ela é a luz que me ilumina
A fonte do meu viver.
Sem ela a minha sina.
É para sempre sofrer.

Denis

DESPEDIDA

Até breve minha Vida
Estaremos sempre juntos
Todas as noites e dias
em todos os momentos
Adeus em vão
Sentimos... Sabemos
Meu Amor; até logo
Quando casamos olhares, mãos...
Momento mágico, nosso e ÚNICO
Até logo meu Amor; e leve
Cada lapso reafirma nosso destino
Minha Vida; até breve...

M.Jardim

A despedida

Nossos corpos se trasforma num só talvez pelo dezejo do fogo da paixao. Nossas almas se junta e sentimos o mais puro amor.



Nossos corações chora na hora da separação.



Ja não conseguimos viver mais separados precisamos cada vez



um do outro.



Mais o destino foi cruel com agente e nos separou para sempre

Desconhecido

Despedida

Correnteza abaixo, riacho frio, para o mar,
a onda libertadora ela refere:
Não mais por ti meus passos irão,
para sempre e sempre
Corrente, doce corrente, por gramado e prado
Um riacho, então, um rio:
Agora, por ti meus passos devem ir,
para sempre e sempre

Mas aqui suspirará vosso carvalho
E aqui vosso arbusto estremecerá
E aqui por ti zumbirão as abelhas
para sempre e sempre

Milhares de sois jorrarão sobre ti,
Milhares de luas rebrilharão;
Mas não por ti meus passos irão,
para sempre e sempre.

Tennyson

Despedida de Angélica. Despedida de um Amor...

É preciso esquecer...
Dizem que tudo se pode esquecer...
Mas, tu és inesquecível!
És a primeira pessoa que não posso esquecer.
Naquele dia 13 te entreguei meu coração e penso que jamais conseguirei tê-lo de volta.

Mas... Se pode esquecer:

Aquilo que já ficou prá trás.
Esquecer o tempo dos mal-entendidos,
E o tempo perdido a querer saber como.
Esquecer essas horas que às vezes mata a golpes de por quês o coração.

Eu te oferecerei pérolas de chuva vindas de países onde nunca chove,
Eu escavarei a terra até mesmo depois de minha morte,
Para cobrir teu corpo com ouro e luzes.
Criarei um país onde o amor será rei,
Onde o amor será lei e tu serás a rainha.

Eu inventarei palavras absurdas que tu as compreenderás,
Falar-te-ei daqueles amantes que viram de novo seus corações excitados,
Eu te contarei a história daquele rei que morreu porque não pôde te conhecer.

Quantas vezes não se reacendeu o fogo daquele antigo vulcão que humanos o julgavam velho?
Até há quem fale de terras queimadas a produzir mais trigo na melhor primavera,
E quando a tarde caiu, para que o céu se inflamasse de vermelho,
Nasceste em minha vida como música dentro de mim,
E, Deus sabe o quanto canto tua melodia em minha longa solidão intransigente e imprevisível.
Tornaste-te a minha sorte: liberdade ou escravidão;
A luz de meu dia escuro, o espelho que prá mim reflete a vida.
E esse é o preço que terei de pagar?

Meu amor, eu não vou mais chorar o pranto de meu pranto,
Que dá forma aos meus sonhos e destino.
Não vou mais falar, me esconderei aqui só para te ver dançar e sorrir,
Para te ouvir cantar e rir!
Deixa-me ser à sombra da tua sombra?
A sombra da tua mão?
A sombra de teu filho? Filho que aprendi a amar como meu e me tiraste.

Devolva-me o direito de sorrir; perdoa-me por te amar... e, por eu ser quem sou!

Ao contrário farei como disse um autor desconhecido:

"Não amarei mais o amor. Amarei sim alguém que me espere até o final, alguém que sofra junto comigo, que ria junto comigo, que até enxugue minhas lágrimas, que me abrigue quando necessário, que fique feliz com minhas alegrias e que me dê forças depois de um fracasso.
Não amarei mais o amor. Amarei alguém que volte prá conversar comigo depois das brigas, depois do desencontro, alguém que caminhe junto a mim, que seja companheira, que respeite minhas fantasias, minhas ilusões. Amarei alguém que me ame. Não amarei mais o amor. Amarei sim alguém que sinta o mesmo sentimento por mim!"

Sempre lembrando as palavras do poeta que disse:
"Viver é acalentar sonhos e esperanças, fazendo da fé a nossa inspiração maior. É buscar nas pequenas coisas, um grande motivo para ser feliz!" e sabendo que:

"Ainda bem que sempre existe outro dia. E outros sonhos. E outros risos. E outras pessoas. E outras coisas..." como disse Clarice Lispector. Mas, queria tanto que fosse como sonhávamos...

Com carinho, saudade e todo amor do mundo.

TEXTO ADAPTADO - 04/11-2011

Alessandro Borba
2 compartilhamentos

Despedida

Quando eu te conheci, tudo era diferente
O que aconteceu contigo?
O que aconteceu comigo?
O que aconteceu com a gente?

Onde foram parar aquelas longas risadas?
Aqueles abraços apaixonados?
Aqueles momentos romanticos?
Aqueles beijos roubados...

Se isso deixou de ser importante
Então não maltrata
Aquele que um dia te amou
Hoje não te faz mais falta

Por isso hoje eu me despeço
Hoje estarei triste e sozinho
Para que você possa achar
A felicidade em outros caminhos.

Jonas Correia

DESPEDIDA

É triste? Eu sei.
Dá vontade de chorar? Eu sei.
Você não queria que fosse assim? Eu sei.
Queria que fosse pra sempre? Eu também sei.
Sei de tudo isso, porque eu também queria que fosse.
Mas o Para Sempre não existe,
Pelo menos nunca foi comprovada a sua existência'
Pode ser que ainda se encontremos,
Em algum lugar desse pedaço do universo.
Mas meu desejo não é te ver voltar e sim,
Que nunca tivesse que ir'

Heloisa Burtet

Despedida

Sabe aquele momento da vida
em que chega a hora de despedir?
Pois é... como tenho dificuldade
para lidar com este momento.
Quando você é o aluno mais antigo
daquela perua ou daquela escola.
Quando você precisa cumprir
aquele último mês de aviso prévio.
Quando você sai toda vestida de branco
para formar outra família.
Quando você decide terminar
aquele relacionamento que não deu certo.
Quando se despede daquele encontro
que tudo foi uma graça.
Quando olha seu melhor amigo
partindo pra longe... por outros caminhos.
Quando quem você ama com tanto carinho
parte deixando você para sempre.
Está vendo? Meus olhos encheram de lágrimas.
E mesmo sabendo que despedir é libertar,
eu definitivamente não sei lidar com despedidas.
Por isso... por mais que doa uma despedida,
e aproveitando que você está presente:
que tal sorrir, abraçar, amar, perdoar,
confiar, festejar, chorar, viajar, rezar,
brincar, dançar, ler, comer, viver...
juntos... bem juntinhos... sem preconceitos...
sem medos... nem julgamentos... nem penalidades...
Porque um dia um de nós vai partir.
E para cada encontro existe uma despedida.
E se existe algo pior que a despedida,
é o remorso por não ter amado.
Eu já vi tanta gente partir da minha vida,
algumas partiram para sempre,
partindo meu coração:
mãe, pai, parentes, mestres, amigos...
Até pessoas com as quais eu não convivi,
partiram deixando saudades:
meus avós, meu irmão, meu filho, escritores, "ídolos"...
Meus olhos encheram de lágrimas novamente.
Como dói despedida.
Se após uma despedida ficaram saudades,
é porque valeu a pena o relacionamento.
A gente só sente saudades do que foi bom.
Quando se despede de quem se ama,
este alguém sempre leva um pedaço de você
e você sempre carrega um pedaço dele.
A verdade é que somos sempre parte de alguém.
Com o lenço na mão e os olhos lacrimejados,
eu lembro-me de todos com carinho.
Apesar de ser tão difícil dizer adeus,
me sinto muito bem dizer “A Deus”,
para quem partiu para sempre.
“A Deus vos recomendo.”
Faz-me muito bem acreditar no céu.
Uma vez que pra mim o céu se define em duas palavras:
Encontro e Festa.
Encontro com os que já partiram e os que vão chegar
e festa para comemorar a saudades que morreu.
No meu céu não haverá despedida.
Olha que coisa boa!
Por isso enquanto viver
não quero saber lidar com despedidas,
até porque por de trás de uma despedida
sempre há uma vida nova chegando
e sempre há uma vida pra ser vivida.

gilberto angelo begiato
2 compartilhamentos

CARTA DE DESPEDIDA

Foi muito maravilhoso ter te conhecido, ter você ao meu lado... Fico pensando e lembrando a cada minuto que ficamos juntos, as coisas que compartilhamos, os lugares que fomos, tudo o que falamos um para o outro de amor, carinho e amizade.
Eu gostaria que nunca tivesse acabado... Achei até que era para sempre... Já planejava o nosso futuro, nossos filhos, nossa família, mas... Acho que não fomos maduros o suficientes para termos paciência um com o outro.
Peço perdão por eu não ter conseguido ser tão forte para ter paciência e compreensão, e acho que você também não foi tão forte assim de conversar, entender. Talvez nós dois fomos orgulhosos e deixamos acabar o que era para sempre.
Mas quero lembrar das coisas boas e esquecer as ruins, esquecer o nosso egoísmo. Quero continuar lembrando o quanto fui feliz com você. Quem sabe um dia, mais maduros, podemos reencontrar e ser tudo diferente nesta parte de falta de paciência.
Guardarei você em minhas lembranças, saiba que um pedaço de você está em mim para sempre, e este pedaço de você que está em mim, continuarei amando, preservando na memória.

Samanta Bernardi
2 compartilhamentos

Neste instante, me resta a despedida
Neste instante, restam lágrimas
Buscarei incessantemente romper enlace
És meu absoluto dom,
Semente única e absoluta que conheci nessa vida

Na partida apenas raios da luz que me trouxeste na sua chegada
O coração, descompassado, implorando fagulhas de amor
Obtive solidão, morte, fruto dilacerado em suas palavras
Pedaços e vestígios buscando a seiva da sobrevivência

Até minhas palavras não encontram motivos para serem
Coração ferido, sucumbido pelo medo que me afligiu
Nada me resta, perdi minha razão

Vejo-me sem rumo, sem direção
Meu coração se fez quebra-cabeça;
Assim caminho recolhendo peças perdidas.

Andréia de Figueiredo

A proximidade de uma despedida certa, com data marcada quebra nossas defesas e traz a luz o recalcado inconsciente em um sujeito a flor da pele com uma amplificação sentimental e emocional, gerando crítica de baixa acuidade com interpretação dos fatos ou informações que se aproximam mais do como nos sentimos ao nos depararmos com tais fatos, nos levando a lapsos de realidade que só existem para quem vive, ilhas afetivas em uma labilidade emocional que acompanha o tempo que escorre por entre os dedos, é tempo que desaparece com ansiedade que surge, planos para uma vida toda, por toda a vida que nos aguarda com esta metamorfose que acontece sem respeitar a temporalidade do mundo, corre de forma livre no tempo da alma, corre e vibra em igual intensidade e arrasta nossas angústias e esperanças que vive em tanta presença quanto o próprio presente.
É vida nova que entra e não bate a porta como uma estrada que corre por debaixo de nossos pés e nos expõe a realidade de nossos sonhos, escolhas e feitos. Assim vida nova, a vida de nossas escolhas em busca da felicidade, daquilo que nos toca a alma e que nos faz querer ser eterno, ao menos enquanto fazemos o que alegra o espírito, que faz vibrar o que dentro de nós habita. Enfim é verdade no se amar.

Alguns dias para formar, e essa angústia toda em meio a alegria amplificada e toda essa explosão que aperta o peito, alegra a alma e nos deixa com uma invasão de borboletas por entre o ventre é a própria formatura que nos leva para onde lutamos para chegar, mas nos faz querer fugir por ser despedida com data marcada.

Nelson Hideo Iwasse Júnior
2 compartilhamentos

Despedida sem ida,
Élcio José Martins

Dos caminhos percorridos,
Às vezes distraídos,
Soluços deveras atrevidos,
Laços de amores construídos.

Do nascer e crescer,
As mãos a aquecer.
Um coração a compreender,
O que a vida fez-me ver.

À noite antes de dormir,
Beijo na face e com o cobertor cobrir.
E de um afago me permitir,
Receber o riso do seu sorrir,

O berço que balança,
Uma alma de criança.
Vem no ritmo da dança,
O amor, o carinho e a esperança.

Como uma flor que cresce,
No meu jardim floresce.
É um anjo do céu que desce,
Num coração que aquiesce.

O tempo me deu rasteira,
Já longe da mamadeira.
Cresceu linda e faceira,
Quer agora deixar de ser solteira.

Do nosso amor vivido,
Desse tempo bem provido,
De um amor bem resolvido,
Sou um orgulhoso assumido.


Filha! Siga agora o seu caminho,
Mas não esqueça o seu ninho.
Aqui sempre terá o amor e o carinho,
Quiçá que venha um netinho.

Não perdi uma filha, ganhei um novo filho,
É uma nova família que do meu amor compartilho.
É a pureza d’alma que partilho,
Pinceladas de verniz pra iluminar o brilho.

Minhas lágrimas são de alegria,
Elevo-me alto nessa alegoria.
É como uma carta de alforria,
Dividir com todos, nossos momentos de nostalgia.

É um voo com asas de sonhos,
Noites afins com sorrisos risonhos.
Lágrimas e soluço tristonho,
É uma ovelhinha que deixa o seu rebanho.

Fica a alegria da terra cultivada,
Da bela semente semeada.
Uma colheita premiada,
Veio ao mundo pra ser amada.

A saudade já faz doer,
Como fazer o coração entender!
Uma nova vida vai renascer,
É muito amor pra tudo isto acontecer.

Vai! Volte quando puder e quiser,
Estaremos aqui para o que der e vier.
Desfrute, grite, cante, dance mesmo se não souber,
A alegria não pede nada, nem um centavo sequer.

Voe nas asas da imaginação,
Ande pelas veias do coração.
Navegue pelos rios da emoção,
Valorize cada passo dessa linda união.

Receba meus filhos o abraço de gratidão,
É um pai feliz que sempre estenderá a mão.
Peço ao Rei dos mundos que lhes dê a proteção,
Fazendo de suas vidas, duas vidas em comunhão.

É uma despedida sem ida,
Uma partida sem saída.
Uma bela noite de sono bem dormida,
Uma embriaguez nesse momento permitida.

Leve-me tudo, esse doce ciúme,
Deixe-me a ressaca de seu perfume.
Leve-me tudo, leve o encanto dessa flor,
Deixe-me o que tens de melhor. Deixe todo o seu amor.
Élcio José Martins

ElcioJose
2 compartilhamentos

Despedida de formatura

É chegada a hora de dizer adeus ao ensino médio, de dizer adeus a essa escola que foi palco de vários momentos inesquecíveis, e mais difícil, dizer adeus aos amigos. Dizer adeus as pessoas que passaram vários desafios conosco ao longo desses quatro anos.
A quatro anos atrás lembro de sentir o mesmo frio na barriga que sinto hoje, quando passei pela entrada da escola pela primeira vez, sem conhecer ninguém. Chegar a porta da sala de aula e ver todos aqueles rostos desconhecidos para mim foi algo horrível, foi quando a ficha caiu que eu não estava mais em um lugar que eu conhecia todos e precisaria me desapegar do passado e criar novas lembranças. E hoje estou escrevendo essa mensagem para essas pessoas, as pessoas que antes eram simples estranhos que eu não tinha vontade de conversar e que a partir de hoje deixaram saudades.
No primeiro ano, diziamos que nossa sala era a melhor sala que tinha entrado na escola naquele ano e eu achava isso bobagem da parte de vocês, mas hoje concordo plenamente que nossa turma era a melhor. Não a melhor por ser a mais inteligente ou mais querida pelos professores, a melhor porque nos mantemos unidos até o final e soubemos apoiar uns aos outros ao longo desses anos.
Ao final dessa mensagem, o que tenho a dizer é obrigado. Obrigado por me aturarem por todos esses anos, por me fazerem feliz quando estava pra baixo, por não terem apenas ido aprender na sala, mas também por terem me ensinado a ser alguém melhor. Espero que vocês tenham um futuro próspero, que cada um siga seu caminho, mas não esqueça dos momentos que passamos juntos, das lembranças que construímos nessa escola e por fim, espero reencontrar todos vocês algum dia.

Anônimo
2 compartilhamentos

15/08/2018

"Vai com Deus..."
É a breve oração de despedida de quem fica, desejando o melhor para quem sai.
Recomeçar
É nossa luz de cada manhã
retomar o caminho, enfrentar as confusões, desatar desilusões.
Passo a passo o dia e a vida vai delineando e nosso horizonte se mostrando.
Boas e grandes animações boas nos aguardam.
Retormar o que restou de ontem,
e com o mesmo esmero e carinho continuar a fazer o melhor
não apenas para apresentar ou se mostrar,
mas para afinar e aprimorar nossa própria auto-estima.
Amamos com nossos valores, valorizamos o que nos apraz
e em cada passo neste novo dia vamos semeando um pouquinho do que somos.
Este é o despertar não apenas para o novo dia,
mas para uma realidade que silenciosamente vamos contruindo
e que em nós vai-se formando como um lindo quadro
de beleza e valor que com orgulho apresentamos com amor!

antonio carlos

Essa sensação de despedida,
Esse sentimento de perda,
Talvez terminar nao seja a melhor saída;

O que eu quero é entender o porquê,
O que eu quero mais ainda é estar com voce.
Eu queria poder ouvir isso da sua boca,
Eu queria ouvir voce dizer que nunca vai embora.

Mas a escuridao caiu,
Ela sentiu a dor da noite,
E o amor foi sumindo ao longe
E ela nunca mais sorriu.

Brígida Tinelli
Inserida por brigidatinelli

Penumbra da despedida

Dentre todos os amores
És tu, o belo
O causador de tal angustia
És tu, o curador d"mim alma
Que já adormecida padece
Que sofrida, árdua e insolente,
chora tua ausência
E relembra a penumbra da despedida
Regozijando sua partida
Donde sou? Não sei.
Sou tua, ou serei...
Cabe a ti o amanhecer
Cabe a ti minha vida
Cabe a ti a despedida, ou não.

Jéssika Borges
Inserida por jessikalborges