Versos para Aniversário

Cerca de 27 versos para Aniversário

Poema de Aniversário

Procurei no dicionário,
Com paciência e cuidado,
O real significado
Da palavra aniversário.
Aquele livro pesado,
Mestre dos visionários,
"Pai dos burros" batizado,
Pareceu-me sectário,
Ao responder meu chamado.
Deveras decepcionado,
Joguei o meu dicionário
Na estante, empoeirado,
Para pregar, solitário,
O meu significado
Da palavra aniversário.
Diz assim, o verbete lendário,
Ontem, por mim criado:
"Aniversário: Espécie de relicário,
Muitíssimo bem guardado
Nas folhas do meu diário,
Dos versos que eu escrevi,
Com todo amor, e não li,
Durante o ano passado."

Carlos Eduardo Drummond
437 compartilhamentos

Menina meiga, obrigado por existir!

Menina linda!
Hoje é um dia especial,
É seu aniversário
Hoje é seu dia.
Você é uma estrela
Que resplandece
No céu da minha vida.

Menina meiga,
És incomparável
Insubstituível,
Quero me tornar
Teu melhor amigo,
Amigo fiel e confidente.
Que isso dure eternamente!

Menina maravilhosa,
Conhecer-te é uma
Sensação gloriosa.
O carinho que por você
Sinto é grande e infinito
Como o mundo em que vivemos.

Querida menina,
Parabéns por tudo que és,
Parabéns por ser paz e luz
Em minha vida.
Teu coração me alucina
Obrigado por existir!

Desconhecido
71 compartilhamentos

Bons dias

Que saudade daquele dia
Em que tudo começou
Perto de mim você se assentou
E nossa amizade ali raiou

O tempo passou tão depressa
E nós soubemos aproveitar
Mais uma amiga incrível
A vida me deu pra cuidar

Como era bom poder partilhar
Meus dias com alguém tão alegre
Que me fazia sorrir
E deixava minha vida mais leve

Por fim os bons dias acabaram
E a distância se achegou
Mas não, a nossa amizade
Ela não atrapalhou

Meses e meses se passarão
Anos também virão
Tudo poderá mudar
Mas a nossa amizade não

Sei que ganhei um presente
Minha pequena amiga
Te guardo em meu coração
E saiba que és mui querida

Desconhecido
3 compartilhamentos

Um poema festejando 15 anos

15 anos, segue o caminho
tem desvio, sol, chuva, frio
tem bandido, tem mocinho
tem amor, suspiros, tem feitio.
Se tem choro, também carinho...
Tem primavera e outono com desfolha.
Momentos em companhia e sozinho.
Siga, e faça a sua escolha!
A que escolher, contigo eu alinho...

Feliz anos dourados!
Feliz aniversário!

Luciano Spagnol
Poeta do cerrado

Poeta mineiro do cerrado - LUCIANO SPAGNOL
Inserida por LucianoSpagnol

Poema:
Feliz aniversário.
A noite passou e o dia chegou com ele veio algo especial como momento sem igual.Pedi uma amiga Deus me deu uma irmã,procurei abrigo e encontrei o esconderijo.
Vi que não foi preciso mergulhar no mais profundo mar para te encontrar és joia e pedra preciosa que sem Deus nunca conseguiria encontra.
Te amo desde do dia que perguntei:Eu posso ser teu amigo? E vc com o sorriso simples me disse: Sim pode! Ali nasceu algo que até hoje entre palavras ou versos não se pode expressar. Neste dia eu dedico todos meus sentimentos de afeto que o Pai eterno com sua graça sem par ofertou como forma de amor.m
Te amo Rayanne Shenayder​ e sempre vou te amar!
Autor: Jefferson Almeida

Jefferson Helton da Silva Almeida
1 compartilhamento

Poema de aniversário

(23:59)... Amanhã o que muda?
O que o faz diferente?

Não adianta querer o posposto,
nem há graça em contar as desgraças.
Há mais gosto no silêncio disposto
e no sonhar com as próprias asas.

Nenhum ano é igual ao outro,
nenhum outro é tão diferente assim.
O dia forja o velho encontro
entre o que julguei e o que fiz de mim.

Zera o relógio, mas não o tempo
quanto dura o agora?

(00:00)... Hoje o que mudou?
O que o fez diferente?

Na frágil eternidade dos momentos felizes,
acha-se o fio, faz-se a história
Não importa o que trazem as cicatrizes,
tudo agora está claro diante da memória.

Foi-se o ontem de ser dois
veio o hoje ser só meu
não sei o que vem depois
tudo é o que se perdeu.

Rousiane Cavalcanti
Inserida por meuarmazem
1 compartilhamento

BRASÍLIA

Do planalto, ergue Brasília
De vasto céu e mar de estrela
Contrastes sua maior ironia
Se rubra tão senhora outrora donzela...

É Brasília
dos ipês, da arquitetura, és magia
tão bela...
O por do sol dourado
agita o candango, vê-se da janela...
Tuas asas são do cerrado
urbano e domésticas
És tão poético e outras poéticas...

Luciano Spagnol

Poeta mineiro do cerrado - LUCIANO SPAGNOL
Inserida por LucianoSpagnol

Poema: O que há em Belém?

Amo-te, Belém!
Como te quero bem.

Seus rios, suas paisagens, sua floresta.
Fazem-me perceber como não posso ficar Tanto tempo assim longe de você.

Suas mangueiras são como adorno nos cabelos de uma bela moça.
Os rios que te envolvem são tão majestosos que a mais bela roupa.

Amo-Te Belém!
Como te quero bem.

Às vezes, tantos carros por algum tempo me fazem esquecer.
Quanto verde há em você, mas na verdade quem é você?

Você é Belém!

Cidade das mangueiras,
Metrópole da Amazônia,
Capital do meu Pará,
E quem te visita quer sempre voltar.

Belém, Capital do meu Pará!

Amo-Te, Belém!

Como te quero bem.

Quatrocentos anos de História.
Quatrocentos anos de beleza.

Quatrocentos de encanto e amor!

Parabéns, Belém que esses quatrocentos e quatro anos te façam tão bem
Quanto você tem feito a todos nós!

Débora Henrique
Inserida por deborahenrique
1 compartilhamento

" Ontem foi meu aniversário
Um ano de lutas e alegrias
Ficou para trás...
Ontem foi meu aniversário
E sei que à minha frente
Encontrarei lutas e a alegrias
Mas,Deus estará comigo
Todos os dias...
Tatiane 04-10-2012*

Tatiane Oliveira
Inserida por TatiBellaOliveira
1 compartilhamento

DIA DO MEU ANIVERSÁRIO

As flores viram-me
O sol me negou
Sozinho encontraram-me
Ninguém me acolitou
Não acarinharam-me

Dia selvagem
Disseram-me que estou a dicotar
Meu rosto se perdeu na Imagem

Aniversário fustigado
Coração fuzilado
Dia tristonho
Ultrapassou-me o sonho
As flores viram-me

Augusto Gustavo
Inserida por AugustoGustavo01
1 compartilhamento

Hoje é dia de seu Aniversário

Sonhos, fantasias são intenções da realização
Então sonhe com a quimera do coração
Com a força que tem o amor
Goze da alegria do presente que é viver
Sorria mais, ame mais, tenha mais prazer
No olhar amigo, no abraço fraterno
Que mais este aniversário,
seja em suas lembranças eterno
Junto com que lhe é caro,
aquelas na cumplicidade refréns
PARABÉNS!

Feliz Aniversário!

Luciano Spagnol - Poeta mineiro do cerrado
Inserida por LucianoSpagnol
1 compartilhamento

Meu amigo e irmão,parabéns pelo seu aniversário.

não prometemos um ao outro uma amizade eterna mas vivemos momentos inesquecíveis e firmamos uma parceria que não tem hora marcada para terminar.

neste dia especial quero louvar pela sua vida, com o entusiasmo e alegria que emerge do meu coração que não cabe mais no peito, dizer o quão bom é ter sua companhia e poder contar com esta parceria até nos momentos onde o mundo inteiro nos abandona e que estaremos juntos compartilhando os mesmos sentimentos.

que seus sonhos sejam concretizados e que um dia você possa falar para os seus filhos o valor de nossa amizade.

que Deus abençoe você e que feliz posso dizer EU TE AMO MEU AMIGO

Geraldo Neto
Inserida por gnpoesia
1 compartilhamento

Aniversário se comemora
A idade que foi embora
Nos parabéns do:
- e agora?
Cantarola ou chora?

(Luciano Spagnol
Poeta mineiro do cerrado)

Poeta mineiro do cerrado - LUCIANO SPAGNOL
Inserida por LucianoSpagnol
1 compartilhamento

UM NOVO CICLO COMEÇA E COM ELE, OUTRAS TANTAS OPORTUNIDADES DE SE RENOVAR EM VIDA, ASSIM COMO FAZ A MÃE NATUREZA AO GERMINAR!

Almany Sol, 23/06/2014

Almany Sol
Inserida por almanysol
1 compartilhamento

Encare seus dias com magia, faça pulsar toda tua energia e viva cada momento como se valesse por uma eternidade, porque o hoje, amanhã será, um ontem pra se esquecer" - Frase de

Almany Sol, 21/06/2014

Almany Sol
Inserida por almanysol
1 compartilhamento

Se tudo que for possível tiver o bem como meta, então o impossível será meramente uma consequência dos desígnios do amor. Vcoê pode e deve viver mais, pois o amor é teu maior legado. Vida sempre... sempre que quiser! F.E.L.I.Z...A.N.I.V.E.R.S.Á.R.I.O...!

Poeta Almany Sol

Almany Sol
Inserida por almanysol
1 compartilhamento

Quando tenho que ir?
Eu não quero, não partir.
Quero viver a vida...
Viver o que não vivi
pois, a muito tempo já percebi que morri.
Quero banhar-me ao mar no verão.
Sentir minhas pernas trêmulas no chão.
De ganhar um beijo roubado...
Pernoitar ouvindo o som na balada
Curtir a revoada da madrugada.
Ver felicitamente o raiar do dia
Ouvir a melodia de um bom dia...
Voltar para casa sem me lamentar
Fazer com que aqui se torne um lar doce lar.

Samanta Bernardi
Inserida por SAMANTABERNARDI
1 compartilhamento

HOMENAGEM À MINHA MÃE

60 anos já se passaram
Desde que uma noticia foi dada
Era o nascimento de uma criança
Uma menina abençoada

Deram-lhe o nome de Ana
Que significa "Graciosa"
Desde já ficou marcado
Na vida seria Vitoriosa

Frequentou pouco a escola
Pois precisava trabalhar
Mas nem por isso a sabedoria
Deixou de lhe acompanhar

Ajudava sempre os pais
E o esposo no que podia
Mesmo em tempos difíceis
Ao seu lado estaria

Nos filhos nem se fala
Em esperteza tinham "bacharelu"
Mas ela sempre os ensinava
Com palavras e com "chinelu"

Aos parentes,amigos e netos
Sempre estende sua mão
Com toda a inteligência
Refletida em gestos e ação

"A fé sem obras é morta
É morta a obra sem fé"
Verdadeiramente esse é o exemplo
Exemplo de Grande Mulher.

JDarcky
Inserida por eusouassim

SONETO DE 27 DE FEVEREIRO

Dia e mês que levo os anos
Nas costas, cada vez maior
Nos sonhos hão-se planos
No afã do fado, gentil suor

Levo com cuidado esta data
Num único e poético itinerário
Afinal não é ouro nem prata
Mas é especial no calendário

Nunca posso dar um até mais
Pois, veloz já é naturalmente
Nas ilusões deixadas no cais

E busco ter posposto pendente
Ser mais velho, são fatos anuais
Ser feliz, é ter a vida de presente...

Luciano Spagnol
Poeta do cerrado
Cerrado goiano

Poeta mineiro do cerrado - LUCIANO SPAGNOL
2 compartilhamentos

(27 DE FEVEREIRO)

Dia e mês que levo os anos
Nas costas, cada vez maior
Sem fronteira e sem planos
Nos males e sonhos o suor

Levo com cuidado esta data
Num rígido e reto itinerário
Afinal não é ouro nem prata
Mas é especial no calendário

Nunca posso dar um até mais
Pois veloz já é naturalmente
Triste é ficar sentado neste cais

E sempre deixo um posposto pendente
Pois ficar mais velho, são fatos anuais
E ser lerdo, retarda receber o presente

Luciano Spagnol - Poeta mineiro do cerrado
Inserida por LucianoSpagnol
1 compartilhamento