Poemas da Seca do Nordeste

Cerca de 196 poemas da Seca do Nordeste

Um olhar!

Tem quase nada na mesa
de que adianta o suor
se a seca na natureza
está cada dia pior
e esse olhar de tristeza
de quem não tem a certeza
de um futuro melhor.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

A seca é um processo
que maltrata o nosso chão
chega de tanto regresso
na vida de cada irmão
todo dia a Deus eu peço
um pouco d'água pro sertão.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

A seca quando demora
deixa a planta ressecada
a semente não aflora
falta palma pra manada
o nordestino vai embora
contando minuto e hora
pra voltar a terra amada.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

Dura vida!

Não maltrate o nordestino
que sofre desde menino
sem água para beber
é a seca que castiga
é o oco na barriga
e quase nada pra comer.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

Nossa manhã.

Sua visita é bem vinda
aqui na nossa região
a seca maltrata ainda
mas já com moderação
e quando a noite se finda
a manhã nasce mais linda
nas cidades do sertão.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

Já não importa o que reste
o que possa me acontecer
a seca é ruim feito a peste
mas nunca vai me vencer
eu sou feliz no nordeste
onde eu nasci pra viver.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

O nordestino é de valor
se levanta a cada baque
vive na seca e na dor
mas não tem um de araque
pode ir por onde for
mesmo para o exterior
que não perde seu sotaque.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

NÃO NEGO!

Sou nordestino e não nego
sou cria desse lugar
na seca nunca me entrego
só saio se Deus mandar
e esse orgulho eu carrego
e nesse chão só sossego
quando essa chuva voltar.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

CADÊ VOCÊ?

A seca é predominante
não tem uma flor plantada
a escola está distante
e a saúde prejudicada
sai e entra governante
e a pobreza é alarmante
nessa terra abandonada.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

Ida!

A seca fere e maltrata
a vida do sertanejo
em cada rosto que vejo
existe um nó que desata
mas pouco a pouco se mata
a semente pura da flor
na transição do destino
se foi mais um nordestino
na longa estrada da dor.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

Terra seca!

A seca é permanente
a chuva não aparece
esse povo não merece
viver assim tão dependente
quanta família carente
esperando um só trovão
como é seco o meu sertão
tão ferido nesta guerra
mas rachado que essa terra
só mesmo meu coração.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

SECA!

A seca é bicho danado
que fica só na espreita
falta pasto para o gado
sem força o pobre se deita
e sem chuva no roçado
o chão fica ressecado
e o sertão não tem colheita

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

SEMBLANTE DA SECA!

Já não tem água e comida
aqui a seca é abundante
onde a dor da despedida
reflete em cada semblante
e nessa terra sofrida
cada momento da vida
se torna mais importante.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

IR À LUTA.

A seca já tem mudado
muita gente de lugar
o nosso povo é honrado
e não se deixa acomodar
vai em busca do trocado
só não vai ficar parado
quem nasceu pra trabalhar.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

SURTO DA SECA.

A seca me causa ira
o que tenho ela devora
se a mata não respira
a semente não aflora
e o nordestino delira
até a última macambira
se recusa a ir embora.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

ÁGUA CARA.

A seca traz carestia
deixa cinza meu cenário
atrapalha o dia a dia
de quem vive sem salário
no sertão sem alegria
quem tem água na bacia
por aqui é milionário.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

BUSCA!

Vou embora pra cidade
porque a seca está medonha
sabemos que a felicidade
é tudo que a gente sonha
pra quem tem dignidade
passa por dificuldade
sem jamais sentir vergonha.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

FICO!

A seca aqui é resistente
passa o tempo e ela devora
falta água na nascente
sobra no rosto que chora
mesmo nessa terra quente
espero a chuva paciente
mas daqui não vou embora.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

O NORDESTINO.

O nordestino eu conheço
é aquele cabra arretado
que na seca paga o preço
sem se dá por derrotado
supera qualquer tropeço
mas se muda de endereço
não esquece do passado.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM

AO POLÍTICO!

Não temos água pra banho
um carro pipa a cada mês
a seca aumenta de tamanho
e o nosso povo a mercês
e a metade do nosso ganho
paga o luxo de vocês.

Guibson Medeiros
Inserida por GVM