KarolAmorim

1 - 25 do total de 69 pensamentos de KarolAmorim

Você me diz que eu sou a sua Princesa, me abraça apertadinho e me manda mensagens das onze da manhã até as onze da noite. Tudo passa, mas as horas nunca passam quando você não está ao meu lado. E eu digo que eu quero ver você ficar mais, porque você colocou de cabeça pra baixo o meu mundo, com os ponteiros do relógio certinhos como eu nunca fui. Mas você é meio maluca e diz que vai ficar comigo mesmo assim, mesmo sabendo que o meu mundo não é nenhum pouquinho simples. Você me diz que eu tenho vontades incríveis e que eu acordo tarde demais para realiza-las. Você reclama do meu piercing e fala do meu umbigo. Você me diz que seu pai já teve milhares de armas, mas que não mata uma formiga, enquanto você reclama toda hora de querer matar umas vinte pessoas que te estressam durante o dia. Uma delas sou eu. Mas você quer me matar de abraços apertados, de beijos demorados e de sorrisos que me deixam quase sem ar. Você quer me matar de amor e eu ressuscito todas as vezes pra voltar com você depois. Quando você vai embora da faculdade e chega em casa, quer me encher de conversas engraçadas. Você uma vez me contou uma piada que me fez ter asma no outro dia. Você sabe que eu não posso sorrir, mas quer me matar me fazendo feliz assim. Você mergulha dentro de mim e eu transbordo de você, me afogo em você. Vejo você em todo o lugar. Durmo abraçando o meu travesseiro com saudades de apertar bem forte o ossinho do teu braço. Você diz que odeia o meu pavê, mas eu não me imagino mais um dia sem você. Nenhum dia desses dias que a gente passa sem se ver. Não da pra encostar a cabeça no sofá e me imaginar assim pra sempre. Tô todas as horas com você sem que você perceba também. Fecho os olhos e posso sonhar com você. Você não sabe, mas você acaba de me acordar de todos os pesadelos que eu já tive. Agora acordo de madrugada com você ao meu lado na cama, me olhando, mexendo nos meus cabelos, me dizendo o quanto eu sou bonita até dormindo. E você é feia por me fazer acreditar nisso e naquilo. Você me diz coisas que ninguém nunca me disse. Você me faz acreditar em fadas, magia e borboletas azuis fantásticas. Você me tirou daquilo que me doía e me colocou num lugar seguro, tão bom aonde eu posso ser eu mesma. Aonde eu posso imaginar o que eu quiser. Aonde eu não preciso me controlar. Aonde eu posso correr e pular nos teus braços que você vai me segurar. Aonde eu posso usar aquela minha pantufa rosa sem alguém achar estranha. E você adora tudo em mim. Você faz meu coração pulsar, meu corpo arrepiar e minha alma arder quando vai embora. E eu não quero mais ser metade sem você. Eu quero continuar inteira. Eu quero ser a unica garota que pode te tocar. Eu quero todas as manhãs acordar e saber que eu tenho alguém que eu posso ligar. Eu quero que saiba que todos os dias vou te amar assim, como se você fosse a unica pessoa com quem eu preciso me importar. Como se você fosse a unica pessoa que eu gosto quando me mima, me liga, me procura. Você é o meu suficiente agora e isso basta. Assim como bastou te ver pra coisas boas acontecerem.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Me acorda todos os dias falando que me ama, com esses olhinhos pequenos, se quer me fazer feliz de verdade.
Chega na hora em que eu te pedir pra chegar, se quer me fazer feliz assim.
Me pede pra te abraçar quando for dormir.
Me conta uma história engraçada sua.
Me da um beijo devagar quando me sentir estressada.
Não me espera acordar pra encostar a sua mão na minha.
Se você quer me fazer feliz, esquece a hora de ter que ir embora. Esquece que o tempo corre lá fora e corre comigo pela casa.
Brinca de esconde e esconde, mas nunca esconda realmente as coisas de mim.
Se quer me deixar feliz, me diz que eu sou a sua princesa e cuida bem de mim.
Me deixa segurar a sua franja. Volta todas as vezes que eu for embora. Me puxa pelo braço, rasga a minha camisa numa briga, mas não me deixa ir embora pensando coisas erradas sobre nós. Nós sabemos que as coisas erradas são melhores quando a gente deita na sua cama.
Se quer me fazer feliz, escuta Avril Lavigne e faz cara de quem não aguenta mais, mas aguenta mesmo assim.
Me abraça apertadinho quando eu me sentir perdida.
Se você tem mesmo o interesse de me fazer feliz, vem até minha casa e enfrenta todas as pessoas comigo. Enfrenta seu sono pra me ver dormir, sonhando com o dia em que você vai decidir que realmente quer me fazer feliz e ponto.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Quando o amor acaba a gente inventa mil maneiras pra voltar. A gente tenta arrumar um jeito pra o que tá desajeitado. Procura acerto pra o que não tem solução. Não tem como acertar a hora exata, mas morro de medo de um dia te ver saindo por aquela porta pra sempre. Perder você pra sempre seria me perder também. Nem imagino o tamanho do buraco aonde vou ter que me enfiar pra não chorar, não pensar, não querer, mas tem que ser profundo. Do tamanho que você é dentro de mim. Quando o seu amor acabar vou pedir arrego aos deuses, vou procurar uma vida em outro planeta, bem longe das minhas lembranças bonitas em sua casa. Tenho que aceitar que quando o amor acabar nada mais vai dar certo e toda a minha loucura vai parecer normal pra você.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

O espelho do meu quarto já não aguenta mais te ver em mim. Me arrumo inteira só de pensar que vou encontrar você. Ontem sequei o meu cabelo e escolhi a minha melhor peça roupa pra te ver. Revirei o meu quarto e o guarda roupa, mas nada parece se encaixar em mim perfeitamente como você. Queria ser perfeita pra você, nascer da forma que mais te atrai. Queria que um dia, sem mais e nem menos, você chegasse em mim e me dissesse que não dá pra me esquecer, em vez de você chegar com as suas desculpas bobas. Queria que você jogasse os livros que eu te dei no chão e me dissesse que essas terapias não adiantariam de nada mais. E nunca adianta escolher a melhor peça de roupa se você vai usar alguma coisa leve que vai ultrapassar a minha altura em segundos. É insuportável ver você impecável sem se importar em estar, enquanto eu quebro a minha cabeça pra estar a sua altura toda vez. E nunca estou. Também nunca estou no mesmo andar que você. As vezes rezo baixinho pra te encontrar quando dobrar qualquer esquininha, mas nunca dá certo. E eu volto pra casa triste. O espelho do meu quarto já me olha meio triste com todas as vezes que deito na minha cama e choro, pensando no quanto eu queria ter o poder de fazer as coisas darem certo. Queria ter uma varinha mágica e pronto, você seria minha. E todo mundo olha pra mim com uma cara de que tá meio mal pela escolha da minha peça. E todo mundo que me olha meio mal, me diz que eu tenho que parar de jogar com você. Mas quando te vejo chegar linda, não consigo deixar escapar os sorrisos que dou involuntariamente milhares de vezes. Um dia vou pintar um sorriso no espelho do meu quarto e pros outros vou dar um sorriso de verdade, bem aberto, mas enquanto o espelho tá de mal comigo, vou tentando não entrar no meu quarto e dar de cara com as suas coisas lá. Tudo me faz lembrar o quanto é bom dormir com as minhas pernas entre as suas, cheirando o cantinho da sua nuca, com as minhas mãos nos seus cabelos. Você tem um cheiro de coisa nova e eu já estou ficando velha com os meus mesmos textos pra você. E eu já falei pra mim mesma, me olhando naquele espelho, o quanto é cansativo esperar as suas idas e vindas quando você é o lugar onde eu quero por um ponto final. As vezes não sei de qual jeito colocar esse ponto final, mas fujo dessas idéias tristes, enquanto tem alguém perto de mim. Não posso deixar escapar os meus sentimentos sobre o quanto você me acaba aos poucos e me cansa ás vezes. Mas eu não consigo fugir de tudo isso ainda e de quando você me agarrou aquele dia na cozinha. Meu ponto final com você tem que ser de uma maneira mais feliz. E quer saber? O espelho do meu quarto pode esperar, as minhas vizinhas e a minha família também, menos você. Você tem que me ver absolutamente linda hoje. Ponto final, eu vou me arrumar.
Espelho, espelho meu, desamarra essa cara e me entenda, ou me deixa na altura dela.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Quando eu te vejo o meu coração dispara, tenho medo de que um dia saia pela minha boca e eu não consiga segurar mais o riso que eu quero dar quando te vejo chegar na minha casa: Linda demais!

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Ele quer ir embora, eu já sei. Ele quer ir embora agora que eu gostei de ficar. Ele da sinal de vida, me liga quando eu menos espero, mas ele não quer ficar mais. E tá estampado em sua cara. Quando ele chega em minha casa com presentes, me dizendo que não sabe se eu vou gostar é porque ele não se importa em me perguntar mais nada. Afinal a sua passagem é temporária e não permanente. Ele não me fala com todas as letras, mas eu sinto enquanto tô trancando as portas da minha casa, a insegura que ele sente. Ele transpira, congela e transmite todo o calor do seu nervosismo pra mim. Quando ele não quer mais ficar, eu invento olhares novos, sorrisos falsos e enrolo as suas desculpas com as minhas conversas mole. Não sei se ele percebe, mas eu crio uma cena, enquanto por dentro tô rezando, escondidinha e de joelhos pra que ele esqueça da hora. Quando ele me diz que vai embora, eu já estou embaixo da escada, tapando a sua visão do mundo lá fora. Eu já estou com os braços abertos pra que ele não saia. Eu já estou avisando aos porteiros, a policia, ao delegado que é um erro deixar ele passar da porta. Quando ele decide que quer ir mesmo embora, eu já tô explicando aos prantos aos meus pais o motivo do meu desinteresse com o mundo. Enquanto ele tá na minha cama, suando e decidindo como me dizer que já vai, eu tô me conectando com os astros e voltando de outro mundo. Enquanto ele me da um beijo de despedida, eu já beijei ele um milhão de vezes. É... Ele quer ir embora e talvez eu preciso ir embora também, mas não agora. Agora é cedo demais pra mim. Enquanto ele vai embora, eu olho pela brechinha da minha janela pra que ele não se assuste e suma de uma vez. Seria um desastre se ele olhasse pra trás, me visse fixando os meus olhares em seus passos e entendesse tudo o que eu não tô mais entendendo. Não! Ele não pode nem sonhar com isso e não pode ir embora, tá decidido!

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Tenho vontade de gritar com ele cara a cara. As vezes vou em sua casa pra falar na lata tudo o que eu resmungo sobre a gente sozinha. Mas nunca falei. Sabe Fulano, ele não é desses caras que consegue me manter brava. Ele faz cara de choro e eu corro pra enxugar as suas lágrimas. Ele me diz pra não ir mais além e eu não consigo tirar as mãos do rosto dele. Sabe Fulano, ele uma vez me disse que não era bom em palavras, mas me escreve toda vez que quer me fazer sentir amada. Mas ele tem o dom de me deixar triste depois e eu nunca entendo o motivo de tudo isso. Pra quê ele me escreve coisas tão bonitas se depois suas atitudes não vão corresponder ao que ele me diz sentir? Ele faz cara de durão e passa horas me explicando o quanto ele é diferente dos outros caras e blábláblá. Eu fico calada porque disso eu já sei decorado. Repito essas falas em minha mente todas as vezes que tento esquecer tudo o que ele me fez. Mas ele faz questão de me falar que é único e eu sinto vontade de me esconder no cantinho da sala da minha mãe e chorar até secar. Porque ter a certeza disso me doí a cabeça as vezes. Sabe Fulano, ele dorme e eu sinto vontade de acorda-lo todos os dias. Fico acordada, olhando o quanto ele dorme tão engraçadinho. As vezes coloco a mão sobre o rosto dele e encosto os nossos lábios devagar, mas eu não falo nada do que eu queria falar. Tá tudo engasgado. Tenho medo de que um dia desses, ele acorde e me ache maluca, embora eu seja completamente louca por ele. Eu tenho medo de que um dia desses, ele esqueça de vir me visitar e esqueça de me falar sobre o quanto ele não gosta de me dar flores. E sabe Fulano, um dia desses eu pensei que eu realmente merecia que um dia ele chegasse com um buque de flores pra mim. Um dia eu sonhei que ele atravessava a esquina da minha casa e sorria com um milhão de rosas que estavam guardadas em sua casa pra me entregar. E nesse sonho, em vez de desculpas, ele me abraçava e me dizia que preferia ficar. E ele me dizia o quanto gostava de me balançar de um lado para o outro. Ele me balançava e eu me sentia uma criança em seus braços. Ele me dizia que eu era muito mais do que pensava e eu me achava demais. E sorria demais como eu nunca mais sorri. Ele me explicava que as outras mulheres não eram nada perto de mim. E então, eu acordei, lembrando de quantas mulheres correm atrás dele e do quanto eu me sinto só mais uma. E do quanto queria que elas sumissem de uma vez. Tudo bem, não tem nada de errado nisso. Ele é esperto, inteligente, bonito e bem sucedido. Gosta de história e fala muito bem sobre as energias que transmitimos. Estranho seria se alguém não se importasse com ele. Queria não me importar assim. Queria não me perder enquanto escrevo e me achar demais pra ele. Queria também me achar cada vez mais dentro dele, mas aos poucos ele se vai. E sabe Fulano, eu te digo: é difícil olhar ele ir embora na parada de ônibus, com os olhos cheios de lágrimas. É difícil explicar pra ele o quanto ele merece alguém que queira quebrar o ônibus com os braços pra que ele se assuste e se sinta mais seguro aqui. Ah, Fulano! Se pelo menos você entendesse... Mas você não entende nada e nem ele. Ele pelo menos tenta entender, mas não consegue porque cara a cara eu não falo mais nada. E eu volto pra casa sem graça toda vez. Faço cara de durona na frente dele e desmancho a cara toda vez que ele vira pro lado. Jogo as minhas armas no chão e sinto vontade de prender os meus braços envolta dos braços dele. Mas num segundo ele olha pra mim e eu já me sinto armada com medo de um dia me desarmar sem querer de uma vez. Mas sabe de uma coisa, Fulano? Bem que eu queria. Bem que eu poderia dizer tudo o que eu tenho pra dizer cara a cara. Ah Fulano, um dia ele vai entender. Mas eu quebro a cabeça pra saber Quando ele vai entender, Fulano. Quando?

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Sempre fui a mais intensa entre as garotas da minha idade, mas isso quase nunca fez muita diferença. Sou uma garota difícil de gostar! talvez eu me sinta mais complicada do que todas elas juntas. E muitos caras me disseram algo parecido. E no meio de tudo, quase sem querer, descobri um mundo onde tudo podia acontecer. E aconteceram coisas incríveis. Um dia vai acontecer também, aqueles lances de histórias em quadrinhos: alguém vai aparecer, esbarrar em mim e gostar de mim exatamente como eu sou, exatamente como eu fui. Talvez nem seja exatamente um romance. Eu não falo e nem espero por um romance. Um dia, quem sabe, eu não vou precisar inventar desculpas e guardar segredos mais. Um dia alguém vai bater de frente comigo e vai ser mágico, como aqueles dias em que passei perto do paraíso com as garotas que eu nem conhecia. As vezes paro pra pensar e não faz sentido esperar, mas nada nunca faz sentido naquele lugar também. E nem esse texto faz. E isso me agrada.

KarolAmorim
2 compartilhamentos

Você não merecia o que eu escrevi. Você não merecia o que eu fiz. Você não merecia nada disso porque você é mais. Você é mais que todas as coisas boas que me aconteceram em vinte anos. Eu já te falei sobre quando viajei pra fortaleza? Fui morar numa casa que era perfeita e meus pais estavam tão bem juntos. Meus irmãos eram bem unidos. Também te contei sobre quando fui pra minha primeira rave com a minha melhor amiga. Lembra de quanto você chegou na minha casa com um urso e um caderno de anotações sobre mim? Você lembra do quanto eu estava brava e de como eu sorri assim que te vi chegar na parada de ônibus? Você me fez mais feliz que isso. E teve aquela última noite em que você dormiu na minha casa. Eu te olhava com muito medo de te acordar, mas eu devia ter te acordado pra dizer o quanto você é linda dormindo. Agora sinto como se eu nunca tivesse te dito nada do que eu deveria dizer. Eu devia ter implorado pra não ir naquela festa porque eu me conheço e não merecia essa festa com você. E nada mais faz sentido também. Todas as vezes em que te olhei me apaixonei e não é uma maneira de falar. lembra do quanto eu morria de rir das pessoas que você ignorava? hoje eu tô morrendo de medo de ser uma dessas pessoas. Pensei que nunca fosse passar por isso, mas agora posso te dizer que te amar foi a minha maior dor até agora. Porque nada doí mais do que não poder mais ir na sua casa e te encostar devagar numa parede qualquer. Nada doí mais do que não ir te buscar mais na parada de ônibus naquele sol infernal. Nada doí mais do que não poder rir dos seus shorts de dormir. Nada doí mais do que não poder te contar o quanto me sinto excitada só de ouvir a sua voz ou quando você me abraça por trás. Nada doí mais que sentir essa dor de saudade de você o tempo inteiro. Penso que morrer doeria muito menos. E teve aquele dia no parque, que você apareceu tão sorridente. Você me levou pra debaixo de uma casinha e eu não via a hora de encostar a minha mão na tua. Você conversava demais e eu suava demais pra calar a sua boca com um beijo. Toda vez que eu olho pra sua boca sinto uma coisa completamente louca. Nada me fez sentir mais louca do que esse meu amor por você. Sinto vontade de sair gritando pela rua, procurando algum abraço que me faça sentir tudo o que eu sentia quando me jogava nos seus braços. Você é tão baixinha, mas tinha tanta força pra me segurar e você me segurava com muita vontade. Isso era uma das coisas que eu mais gostava de fazer e mais queria fazer durante o dia. Por muitas vezes descontei em você, brigando com você por sentir tanta vontade de correr pra os seus braços. Mas nada disso mais faz sentido e nem as minhas brigas. E o mundo hoje em dia não faz mais nenhum sentido também. Sentir é uma coisa tão tão tão louca e nós já somos loucas o suficiente. As vezes é preciso que algo aconteça pra gente passar a dar mais valor as pessoas ao nosso redor, certo? Espero que tudo o que eu tenho pra te falar fique guardado pra sempre em minha mente. Ou espero que um dia você volte a tentar descobrir. E são tantas coisas pra relembrar. Eu espero que você nunca esqueça!
Obs: você acordou tão linda quinta feira. Pensei sobre isso ontem também.
I love you!

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Já que gostar de você já não faz mais nenhum sentido, vou pensar em me jogar da escada abaixo. Vou pensar em tapar os meus ouvidos pra não ouvir som algum. Vou fechar os meus olhos pra não tentar enxergar você em outras pessoas. Já que pensar em você não vai mais me levar pra sua casa, vou fugir da minha, gritando pelo mundo e sem entender ninguém mais. Porque eu gosto das sensações que só você me causava. Porque eu gostava de quando tinha você na minha cama, com aquela cara de sono, me pedindo pra dormir de novo com você. E eu dormia de novo, mesmo sem querer, mesmo sabendo que depois iria me arrepender de não ter beijado o seu rosto inteiro. Você sorria lembrando de como eu me acordava com você... Beijava o seu rosto e coloca os meus braços envolta da sua cintura. Por muitas vezes pensei em te segurar com muita força pra você entender que eu te deixava segura e eu também me sentia segura com você. Eu gostava mais de quando você chegava numa tarde qualquer e sentava comigo pra me conversar. Hoje quando acordei imaginei você sentada, sem querer me ouvir e eu te dizendo o quanto me sinto culpada por tanta besteiras. E eu me sinto e sentava no seu colo, e te prendia pra te beijar bem devagar. Fecho agora os meus olhos e posso sentir o teu lábio inferior bem grosso encostando em minha boca. Ainda sinto o gosto do seu beijo sem precisar forçar nada. Eu gosto de quando você dança e me sinto boba pensando em você tentando sambar pra mim. Eu devia ter te beijado demais porque você fica linda quando faz algo que não quer. Eu gostava de quando a gente bebia e parecia que não existia mais nada além dos nossos abraços. E o seu abraço por trás me deixava maluca e ainda penso em te escrever mais sobre isso. Você não tem culpa alguma de me deixar gostando tanto de você, mas você não devia me aparecer com tanto brilho assim. Você me faz gostar muito mais. Já que gostar de você me faz pensar em você subindo as escadas do meu prédio, vou com certeza me jogar pra você me pegar com aquela força que você me levantava quando eu duvidava de alguma coisa. E eu duvido, duvido muito de que o mundo vai voltar a ser o mesmo. E as pessoas me olham com pena de que você também não volte pra brilhar nos meus olhos e no meu rosto. E gostar de você agora é triste porque você fechou os olhos e coração, mas não para o mundo.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Queria gritar com ele cara a cara de novo, Fulano, mas queria que ele entendesse também como me sinto quando fico calada. Queria não precisar ir na sua casa pra explicar o tamanho das sensações que ele me faz sentir, mas ele é o cara e eu sou apenas uma distração que enlouqueceu o mundo dele por um momento. No momento, queria de novo correr pra casa da minha mãe e chorar até secar, mas ele não faz mais cara de choro e eu quem durmo tentando conter as lágrimas. Sabe de uma coisa, Fulano? Ele também não me escreve mais e não vai mais me falar que sou melhor do que muitas garotas porque disso eu já sei que não sou e é o que eu repito em minha cabeça agora todas as vezes que tento entender o motivo de não ser mais amada por ele. Sabe, Fulano, hoje eu acordei e senti falta de atravessar ruas pra ir busca-lo. Queria me perder em alguma curva dessa cidade. Queria não me encontrar mais nos braços dele e queria me perder cada vez mais por esse mundo, mas agora rapidamente ele se vai da minha rotina e eu não tenho armas pra me proteger do que sinto quando penso nele inteligente, bem sucedido e historiador. E sei que você já sabe, Fulano, mas é difícil olhar ele indo embora sem entender mais nada do que se passa com a minha cabeça. E nem eu entendo fulano e muito menos você. Também não me pergunto mais quando ele vai entender. Também não me faço mais de durona, descobri que assumir os meus sentimentos é o que eu tenho que fazer. E eu assumo, Fulano! Eu assumo a minha culpa, eu assumo os meus sentimentos e assumo que nem eu mesma me entendo. Mas... Sabe de uma coisa, Fulano? Eu sou louca por ele!

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Aprendi a gostar de você devagar, como se o mundo não fosse acabar todas as vezes em que você decide passar por aquela porta. Decidi que esperaria você voltar pra mim, sem enlouquecer, sem querer puxar todos os meus cabelos de uma vez. E você ri de mim e da minha loucura constante. Aprendi a gostar também de cada gesto que você faz e gostei demais de quando você me agarrou ontem por trás. Nem parecia que o mundo iria ficar triste com você sorrindo toda hora. Você sorria e eu esqueço que vou dormir sozinha, me martelando e lembrando do quanto você fica bonita de vestido. Aprendi ontem que apesar de morrer de medo, vou me casar com você e eu aceito sim. Tô aceitando dividir no cartão em vinte vezes o meu sofrimento que é pra não sentir tudo de uma vez. A verdade é que eu realmente vou chorar por você vinte meses quando você decidir que vai mesmo embora.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Eu tenho muito medo do que você ainda pode me fazer sentir. Eu tenho que descobrir o que vai acontecer com o meu corpo, quando você resolver se afastar de mim. Eu vou sentir falta das suas mãos nas minhas mãos. O seu toque é tão delicado. Eu acordei querendo encostar a minha boca no teu pescoço e te beijar inteira. Eu queria poder deitar agora numa cama grande com você. Eu iria apertar tanto o seu corpo contra o meu. Eu preciso sentir isso! Eu preciso sentir o que o meu corpo sente quando você tá por perto. Me deixa maluca imaginar que um dia eu não vou mais me sentir tão segura o quanto eu me sinto agora que você ta voltando pra casa. O meu abraço poderia ser a sua casa! E a minha cara podia te contar o quanto eu preciso ter você, sem ter que procurar palavras pra explicar o que eu não entendo. E eu preciso procurar entender alguma coisa, mas quando amanhece em sua casa e eu coloco a palma da minha mão em sua coxa, tudo fica mais claro. Você tem tudo o que me deixa estátua, você me entende? queria saber te explicar pelo menos dessa vez.
Eu apenas... adoro o seu corpo! Isso ajuda você a entender? linda

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Você me chama de mimada e costuma me dar espaço pra me deixar dormir bem na sua cama, mas você não se da conta de que eu só quero que você me abrace um pouco mais. O meu charme dormindo não te deixa perceber nada, mas eu espero que um dia você note as coisas além do que eu te falo agora. Eu só espero que você me aqueça um pouco mais antes de ir embora. Ou esqueça de ir embora. Eu só quero sentir o meu coração acelerado quando você toca em meu corpo. No dia em que você esquecer que precisa ir embora, eu vou jogar fora todos os meus cds de músicas que você não gosta. Eu vou deixar as minhas desculpas em dia para que você não precise se preocupar com nada mais que o programado. E tudo o que eu programei pra você é meio rosa e meio desprogramado. Você sabe que eu sou complicada e você adora me complicar um pouco mais. Como se fosse fácil ser eu, você entrou em mim. Não é fácil conviver com você, mas muito mais difícil seria Um Eu sem Você. No dia que você fechar aquela porta e me colocar com força contra a parede, eu vou esquecer que você me parece meio fraca na frente dos seus amigos. Você precisa entender direito como eu te vejo. Você me encontrou meio errada, mas você me encontrou na hora certa. Já passou pela sua cabeça como seria passar por as minhas barras sem ter alguém como você? Eu quero te ver ficar mais porque você virou a minha cabeça para o lugar certo. Embora eu me sinta errada transando com você em qualquer lugar.
Você é o meu lado certo que deu errado, mas nem tanto. Embora você me abale e me deixe sem estruturas para esse relacionamento... Eu amo você!

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Sinto raiva de você vinte vezes ao dia. E em todas as vezes que sua imagem vem a minha cabeça durante a noite. Mais de vinte vezes, pra falar a verdade. Talvez umas quinhentas vezes seja o suficiente. Sinto raiva de você porque é o único sentimento que posso ter a certeza que te abala. E me abala muito querer quebrar essa mesa e esse computador em cima da sua cabeça, enquanto não posso fazer nada. Mas eu resmungo sozinha, você não nota?

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Sabe a parte em que você me ganhou? Foi quando você fez cara de quem não sabia o que fazer, mas fez gostoso. E me fez querer repetir mil vezes depois. Você é tão lindo dançando que me faz ficar paradinha, te admirando. Você é tão malvado! É tão macho e tão sexy. E esse sonho foi dormindo mesmo? Porque você vive me fazendo sonhar acordada. Eu acordei correndo pra escrever uma parte do texto porque eu sonhei dizendo isso sobre você. E sonhei sorrindo com você e aquela cara de bobão, perdendo pra mim nas partidas de vídeo game. Mas mesmo que tenha sido só um sonho, você me faz viver sorrindo, de qualquer maneira. E me faz querer escrever mil besteira para que você nunca tenha medo da louca que posso ser. Me sinto louca por você! Hoje eu vou dormir com uma camisa sua pra ter bons sonhos outra vez. Sonha comigo também!

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Olha, corri pra escrever porque eu precisava te dizer que achei um cabelo branco em mim agora. Você não sabe, mas gostar de você vem trazendo essas coisas ultimamente. Cabelos branquinhos, olheiras, vontade de ficar pra sempre na cama. Acho que envelheci vinte anos ou mais. Ainda nem troquei o pijama e já são mais de 19horas. Virei uma eterna preguiçosa! Nem esse texto vou terminar...

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Talvez eu vire uma nerd que só beba cerveja com muita espuma no final de semana. Ou talvez eu pare mesmo de beber e use o cigarro pra substituir o vício. Mas de uma coisa que eu tenho certeza... é que nada vai substituir você! Talvez eu passe o resto do ano lendo uns livros que eu roubei na biblioteca da faculdade em que trabalhei por uns meses pra juntar dinheiro pra pagar a minha passagem pra Califórnia. Ou talvez eu compre alguns livros em inglês e passe a falar fluentemente essa língua. Mas de uma coisa eu tenho certeza, vou lembrar do quanto eu preferia deitar na sua cama no final de semana e ficar conversando sobre como tinha sido o seu dia. Talvez eu deixe de morar com a minha prima e vá morar mais perto da praia. Talvez eu vire uma surfista profissional. Mas de uma coisa eu tenho certeza, vou caminhar a praia inteira perguntando por onde que deve andar você. Talvez eu saia pra beber com uns amigos gringos que vou fazer e talvez tudo pareça como num filme ou um seriado. Talvez eu faça meus melhores amigos e minha melhor amiga talvez ainda esteja lá comigo. Mas sabe? De uma coisa eu tenho absoluta certeza, eu vou olhar pra o cantinho da mesa e vou querer te ver. Aquela sua gargalhada que me mata! Talvez eu passe muitos anos longe dessa cidade. Ou talvez eu nem volte mais. Mas de uma coisa eu sei... Vou pensar todos os dias em você! E vou desejar a virada de cada ano com você. Talvez eu nem queria te deixar aqui e talvez eu tenha mesmo que deixar pra crescer infinitamente mais. Mas sabe de uma coisa que eu tenho certeza? Eu sou mais você que todos esses anos que eu vou passar fora. Eu sou mais você do que qualquer coisa que passou pela minha vida. Eu sou mais você quando leio, quando bebo ou quando crio um texto. Disso eu nunca vou esquecer! Califórnia vai trazer você!

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Olá! Hoje eu fui olhar umas malas pra comprar. Tem uma rosa que é a minha cara. Fiquei me imaginando descendo do aeroporto com ela. Passei o dia rindo sozinha. Que patricinha! Todo mundo ficou me olhando de manhã... Eu fechei os olhos e pensei que eu podia ouvir música alto no meu fone e dançar como eu danço no meu quarto. Nem foi realmente uma dança. Eu me transformo em uma garota do gueto e... Nem queiram imaginar. Fui caminhando e cantando sobre Coisas que eu nunca disse. Me senti tão livre! Depois cheguei no curso e fiquei rindo sozinha também. Algumas pessoas me chamam de metida e outras de chata, mas nenhuma delas tentaram conversar comigo algum dia. Nenhuma vezinha. Nem pra falar sobre física, já que eu sempre fui boa nessa matéria. Nem isso e nem nada. Penso que elas devem ter medo de mim. Minha mãe me ensinou que era errado julgar alguém sem conhecer ou até mesmo conhecendo demais. O que uma pessoa faz só cabe a ela o motivo de fazer ou de ser. Mas voltando ao que eu queria dizer... Hoje eu acordei com o pé direito. Mais tarde vou encontrar meus amigos num bar e vou largar esses livros um pouquinho. As coisas vão indo bem. Devagarinho se vai longe! #goLA

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

Olha, filha... Dessa vez eu quero falar de um amor diferente. Um amor cheio de amores e cheio de histórias. Dessa vez eu quero falar do dia em que eu chorei de verdade por algo que nem era romance. Algo que nem era meu. Algo que eu nem beijava, nem transava e nem tocava. Só sentia! Hoje eu quero falar de onde eu conheci as melhores pessoas da minha vida. Onde eu tive as histórias mais malucas e engraçadas. Um lugar que me ensinou o que é a comunicação entre pessoas que não se entendem. O que é aceitar as pessoas como elas são exatamente. O que é guardar o que você pensa sobre o outro para si mesmo. Um lugar que me deu melhores amigos e amores. Meu primeiro emprego! Acho que de verdade, no fundo de minha alma, eu ainda estou atendendo os meus clientes. Ou então isso é só uma parte das minhas férias ou inss. Uma hora eu vou voltar pra lá de novo e vou andar aquele corredor com a minha melhor amiga. Que injusto! Outras pessoas merecem o meu lugar. Passar por tudo aquilo de novo seria bom demais. Mas dentro do meu peito, no fundo da minha alma, eu ainda não superei o fim. Achei que nunca iria existir algo que me fizesse chorar igual uma criança. Ontem eu me encostei na parede e entrei em depressão. De novo, no fundo da minha alma... Meu coração está em pedaços agora! Filha, aprendi que amor é tudo o que nos faz sentir em casa.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento

"Eu sei que vou te amar por toda a minha vida."

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Te traio, me traio e me atraio por ela de novo. Mil desculpas!

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Me olhando bem de frente, me encarando por um tempão, mas sorrindo das coisas mais simples. Mas nós dois sabíamos que tudo que a gente estava dizendo era Sério. Vamos casar em Saturno no próximo mês de dezembro, quando o mundo inventar de acabar de novo, no dia 21.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Seus olhos mortinhos de sono, mas querendo me dizer que nada morreu. Pelo contrário, me sinto viva com você entre as minhas pernas.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim

Deu saudade de você, Mika! Um ano que a gente não se fala. Eu achava que o máximo que eu conseguia, era não passar na esquina da minha casa, onde eu lembrava da gente conversando e dos textos que eu escrevi pra você. Paulista, a cidade que me diz tanto sobre você. A gente brigava demais, mas quando a gente resolvia e colocava na cabeça que ia dar certo, a gente se amava demais e tentava demais. Mas não deu certo. Na maioria das vezes, a nossa cabeça vivia no mundo da lua. Você saiu da minha vida sem deixar notícia. Como uma página virada de um livro de romance qualquer. Mas Não tivemos um romance qualquer. Você se lembra? Era como um livro que a gente gosta, mas nem sabe o porque. E eu gostava demais de você. Fico me perguntando O que aconteceu? Porque não conversamos sobre o que a gente realmente queria? Pra qual esquina o que sentíamos se escondeu? ainda continua na esquina da minha casa? um dia eu volto por lá pra saber, Mika. Deu saudade porque as coisas andam sem fazer sentido pra mim. E no meio de todo o meu egoísmo, no meio de toda a minha conversa mole sobre ser durona ou soube Paulista ter sido uma fase ruim, tem você sendo boa pra mim.

KarolAmorim
Inserida por KarolAmorim
1 compartilhamento