Sou paciente mas não abusa, ok?

Cerca de 14 frases e pensamentos: Sou paciente mas não abusa, ok?

Use, mas não abuse, pois a paciência anda curta...

Felipe Hünemeyer
14 compartilhamentos

Uma pessoa deve ser paciente e não tolerante

joão H.S Elvino
Inserida por Joaoelvino

Eu espero, sou paciente, falo baixo e até dou aquele sorrisinho, mas não abusa, já deixei de brincar de casinha há alguns anos.

Aline Lopes - Pensamentos (Aline Lopes)

Pode abusar do pouco de paciência que luto para ter, agora não me venha reclamar quando você de fato precisar dela e não achar... Lembre que eu já queimei todo meu pavio curto com suas futilidades. Não confunda bondade com ser besta!!!!!

Fabrício Limah

Não abuse de minha bondade, nem de minha paciência.
Pois minha bondade pode durar para sempre, minha paciência não...

Eu, LucasRyan

Paciência não é seu forte, então não abuse!

Roseana Sena

Gente que não tem paciência para barganhar sequer preços abusivos de produtos, muito menos amores ou amizades lhes saem caros demais.

Li Azevedo
Inserida por LiAzevedo

"Agradeço a Deus por me dar paciência, mas, rogo ao Pai, que não deixe ninguém abusar de minha bondade"

Sandro Guimarães
Inserida por sandroguimaraes

Para bem viver a vida, devemos
usar e abusar de paciencia e tolerancia...
Paciencia, para sermos bem entendidos e aceitos,
e tolerancia, para ao menos tentar entender e aceitar os erros
e incompreensões que encontraremos pela vida.
Osculos e amplexos,
Marcial

DEVEMOS USAR E ABUSAR DE PACIENCIA E TOLERANCIA
Marcial Salaverry

Acredito que para abordar este tema será preciso requerer uma licença especial, eis que sempre é complicado tentar usar artigos em extinção, e paciência e tolerância parece que estão nesse caso.

Verdade seja dita, frequentemente nos deixamos levar pela impaciência, pela intolerancia, quando não conseguimos obter aquilo que queremos, ou quando não conseguimos realizar certas coisas que tínhamos planejado.

Principalmente se tais insucessos se devem a fatores alheios à nossa vontade, se foram determinados, seja por inabilidade de terceiros, seja por questões imponderáveis, quando alguns imprevistos surgiram atrapalhando nosso êxito.

Quaisquer que sejam as razões, não representam motivo para explosões de ira, ou para uma revolta, seja ela íntima, quando não soubemos planejar adequadamente, ou seja contra outrem, quando falhas de terceiros nos prejudicaram.

De nada nos adiantará assim explodir, pois não será isso que poderá solucionar a questão, e até muito pelo contrário, poderá nos atrasar mais ainda, pois o tempo assim perdido, poderia ser melhor aproveitado com um novo planejamento, feito com mais cuidado, ou escolhendo melhor os parceiros.

Temos sempre que estar prontos para problemas que possam surgir. Sem dúvida, seria mais agradável se tudo corresse lindamente sobre os trilhos que imaginamos. Mas, imprevistos sempre ocorrem, e temos que esperá-los, para não sermos surpreendidos por seus efeitos. Devemos encará-los como uma chuva suave, serena e calma, embora ribombem trovões. Se estivermos sob proteção dos pára-raios, que são nossa paciência e tolerância, não sentiremos tanto seus efeitos devastadores, e poderemos reorganizar as coisas. Nunca deveremos nos esquecer de que a raiva sempre será uma péssima conselheira, podendo nos levar a atitudes irrefletidas, e que por vezes não permitem retorno.

Devemos saber, não só a hora certa de fazer as coisas, como também, a maneira exata de fazê-las.
Analisar ponderadamente o porque de não ter dado certo, para que assim, com mais calma, possamos replanejar adequadamente tudo.

Ponderação e reflexão servem para toda e qualquer situação problemática em que nos encontremos. De nada nos valerá agir no impulso de uma raiva de momento, e isso vale em toda e qualquer circunstância, seja nos negócios, seja em nossa vida familiar.

Quanta coisa é perdida, quanta vida destruída porque não se parou para pensar...

Valerá mais a pena esperar a poeira baixar, a cabeça esfriar, e a chuva mansa poderá ajudar o “esfriamento” e assim fazendo, poderemos reavaliar a situação, e encontra calmamente a melhor solução para o caso.

E a melhor maneira para refletir e ponderar, é podendo fazer de cada dia, sempre tendo UM LINDO DIA.

Marcial Salaverry
Inserida por Marcial1Salaverry
1 compartilhamento

Paciência alheia: quanto mais abusamos menos temos

Francisco Brito
Inserida por franciscobrito

Até quando, Catilina, abusarás
da nossa paciência?
Por quanto tempo a tua loucura há de zombar de nós?
A que extremos se há de precipitar a tua desenfreada audácia?

Cônsul romano Cícero contra o senador Catilina
Inserida por CELFREITAS

Para bem viver a vida, devemos
usar e abusar de paciencia e tolerancia...
Paciencia, para sermos bem entendidos e aceitos,
e tolerancia, para ao menos tentar entender e aceitar os erros
e incompreensões que encontraremos pela vida, principalmente
quando circunstancias da vida nos obrigam a fazer aquilo
que não queremos fazer...
Osculos e amplexos,
Marcial

PACIÊNCIA E TOLERÂNCIA ALGO NECESSÁRIO
Marcial Salaverry

Sempre é complicado tentar usar artigos em extinção, e paciência e tolerância parece que estão nesse caso, e são muito importantes nos tempos atuais.

Frequentemente nos deixamos levar pela impaciência, pela revolta, quando não conseguimos obter aquilo que queremos, ou quando não conseguimos realizar as coisas que tínhamos planejado, mas precisamos entender que por vezes é necessário abster-se de muitas coisas que amamos fazer... Principalmente se tais insucessos se devem a fatores alheios à nossa vontade, se foram determinados, seja por inabilidade de terceiros, seja por questões imponderáveis, quando alguns imprevistos surgiram atrapalhando nossos desejos.

Quaisquer que sejam as razões, não representam motivo para explosões de ira, ou para uma revolta, seja ela íntima, quando o problema foi causado por alguma falha nossa, ou pelas chamadas "coisas da vida...", o certo é que de nada nos adiantará explodir, pois não será isso que irá solucionar a questão, e até muito pelo contrário, poderá nos atrasar mais ainda, pois o tempo assim perdido, poderia ser melhor aproveitado com um novo planejamento, feito dentro das possibilidades.

Temos sempre que estar prontos para problemas que possam surgir. Sem dúvida, seria mais agradável se tudo corresse lindamente sobre os trilhos que imaginamos. Mas, imprevistos sempre ocorrem, e temos que esperá-los, para não sermos surpreendidos por seus efeitos. Devemos encará-los como uma chuva suave, serena e calma, embora ribombem trovões. Se estivermos sob proteção dos pára-raios, que são nossa paciência e tolerância, não sentiremos tanto seus efeitos devastadores, e poderemos reorganizar as coisas. Nunca deveremos nos esquecer de que a raiva sempre será uma péssima conselheira, podendo nos levar a atitudes irrefletidas, e que por vezes não permitem retorno.

Devemos saber, não só a hora certa de fazer as coisas, como também, a maneira exata de fazê-las, sabendo bem analisar o porquê do que aconteceu, e fazer um novo planejamento para nossa vida. Ponderação e reflexão servem para toda e qualquer situação problemática em que nos encontremos. De nada nos valerá agir no impulso de uma raiva de momento, ou de uma revolta contra algo que está fora de nossa alçada... E isso vale em toda e qualquer circunstância, seja nos negócios, seja em nossa vida familiar, seja causada por certos obstáculos inesperados.

Quanta coisa é perdida, quanta vida destruída porque não se parou para pensar, e assim, valerá mais a pena esperar a poeira baixar, a cabeça esfriar, e a chuva mansa poderá ajudar o esfriamento. Assim fazendo, para que se possa reavaliar a situação, e encontrar, calmamente a melhor solução para o caso.

E a melhor maneira para refletir e ponderar, é tendo UM LINDO DIA, procurando aproveitar para repensar algo na vida, e vendo algo que pode ser mudado, dentro das circunstancias...

Marcial Salaverry
Inserida por Marcial1Salaverry

Quem aplica prova comete o delito de abuso da minha paciência, previsto no Código do vá cuidar da sua vida professor vacilão.

Desconhecido
Inserida por jonathan_vam

Para bem viver a vida, devemos
usar e abusar de paciencia e tolerancia...
Paciencia, para sermos bem entendidos e aceitos,
e tolerancia, para ao menos tentar entender e aceitar os erros
e incompreensões que encontraremos pela vida...
Principalmente com a falta de bom senso de muita gente que
se recusa a ver o óbvio, e segue sem amor à vida (sua e alheia),
teimando em não seguir o que manda o bom senso...
Osculos e amplexos,
Marcial

HAJA PACIÊNCIA E TOLERÂNCIA
Marcial Salaverry

Além de requerer uma licença especial, sempre é complicado tentar usar artigos em extinção, e paciência e tolerância parece que estão nesse caso, principalmente em situações como a que estmos atravessando, onde elas são extremamente necessárias...

É verdade que muitas vezes nos deixamos levar pela impaciência, pela revolta, quando não conseguimos obter aquilo que queremos, ou quando não conseguimos realizar as coisas que tínhamos planejado, ou quando percebemos que a maioria das pessoas não querem entender a gravidade de uma situação anormal, e querem continuar agindo como se nada estivesse acontecendo. Muitas vezes tais problemas na verdade se devem a fatores alheios à nossa vontade, e se foram determinados, seja por inabilidade de terceiros, seja por questões imponderáveis, quando alguns imprevistos surgiram atrapalhando quaisquer planos existentes...

Quaisquer que sejam as razões, não representam motivo para explosões de ira, ou para uma revolta, seja ela íntima, quando não soubemos planejar adequadamente, ou seja contra outrem, quando falhas de terceiros nos prejudicaram. O certo nos diz que de nada nos adiantará explodir, pois não será isso que solucionará a questão, e até muito pelo contrário, poderá nos atrasar mais ainda, pois o tempo assim perdido, poderia ser melhor aproveitado com um novo planejamento, feito com mais cuidado, ou escolhendo melhor os parceiros.

Temos sempre que estar prontos para problemas que possam surgir. Sem dúvida, seria mais agradável se tudo corresse lindamente sobre os trilhos que imaginamos. Mas, imprevistos sempre ocorrem, e temos que esperá-los, para não sermos surpreendidos por seus efeitos. Devemos encará-los como uma chuva suave, serena e calma, embora ribombem trovões. Se estivermos sob proteção dos pára-raios, que são nossa paciência e tolerância, não sentiremos tanto seus efeitos devastadores, e poderemos reorganizar as coisas. Nunca deveremos nos esquecer de que a raiva sempre será uma péssima conselheira, podendo nos levar a atitudes irrefletidas, e que por vezes não permitem retorno.

Devemos saber, não só a hora certa de fazer as coisas, como também, a maneira exata de fazêlas, pensando bem e assim, analisar o porque de não ter dado certo, para replanejar adequadamente tudo. Ponderação e reflexão servem para toda e qualquer situação problemática em que nos encontremos. De nada nos valerá agir no impulso de uma raiva de momento. E isso vale em toda e qualquer circunstância, seja nos negócios, seja em nossa vida familiar, e muitas vezes vemos quanta coisa é perdida, quanta vida destruída porque não se parou para pensar, porque alguém não soube usar o bom senso, agindo com paciencia e tolerancia...

Valerá mais a pena esperar a poeira baixar, a cabeça esfriar, e a chuva mansa poderá ajudar o “esfriamento”. Assim fazendo, para que se possa reavaliar a situação, e encontrar, calmamente a melhor solução para o caso.

E a melhor maneira para refletir e ponderar, é tendo UM LINDO DIA, jamais esquecendo que a vida é nosso bem mais precioso, e dela precisamos saber cuidar adequadamente...

Marcial Salaverry
Inserida por Marcial1Salaverry