Moacir LuÌs Araldi

126 - 150 do total de 591 pensamentos de Moacir LuÌs Araldi

Naquela época eu me deliciava lendo listas telefônicas que vinham da operadora estadual na qual meu irmão trabalhava. Incrível como pareciam poesias de um verso só. Sem medo de errar, estes foram meus primeiros e únicos livros de infância.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Adi Vinhar:
Ato de adicionar ao vinho o sabor leve e marcante dos amantes. Refere-se ainda ao ato de adivinhar por mero acaso ou suposição que vinho, lareira e amor tem sabor de sedução.
(“Sem sentido”)

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Nos meus favoritos tem algumas músicas boas e outras que eu gosto.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Em caminhos duvidosos,
Prossigo em legítima certeza.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Sem surpresa!
A vida também age
Em legítima defesa.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Restaurar sonhos requer habilidades e técnicas apuradas, mas com sensibilidade e uma medida de boa vontade e possível mantê-los íntegros e renovados.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

O caminhar feminino
dá vida aos saltos altos
em passos que mais parecem pássaros.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Vista de longe ela era linda.
De perto sua beleza era infinda.
Para mim... Um anjo de amor sem fim.
Lida pelo poeta um verso de perfeita métrica
num corpo da mais rica silaba poética.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Não quero muito.
Basta-me uma morada de dois versos.
Um mínimo de inspiração.
Uma corda no violão.
Um reservatório de fé e otimismo.
Uma vertente de amor no coração.
O barulho da natureza pra me tirar o sono.
O ruído da poesia tinindo em meus ouvidos.
Alguns abraços de gratidão.
E a certeza que vivi o que podia ter vivido.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Gotas
No alto da estante o livro desequilibrou-se vindo de encontro ao chão.
Espatifou-se na sala cheia de crianças.
Foi letra pra todo lado.
Uma cena que até hoje permanece viva na minha memória.
Emocionei-me ao ver o brilho nos olhos dos pequenos leitores
Que puderam tocar e provar a doçura de cada grafema que alegremente iam recolhendo.
Que espetáculo ver gotas culturais invadindo o universo de cada uma delas.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Sejamos perguntas, nada precisa ser respondido nesta vida.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Divido meu dia em 24 gotinhas de uma hora.
Cada uma que seca é um pouco de vida que vai embora.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Catorze versos me recebem com festa, numa alegria que poucas vezes vi.
Como é maravilhoso chegar ao poema e ser recebido assim.
Descobri que o soneto e dócil e que seus versos, apesar de carrancudos são muito amáveis.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

É inútil a luz no final de um túnel que não te seduz.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Falta de criatividade ficar atrás de um toco oco.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Todos os dias o pássaro pousava no mesmo lugar,
coloria e alegrava o ambiente com seu canto.
Tiraram-lhe o galho. Ausentou-se.
Hoje pousa em outras árvores.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Toda ação, mesmo sentimental, é racional.
Não fosse assim seríamos iguais aos outros animais.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

O dia só existe para iluminar os segredos noturnos.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Até a minha estante se surpreendeu
Jamais imaginou
Guardar nela um livro meu.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Poesia é light.
Não dá culpa.
Sirva-se.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Quem sabe um lábio em anseio
num beijo em meio à noite sem lua
acolha corpos em seu lençol.
No cetim brilho de luz...
E fim.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Sorria

Se buscares lembranças minhas,
Faça com carinho.
Ando meio sem rumo nestes caminhos.

Se uma lágrima surgir
Quando olhares a imensidão não ligue
Uma lágrima não vai salgar o mar.

Sorria da mesma forma que sorrimos juntos.
Desatraque os navios, olhe as baleias.
Elas seguem em busca do frio.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Hoje...
as palavras serão belas
os motivos serão justos
os gritos serão de contentamento.
A felicidade atrevida
dominará ainda mais a tua vida.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Pise leve quando estiveres alegre evite acordar a tristeza.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias

Ser poesia
Ser poesia é ir além do gostar ou não gostar. É preciso ser arte, é preciso ser forma e preciso ser sensibilidade.
É salutar desvincular-se de conceitos acadêmicos por alguns momentos e apenas apreciá-la como quem vive o primeiro amor.
Ser poesia tem que ser como nascer livre de preconceitos e abrir-se com total desejo de viajar.
Ser poesia, talvez seja um ato de fé.

Moacir LuÌs Araldi
Inserida por Moapoesias