Poemas românticos

⁠Fico mirabolando bem
silenciosa e sem métrica
estratégias românticas
para que você me queira
da mesma forma que
nunca parei de te querer.

Inserida por anna_flavia_schmitt

⁠Da lembrança nada
apaga as memórias
nem tão românticas,
nas linhas atlânticas
tenho me distraído
porque sei que tudo
na vida pode mudar.

Com a esperança
convivo com o quê
insiste em caçar
as minhas utopias,
a fé e a leal crença
de que não se deve
perder a essência
de tudo o quê me
fez resistir até aqui.

Da temperança nada
e ninguém me tira,
do desejo de ter você
comigo além desta
Lua Cheia de abril
plantada como rosa
no jardim sidéreo:
do destino és mistério.

Longe de quem insiste
em furtar no mundo
a misericórdia, o sorriso
e a bondade da gente;
resolvi quebrar a corrente
com o quê faz respirar
para o coração continuar
como um refrão de amor
para você me encontrar.

Inserida por anna_flavia_schmitt

Romantismo não significa dependência, fragilidade e burrice. Podemos perfeitamente ser românticos, mas completos, fortes, espertos e racionais.

Há somente dois tipos de românticos: Os tranquilarmente gentis e os estressadamente nervosos.

Não espero que minha vida amorosa seja uma imitação de um daqueles filmes românticos em que no começo se luta, depois se sofre e tudo termina bem. Não... não me venham com contos de fadas. Quero o doce sabor mundano daquilo que pode não ser celestial, mas ainda assim não deixa de ser sublime. Vivamos o amor que nos é dado. Não pensemos em como poderá ser este amor que acaba de nascer... ou para onde foi o amor que enfraqueceu. Façamos nosso próprio tempo . AMEMOS.

Os românticos chamariam isto de uma história de amor, os cínicos diriam que é uma tragédia. Na minha cabeça é um pouquinho de ambas, e no fim das contas qualquer que seja a maneira como você escolha encarar este relato, nada altera o fato de que ele abrange uma grande parte da minha vida e do caminho que escolhi trilhar.

Noah Calhoun
SPARKS, N. Diário de uma Paixão. São Paulo: Editora Novo Conceito, 2010.

Nota: Frase do personagem do livro "Diário de Uma Paixão" de Nicholas Sparks.

...Mais

Eu sou romântica, pertenço ao rol dos mega românticos, ultra românticos, românticos assumidos, últimos românticos, exageradamente românticos.
Fui clara?.

Mulheres deixam de se encantar por caras românticos a partir do momento que descobrem que Principes Encantados não existem e que seus sonhos de infância são uma grande mentira.

Os homens românticos vão virar figurinhas difíceis para o álbum das mulheres: cada vez mais escassos.

Quero viver num dos poemas românticos de Jorge Amado, deixar de lado o Jorge e ser amado.

Em pensar que momentos românticos existem, me deixa triste é saber que poucos deles são reais.

Existe boa moça de família que gosta de caras carinhosos, tímidos e românticos, sendo fiéis a eles?

Deve existir, assim como ETs. Eu nunca vi, mas dizem que existe.

ESSÊNCIA
A loucura é um privilégio
dos românticos dos poetas...
o meu juízo cuida de um arado,
a minha essência pega o firmamento,
empacota com papel presente
e guarda na gaveta...
eu me alimento
do que o meu juÍzo rima,
as minhas palavras fabricam sereias...
o que aprendi com a noite
é o que me ensina
a desfazer-me sob a lua cheia...

Não sou como as outras,
Filmes românticos são clichês demais pra mim.
Eu quero cantar minha música preferida e rir no final
Não vou marcar de sair para jantar com você se eu não puder pagar minha conta
Eu vou beber meu vinho e já sei o caminho de casa ou não
Eu vou sorrir com declarações e vou dizer exatamente o que sinto se você também for sincero
Eu não vou pegar tua mão pois não me sinto confortável quanto a isto
Não vou me sentir ruim se você fizer um comentário qualquer sobre mim pois eu sei qual são minhas posições
Eu não te entregar meu celular nem que você tenha apagado tudo para me entregar o teu
Não vou confiar em você se não me provar que eu devo
E não ligo se não houver um segundo encontro aliás homens se encontram em qualquer esquina
Eu não vou discutir com você e ao beber posso te dizer tudo que está preso mas meu rapaz cuidado ao pedir que eu te responda alguma questão pois não estão pensando muito bem em como a resposta te afetará...

Você estava com um sorriso estranho quando te disse palavras que falava dos sentidos românticos;
Acho que era estranho e bonito falar do que não vivi de um coração partido que me levaria a sucumbir à vida;
Sei que a positividade é a aprendizagem de uma virtude ou da atitude de um doce coração;
Sofrer por o termino de um amor com as melhores das intensões não se faz verdadeiro ou certo;

Me perdoem os poetas românticos, mas amor não é emotivo.Paixão é.Muitas pessoas confundem o amor
com a paixão, mesmo sendo duas coisas totalmente diferentes.O amor se trata de acordar todo dia de manhã,
olhar para a pessoa ao seu lado e sorrir.Paixão é acordar a pessoa apenas para beijar e dizer erroneamente "eu te amo" milhares de vezes.Amor é reclamar sem parar do ronco do cônjugue, mas não conseguir dormir sem o
barulho infernal.Na paixão, esse seria o motivo do fim da relação.Por isso aviso, apaixonados de plantão: quando
você diz que ama a pessoa, está se comprometendo à aceitar todos seu defeitos, não importa o que aconteça.
Até que a morte, ou o entendimento, vos separe.

A vida é um show com grandes espetáculos;
românticos,palhaços,ficctícios,frustrantes,
alegres,políticos,críticos,desvairados,violentos.
E cada um de nós os coadjuvantes,mocinhos ou bandidos.

Ofereço-lhe meus sentimentos como justificativa de meus crimes românticos á seu coração.
Meus versos verdadeiros transpuseram os ciúmes envolventes em um coração que se fez carente e solitário á um caminho profundo e intenso.
Minhas intensidades desataram o escuro do mundo certificando-me á esperança de está ao seu lado.

Sou eu artista. Os artistas são pessoas
infelizes; loucos, românticos e sonhadores.
Artista apaixonado pela a artista.
Artista que és tão triste,lágrimas que
fazem arte. Do palhaço,
tão sem graça esse sorriso. Artista nesse
palco, mas és uma estrela sem um brilho.
Carente e sem carinho. Meu coração é
que é de vidro, poesia é como vinho.
Artista triste e sozinho, maluco e
sem juízo, mas parao público divertindo.
Artista nasce artista, é a minha arte que
me mantém vivo.

Românticos, pós-românticos, vitoriano, pós vitoriano.
Livros livros, sinto falta de lê - vos .
Saudades de vossas línguas, vossas graças, suas histórias.
Não era eu quem vos tinha, eram vós que me possuíam.
Saudade de fantasiar às vossas custas ou graduar minha inteligência modesta.
A vida não deveria jamais afastar - me de vós, oh livros!
Foi cruel.
Ainda espero por voltar a lê - vos tão furiosa e intensa e calmamente que voltarei a moldar o mais íntimo do meu íntimo, o mais perfeito do que eu posso "Ser".