PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz

51 - 75 do total de 185 pensamentos de PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz

Estou chegando a conclusão (tardia é verdade, mas que sempre me ocorreu) que as pessoas querem sempre algo de nós, mas nunca nos querem.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

A maior distancia entre a vida e a coragem é a covardia

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

O tamanho da solidão de um criador é proporcional à abrangência que ele deseja para o êxito de suas obras e personagens.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Trauma é como pedra afiada, pesa e corta.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Domingo é um dia que tanto se quer que ele chegue, mas quando ele chega tão logo se quer que ele parta.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Havia um tempo em que o espetáculo da humanidade era a própria vida, mas agora a vida se tornou espetacularizada e desumanizante. A vida não existe mais, porém, curiosamente, está a todo instante sendo filmada.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

A fragilidade pode ser uma modulação da potência. Já a fraqueza, o prelúdio da ausência da força.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

A euforia é a manifestação violenta no público de um vazio do ente privado. A alegria é o canto do eu na sensível harmonização da plateia.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

A maior das violências se opera contra aquele que não pode protestar, justamente porque lhe é ausente um projeto de consciência e, consequentemente, julgamento moral que o motivaria a tal ação.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

O problema do internauta é confundir a realidade (na qual está inserido) com a totalidade da realidade (na qual todas as pessoas são participantes).

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Um dia mudo esse mundo surdo.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

O amor acorda cedo, a preguiça dorme sempre. Já o desencanto nunca sonha.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

O Ministério da Carência adverte:
Pessoas que se apegam rápido demais às outras estão muito distantes de si mesmas.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Uns ganham um poeta de presente, outros ignoram a ausência da poesia na vida. No final das contas, dizem por aí que amantes que sabem rir juntos não deixam jamais seu par chorando só.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz

Sonhamos todos os dias. Lembramos pouco, mas sonhamos sempre. Tenho a imperfeita impressão que quando dormimos, morremos. O sonho é a lembrança para se manter vivo; é o alimento do sono. Mas, a era virtual matou o sonho e transformou a vida real em fuga débil. Estamos passando uma fome onírica, sem precedentes.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

E eu que penso e não existo através do espelho, calculei sem muito gasto sináptico o tempo que se perde no selfie para encontrar a posição (projeção) idealizada de si. Foi, pois que o resultado é: esse tempo é muito maior que o tempo no qual as pessoas rapidamente encontrarão seus mais perfeitos defeitos. As virtudes, no entanto demorarão uma vida inteira para lhe devolverem à altura de sua imagem sonhada ou pesadelo indescritível.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

As pessoas se irritam com as mentiras, mas se ofendem com as verdades.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Há de se desconfiar de uma sociedade quando a preocupação passa de "to be or no to be" para "curtir ou não curtir".

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Não preciso de arte de protesto. O meu protesto é a arte.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Ateu, de verdade, adora Mitologia.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Com o advento do 'digital', as fotos sumiram de dentro de casa e as imagens das crianças se tornaram souvenirs.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

A pele é um evento político do corpo.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

"Arte é forma, não fôrma"

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

A dança no Hip Hop poderia experimentar (cada vez mais) migrar do espírito MC (do improviso) para o do DJ (da mixagem). Isso seria, talvez, a construção de outra escrita do movimento em cores; um graffiti quero dizer.

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO

Toda vez que tentarem lhes enfiar em gavetas, quebrem os armários, destranquem as portas e abram as janelas - NÃO PULEM DAS MESMAS, esse ato em desespero somente encorajaria a hipocrisia de quem os chamam de loucos. Atenção: você não está atrás ou em cima do muro, mas do outro lado da ponte. Atravesse-se!

PAULO EMÍLIO AZEVEDO, poeta PAz
Inserida por PAULOEMILIOAZEVEDO