Coleção pessoal de swamipaatrashankara

1 - 20 do total de 4133 pensamentos na coleção de swamipaatrashankara

⁠Pra mim, quem está em crise com marido, mulher. por causa da pandemia onde são obrigados a ficar juntos, inclusive com os filhos que nunca quiseram criar, deixando esse trabalho para a escola, são fracassados que agora com o convívio forçado, os monstros interiores estão saindo para fora. Penso que esses infelizes de carteira atualizada, deveriam se lembrar do porquê ficaram juntos, do porquê quiseram ter filhos. Do porquê existem. Não é possível que uma união que deveria ser natural, possa ser destruída apenas porque existem restrições para se proteger e proteger outras pessoas. Esses malucos, passada a pandemia - e vai passar - vão poder exercer sua liberdade em sei-lá-o-quê. Por enquanto, respeite sua família e amigos e mais, avalie sua real importância em bares, reuniões, raves, noitadas de balada, etc. Vai perceber que você não é nada. Apenas mais um maluco que acha que isso serve de oxigênio para sua vida, enquanto que o verdadeiro oxigênio está na sua família, na qual você deveria gastar energia em se dar bem com ela. Se manca enquanto é tempo.

Swami Paatra Shankara

⁠Pássaro selvagem foi capturado, tem mais é que soltar mesmo. Pássaros que nasceram em cativeiro, temos obrigação de cuidar, pois se soltos, não vão saber caçar e serão alvo fácil para predadores naturais. Essa conversa fiada tipo coitado do passarinho, "ele canta a dor de estar preso", entre outras sandices é conversa fiada que não ajuda ninguém, muito menos ao passarinho que vai servir de refeição ao gavião que o enxergar. Menos hipocrisia barata salvaria muitos da morte inevitável. Ou é isso que esse bando de ambientalistas de araque querem? Por falar nisso, eu até pensei assim e soltei um canário, e ele foi caçado diante dos meus olhos por um gavião que já tinha decepado a cabeça de um periquito que eu criava, mesmo ele dentro da gaiola. Minha regra é simples: nunca aceitaria uma espécie que foi capturada na natureza. Os de criação são todos bem-vindos. 

Swami Paatra Shankara
Tags: gaiola liberdade

⁠Quando vejo o tanto de gente que morre com a minha idade, penso que ainda não enchi o saco dos que merecem.

Swami Paatra Shankara

⁠Feios e barrigudos preferem mocinhas. Se não tiverem muita grana, elas também preferem?

Swami Paatra Shankara

⁠Apenas posso fazer uma única previsão, baseado no que sempre foi o comportamento humano: muita gente vai chorar num futuro solitário as escolhas que fizeram por algo que sempre foi chamado de moda. Algo assim como a moda da boca de sino para calças ter algum nome (flare) que remete à mesma coisa. Hoje em dia é dizer que homem não presta, que não vale a pena, que deveriam estar fazendo a limpeza da casa, comida, cuidando das crianças, etc. Puro machismo reverso. Penso que o ideal sempre foi o diálogo sobre quem faz o quê. Mas a imagem que vi hoje de uma mulher deitada, tomando cerveja, descabelada, mal vestida parecendo no mesmo homem que ataca, enquanto que o suposto marido, está fazendo a janta e segurando um bebê. Sério? Alguma coisa assim de o macho não é tão macho assim? Somente, de verdade, nas ilusões dessas doidivanas. Vamos fazer o seguinte: essa mulher sentada no sofá, assistindo futebol e dando uma de homem, paga todas as contas? Não? Resolvido. Paga? Então quer ser a mesma coisa que sempre detestou, ou seja, dominada pela sociedade e pelo dinheiro? Em que está sendo melhor? Em nada, mas doidivanas de plantão acham que assumiram alguma coisa, deixando as tarefas de educar os seus filhos que saíram de si para um estranho, pois estranho é o que exemplifica o quadro. Sério? Suas crias vão ser criadas por alguém que despreza? E claro, todos os problemas advindo disso, pois foram criados sem o amor de mãe. Ou simplesmente - pela minha visão - é apenas preguiça de assumir seu papel ou uma vontade canina de não acertar o que é e o que não é numa relação, tipo simples, conversar e acertar o que quem faz o quê. Mesmo assim difícil? Resolve ou volta a ser quem vai a pessoa que reclama sem ter razão alguma, pois para se ter razão, tem que ter razão. Machista eu, meu senhor e minha senhora? Não. Apenas alguém que avalia as coisas como realmente são, algo assim que só serve para quem ganha muito dinheiro e não é nossa realidade, que mesmo que seja uma porcaria, ainda assim é a nossa realidade. Senhoras donas do seu nariz, se atenham a cuidar somente dele. Na parte muito pobre da sociedade, isso pode acabar em morte. Apenas não diga que não avisei.

Swami Paatra Shankara
Tags: machismo feminismo

⁠Nada é certo e o certo às vezes é nada.

Swami Paatra Shankara

⁠Mesmo com o calor da mudança, nem sempre alguns milhos-pipoca viram pipocas. Apenas piruá. Um dia, quem sabe?

Swami Paatra Shankara

⁠"Nunca estivemos tão perto de saber que existe vida inteligente fora da Terra", - diz a NASA. Serve para o que mesmo essa informação? Talvez para aqueles grupos aficcionados por ufologia. Não conseguimos nem manter nossa civilização, bons modos, atitudes. Não conseguimos nem nos livrar de guerras, pestes, humilhação ao ser humano. Não conseguimos nem tratar nosso planeta de forma decente para nossos descendentes e queremos saber de outras civilizações em outros planetas? Para quê? Vamos nos mudar para lá? Vamos rever nossas prioridades em função de outra civilização que pode estar mais podre que a nossa? Os telescópios deveriam estar virados para nosso planeta e não para o espaço profundo. Quem tem que melhorar somos nós e não saber se existe civilização em planeta A, B, C, etc. Ainda pergunto: serve para que tanto dinheiro gasto com isso, que poderia ser revertido na fome, na miséria mundial? Vade retro.

Swami Paatra Shankara

⁠Pare de ficar pensando, ou pior, dizendo por aí, que fizeram um feitiço (no popular, macumba) contra você e por isso que sua vida está uma joça. Pela lei das afinidades espirituais, feitiço só "pega" em pessoas cuja vida já estava uma joça mesmo. Pessoas com pensamentos negativos. Pessoas que acham que a vida lhes deve muito mais que batalham ter. Pessoas amarguradas com seus amores de ilusões e desilusões. Pessoas que não conseguem manter estes mesmos relacionamentos, pois não sabem receber amor e dar amor. Pessoas que só se sentem bem falando mal de outras, sempre aumentado um ponto no seu conto. Pessoas que não conseguem se dar bem com ninguém, pois estão travadas naquilo que chamam de "personalidade própria". Pessoas que batem no peito e dizem "eu sou assim mesmo, quem quiser que me ature". Pessoas que...bem, a lista é grande. Sua vida era uma joça, você é um joça. Se um suposto feitiço "pega" em você e como são apenas processos mentais, apenas vai reforçar o que já tem de negativo em você mesmo. Feitiço algum vai te matar pois não existe "espírito ruim" algum que tenha poder sobre o lado físico, tão somente no lado mental. Quem se mata é você mesmo, pois não tem capacidade de melhorar como pessoa, de fazer uma boa oração saída do coração e não da mente. De vigiar seus próprios atos nefandos e farsescos. É mais fácil atribuir o que a mais fica ruim e que já havia de errado na sua vida a um feitiço, não é? Continue assim, atribua e não faça nada para melhorar: nesse caso nem precisa de feitiço algum, pois o maior feitiço nesse caso, é sua mente contra você mesmo. Pense melhor antes de achar que o mundo está contra você. Pense melhor antes de tirar a carteira do bolso para pagar a algum charlatão em algum centro espiritual também joça, para "retirar" o tal feitiço. Onde se paga por isso, sequer existe espiritualidade, sequer existe luz. Se mesmo assim acha que precisa de alguma coisa externa para resolver seu suposto feitiço, antes de pensar em melhorar em alguma coisa, vá num local onde haja espiritualidade sadia. Eles podem ajudar, mas apronte seus ouvidos: eles vão lhe falar, não o que você quer ouvir, mas o que precisa ouvir. E se mesmo "ouvindo", as palavras não calarem no seu coração, bem, o feitiço + você enfeitiçado por você mesmo, vão se reunir na próxima esquina. A moral da história é somente a falta de moral.

Swami Paatra Shankara

⁠Nunca case com uma pessoa que acha que você deve alguma coisa a ela. Negocie e caia fora. #restodavidanão

Swami Paatra Shankara

⁠Estudos falam que o cérebro já nasce preparado para acreditar e uma vez acreditando é muito difícil demovê-lo desse conceito. Estudos também dizem que a crença em um ser divino é uma tendência biológica que se desenvolveu ao longo de milhares de anos de evolução. (...) "Se crianças fossem colocadas sozinhas para morar em uma ilha, sem informação externa, ainda assim se tornariam religiosas" - afirmam. As pessoas não escolhem acreditar ou não; elas já nascem acreditando. É como se você saísse de fábrica com um cérebro crédulo, e só conseguisse transformá-lo em cético depois de muito tempo. Supondo, apenas supondo que tudo isso é verdade, penso que eu, você, nós, perdemos grande parte de nossa vida tentando mudar conceitos de outras pessoas e vemos que isso sempre foi e parece que nunca terá uma solução, visto ser uma tendência biológica. Resumindo, melhor cuidarmos de nós e menos dos outros, quando o assunto é mudar alguém tipo assim, na marra, pois é isso que seu cérebro em algum momento definiu como verdade para você, o que não significa que o cérebro do outro definiu a mesma coisa que você. Penso talvez que a partir do momento que você compreende isso, muita discussão não vai passar por baixo dessa ponte. Como alguns sábios sempre dizem, a mudança vem de dentro para fora e nada pode mudar isso - ou seja: o cérebro das pessoas começaram a acreditar em outras coisas, sozinhas, sem ajuda, pois esse é o descobrimento e isso apenas pode ser incentivado e não lutar contra conceitos já adquiridos. Faça a mesma coisa e vá procurar pelas suas novas respostas também, mesmo não tendo respostas definitivas da ciência. Mal não fará.

Swami Paatra Shankara
Tags: acreditar mudança

⁠Essa modinha atual de "como você me descreveria: qual fulano ou fulana?" os ególatras nunca levam em consideração o que se escreve e o que se pensa de verdade sobre quem quer que seja. Essa moda é de um egoismo e de uma carência atroz. A quarentena está gerando malucos que perguntam e outros malucos nem tão sinceros que perdem tempo em responder.

Swami Paatra Shankara

⁠A dor de crianças passando fome em países como a África, entre outros tantos e animais abandonados retratados o tempo todo em redes sociais é um exemplo clássico de Síndrome Genovese. Muita conversa, muito nada. Dá de comer antes, não documenta apenas.

Swami Paatra Shankara

⁠Um verdadeiro porre. Depois de centenas de anos, redescobriram a escravidão e o racismo nos EUA e o Brasil fazendo a mesma coisa? Sério mesmo que precisa acontecer uma tragédia nos EUA pra todo mundo se mobilizar? O que se faz no Brasil então, que a matança de pretos (não se pode falar negros) é diuturnamente empregada? Hipocrisia de um monte de gente apoiando os EUA e no Brasil, nada? Basta o governo matar e tudo bem? Os protestos ficam pelas famílias das vítimas e sequer duram 2 dias na mídia. O que resta é apenas chorar, pois esses bandidos fardados não vão pagar pelos seus crimes, que também basta seguir as notícias e ver que é uma prática diuturna. O sangue sempre será vermelho seja para quem for.

Swami Paatra Shankara
Tags: racismo hipocrisia

Cruéis alguns humanos sempre foram. Com o advento das redes sociais se tornaram covardes também, pois é fácil dizer qualquer coisa que não teriam a menor coragem de dizer cara a cara. Parece que estar do lado de lá de uma telinha, traz uma sensação de "posso ser quem eu quiser, posso tudo, posso destruir a imagem de alguém, posso criticar quem pensa diferente de mim, posso criticar quem é mais bonito (a) que eu, posso criticar quem tem um corpo melhor que o meu, etc, etc". Problema é o depois disso, o criticado vai continuar com sua vida (mais famoso, mais bonito(a), melhor corpo, etc), mas quem critica vai ter que suportar o peso de ser quem é de verdade. Nada mais justo.

Swami Paatra Shankara
Tags: crítica covardia

Médicos no mundo inteiro por Covid ou não, decidem quem morre ou não. Se você tinha alguma ilusão a respeito, espero que reconsidere. Isso nunca foi por governos e ministros a favor ou contra. Sempre foi um dilema médico. Se não é médico com uma vida nas mãos, respeite. As coisas são assim desde o mundo que conhecemos é mundo. Sua ideia política não vai mudar em nada sobre as decisões - miseráveis e difíceis - que os verdadeiros médicos enfrentam a cada dia, com pandemia ou não. Se não acredita e quer fazer disso uma ideia política, sai fora.

Swami Paatra Shankara

De tanta merda que lemos hoje em dia acho que estou com L.E.R no cérebro...

Swami Paatra Shankara

A ignorância que antes era motivo de vergonha hoje é considerada uma virtude.

Swami Paatra Shankara

Hoje ninguém tem mais vergonha na cara de expor seu preconceito e outros retardados idem, aplaudem.

Swami Paatra Shankara

Os eisegeses atuais transformam qualquer coisa da sociedade num fato político favorável ao que é submisso. #atroz

Swami Paatra Shankara