Toca a Alma

Cerca de 362 frases e pensamentos: Toca a Alma

A alma disse sim antes ao mostrar a pele arrepiar sem ter sido tocada.

Swami Paatra Shankara
Inserida por swamipaatrashankara

Intimidade é algo muito foda irmão, não é sobre quem você toca nas partes íntimas ou então vê despido porque se você acha que é isso, coitado. Intimidade é sobre você saber ler todos os tipos de olhares da pessoa, saber o que ela vai falar antes mesmo dela, conhecer todos os tipos de risada dela, ou então quando tem algo à magoando, é sobre você poder se sentir à vontade pra falar desde Machado de Assis até sobre o seu professor chato que não arredonda sua nota, é conhecer a pessoa despida mas não somente de roupa, mas de alma.

Desconhecido
Inserida por marcelar

É que tu toca a minha alma como toca o meu corpo, ou ama ou dilacera.

Mariana Romariz
Inserida por marianaromariz

Existem momentos que beiram a perfeição, momentos em que pensamos que podemos tocar o infinito, nem que seja o infinito da alma de quem nos faz bem.

P.H.Wolff
Inserida por p_h_wolff

Gosto de gente que me olha nos olhos, que me sorri, que me abraça sem tocar. Gente que num simples olhar fica dentro. Gosto de gente que no silêncio deixa a sua marca na minha alma ...!!!

Inês Clímaco
Inserida por ines_climaco

O desejo é tão forte, que sinto teu suave toque.

Flávia Abib
Inserida por FlaviaAbib
1 compartilhamento

Verdades são palavras que não saem da boca, saem da alma e tocam o coração. Mentiras são as proprias tentações da mente, afinal, o caminho mais curto é sujo, e o longo é arduo, cabe a cada um fazer sua escolha, o sujo lhe trará o sucesso mais rapido, assim como lhe trará infelicidade e tristeza, o arduo, lhe machucará no inicio, mas se você acreditar que é capaz logo verá que só o primeiro passo é dificil de ser dado, e a reconpensa no final será o sorriso de ter acreditado e alcançado o objetivo tanto almejado.

Nadine Thiele
2 compartilhamentos

Toda Alma é como uma música.
Só pode ser tocada se houver Amor.

Rosiana Carvalho
2 compartilhamentos

Eu amo tudo que me toca a alma, que me conquista, ainda que não permaneça.
Amo tudo que desperta minha curiosidade, o desejo de saber e, de repente, descobrir que nada sei. Aposto minhas fichas no caminho, mesmo sem saber o meu destino. Desejo boas-vindas às boas companhias, aquelas que, por bem ou mal, me fazem aprender e permitam que eu cresça.
Acredito na verdade por discernimento e na mentira por opção, mas nada me faz viver por meias palavras, melhor que se aquietem. Mais vale uma boa dose de silencio, com essa mesma dose eu brindo a denuncia de um olhar, pois são “palavras” verdadeiras e compreendidas sem esforço.

Alessandra Souza
2 compartilhamentos

Minha alma as vezes se confunde com canção.
Miha alma se evapora de dentro de mim querendo tocar as nuvens e as estrelas.
Minha alma suspira, recorda e não acorda.
Minha alma talvez nem me pertença, talvez seja apenas fruto da minha imaginação.
Minha alma fecha os olhos pra acordar e abre os olhos pra sonhar, pois as melhores coisas da vida não nos pertencem.

Rani Oliveira
2 compartilhamentos

Quando penso em você me vejo tentada ao delirio
Um que de emoção e desespero me tocam a alma
So olhar sua foto não me acalma
Quero você...
Simples como o vento que passa pela minha janela na madrugada
Suave e ousado me trazendo frescor
Onde está?
Me perco em pensamentos insanos
Tenho sido roubada pelo seu amor
Não me faça esperar tanto
Venha com teus encantos e me faça esquecer as horas
Sempre você...

Emma
2 compartilhamentos

Descubra a música que toca sua Alma.
E não esqueça: você é o único maestro.
É quem coordena o ritmo, a pausa, o tempo, o equilíbrio e, principalmente, a harmonia.

YARA ALVES
2 compartilhamentos

Nunca esquecemos as pessoas que de alguma forma tocaram nossa alma. A vida toma seu próprio curso. Nossos erros, por vezes, nos segregam de nossos amores. Mas a alma, mesmo que silenciosamente, continua amando. Busca eternizar as maravilhosas lembranças dos encontros infinitamente mágicos que o Pai nos presenteou.

YARA ALVES
2 compartilhamentos

Tocar na ferida, seja do corpo ou da alma, incomoda e dói, mas as vezes é necessário para que a gente não esqueça que ela existe e que precisa ser tratada.

Graça Leal
2 compartilhamentos

Seria apenas mais uma história (...) Se não tivesse tocado a alma.
Porque a vida segue. Mas o que foi bonito fica com toda a força. Mesmo que a gente tente apagar com outras coisas bonitas ou leves, certos momentos nem o tempo apaga. E a gente lembra...

Giovanna bells
2 compartilhamentos

Lábios se tocam;
Os olhos se falam;
O silêncio diz tudo, quando a alma se junta;
O amor aconteçe.

Junior Vendemiatti
2 compartilhamentos

Quando o vento toca nossos cabelos, e adiciona bons fluídos ao nosso pensamento nossa alma está pronta pra agradecer ao tempo uma linda vitória de sentimentos...

Lídia Mara
2 compartilhamentos

Um dia a porta da sua alma se fechou. Sua música parou de tocar. Você olhava pela janela enquanto o amor te deixava. Pode ir, você disse, e jurou que nunca mais sentiria essa dor. Espalhado pela casa com os cacos do seu coração, a última coisa que você queria era amar outra vez.

Rejuntar estilhaços até se fortalecer de novo é um processo que leva tempo, e a duração desse tempo é muito pessoal, assim como o tamanho da dor que cada um carrega. É como se você ainda vivesse, seus órgãos e sistemas do corpo funcionam, você respira, mas falta algo. Falta vida no robô que rejunta as suas peças.

Foi assim, com muito esforço e angústias, que você tropeçou em seus próprios pés para reaprender a andar. Iluminou seus passos com seu brilho esmorecido. Mas você nunca parou, nunca desistiu. Não sabia o que ia encontrar lá na frente, somente sabia que era para lá que tinha que ir. Nem sempre você achava aquilo que procurava. Algumas vezes, acabou encontrando quem nunca imaginaria encontrar. Outras vezes, você mesmo foi atrás de pessoas queridas que dormiam nas suas lembranças. Por fim, você achou a sua imagem que se escondia atrás do espelho.

E agora você está aqui, sentindo-se inteiro. Você voltou a brilhar, a pulsar! Está batendo suas asas pelo mundo novo que deseja conhecer. Porém, mesmo no auge de suas mais novas descobertas e da confiança de um dia melhor que o outro, vira e mexe, você tem medo.

O medo sopra pela fresta da porta do seu quarto à noite, em seu silêncio secreto. Mas não é aquele pavor ao se deparar sozinho na plataforma de embarque rumo a um país desconhecido. E nem de ter outra cólica renal ou levar uma bronca do chefe. Isso tudo você encara. A coisa toda complica quando não se encontra o sentido das coisas ao fim desses dias longos e incertos, quando o cansaço penetra pelos poros a ponto de derreter a pessoa por dentro. Quando se cai em uma rotina mecânica de acordar, trabalhar, reclamar, pagar as contas e fazer parte da massa de conformados cidadãos inconformados desse mundo louco.

Esse mundo que te obriga a assistir gente ser decapitada e queimada viva. O medo de sair de casa e ser assaltado no trânsito, e, por isso, ficar com receio de abrir a janela do carro para dar um trocado ao pedinte que parece doente. A falta de vergonha na cara de políticos que zombam da sua inteligência. O medo de pegar dengue. A espera ansiosa pela chuva para encher rios e sentimentos.

No meio disso tudo é que se descobre que fazer-se completo dá um trabalho danado. E por mais que você saiba que esse seja um processo lento e interminável, e que você esteja focado em procurar a felicidade na sua jornada e não em seu destino, nestas horas de silêncio no seu quarto à noite acontece o imprevisto.

Nesse fluxo da vida que segue, entre as dores e as curas, revisitando tristezas e alegrias, como um dia nublado, quando menos se espera, ela chega. Toca a campainha da saudade, abre a porta da ausência e te abraça apertado. Ela não foi convidada, mas mesmo assim a solidão vem e fica por um tempo.

Ser feliz sozinho é fácil, difícil é ficar triste na solidão. Especulando que o amor não é algo tão fácil assim de ser encontrado, como se vê nos filmes e livros de romances, você se lembra de Rubem Alves, “Temos uma capacidade quase infinita de suportar a dor, desde que haja esperança”.

É nesse pressentimento que o peito ardido encanta o silêncio, atravessa a madrugada fria e amanhece na alegria. E encontra a esperança, com seus olhos de menina, equilibrando-se entre o inferno e o céu, pulando amarelinha na poesia. Ela joga uma pedrinha e te convida para brincar, enquanto esperam pelo amor, o seu novo amor que já vai chegar.

Porque frio, medo e tristeza, passam. Dor também passa. Até amor que foi embora passa. Só não passa a vontade de amar outra vez.

Então sua música volta a tocar e você sonha com Vinicius de Moraes: “a maior solidão é a do ser que não ama”.

REBECA BEDONE
2 compartilhamentos

Valorizo minha vida
e não temo em tocar
nas cicatrizes da minha alma.
Cada uma tem uma história:
de amores, de dores, de fé.
Com elas aprendi
o valor de ser livre:
de disputas tolas, de rancores
e dissabores.
Também com elas,
agucei minha intuição:
percebo o perigo, reconheço um falso amigo,
e qualquer má intenção.
E entre passos e tropeços
aprendo a me pertencer.
E me pertencendo, a força
da vida
mora em mim.
Eu mereço.

19/08/2015

Inês Seibert
2 compartilhamentos

Te amo do fundo do meu coração, tão profundamente que toca a alma... Te amo almamente...
Te amo tão simplesmente, sem necessidade de esforço algum, com a simplicidade do amor terno do simples ato e fato de amar...
Te amo com sorrisos de alegria, que alegram o meu dia essa felicidade de amar... Te amo com os olhos, com a boca, com o corpo inteiro... Te amo por inteiro, do inverso ao verso, de janeiro a janeiro...

E mesmo se o mundo acabar continuarei te amando, não importa onde eu estiver, não importa hora ou lugar... Te amo além da vida, além do amor, além da poesia e também da dor... Te amo e ponto. Ponto final. Ou reticências... Te amo e um suspiro... Um sorriso e volto pro chão. Suspiro de novo, uma lágrima brota da alma ao coração, escorre nos olhos... Ai que saudades... Te amo e pronto. Sem mais nem menos. Sem explicações nem condições. Sem restrições ou imposições. Te amo no começo, no meio e sem fim.

Marcella Nicolini Furtado
2 compartilhamentos