Mia Couto

126 - 150 do total de 139 pensamentos de Mia Couto

"Quero morar numa cidade onde se sonha com chuva. Num mundo onde chover é a maior felicidade. E onde todos chovemos”.

( em "Antes de nascer o mundo". São Paulo: Companhia das Letras, 2009.)

Mia Couto
Inserida por portalraizes

"A palavra de hoje é aquela que cada vez mais se despiu da dimensão poética e que não carrega nenhuma utopia sobre um mundo diferente”.

( em "E se Obama fosse africano?". Lisboa: Editorial Caminho, 2009)

Mia Couto
Inserida por portalraizes

De que vale ter voz
se só quando não falo é que me entendem?
De que vale acordar
se o que vivo é menos do que o que sonhei?

(VERSOS DO MENINO QUE FAZIA VERSOS)
(trecho extraído do livro “O fio das missangas”, Cia. das Letras, 2004, pág. 131.)

Mia Couto
Inserida por portalraizes

"Lembrou as palavras da sua mãe: mulher preta livre é a que sabe o que fazer com o seu próprio cabelo".
(Em "O Perfume" - Do livro "Estórias Abensonhadas)

Mia Couto
2 compartilhamentos

"Uns nasceram para cantar, outros para dançar, outros nasceram simplesmente para serem outros".
.
No livro "Antes de Nascer o Mundo"

Mia Couto
Inserida por portalraizes

"A morte se tornara tão frequente que só a vida fazia espanto."

Mia Couto
Inserida por Filigranas

História de um homem é sempre mal contada. Porque a pessoa é, tem todo o tempo, ainda nascente. Ninguém segue uma única vida, todos se multiplicam em diversos e transmutáveis homens.

Mia Couto
2 compartilhamentos

Tenho duas pernas: uma de santo, outra de diabo. Como posso seguir um só caminho?

Mia Couto
2 compartilhamentos

Os vindouros, esses que aguardam por corpo, são quem mais deveríamos temer. Porque deles sabemos o quase nada. Dos mortos ainda vamos recebendo recados, afeiçoamo-nos a suas familiares sombras.

Mia Couto
Inserida por Filigranas

Só um mundo novo nós queremos: o que tenha tudo de novo e nada de mundo.

Mia Couto
Inserida por Filigranas

esperto é o mar que, em vez da briga, prefere abraçar o rochedo.

Mia Couto
Inserida por desceles

A Demora
O amor nos condena:
demoras
mesmo quando chegas antes.
Porque não é no tempo que eu te espero.

Espero-te antes de haver vida
e és tu quem faz nascer os dias.

Quando chegas
já não sou senão saudade
e as flores
tombam-me dos braços
para dar cor ao chão em que te ergues.

Perdido o lugar
em que te aguardo,
só me resta água no lábio
para aplacar a tua sede.

Envelhecida a palavra,
tomo a lua por minha boca
e a noite, já sem voz
se vai despindo em ti.

O teu vestido tomba
e é uma nuvem.
O teu corpo se deita no meu,
um rio se vai aguando até ser mar.

,

Mia Couto
Inserida por Pequenosol

O suficiente é para quem não ama. No amor, só existem infinitos."
Mia Couto

Mia Couto

Sou feliz só por preguiça. A infelicidade dá uma trabalheira pior que doença: é preciso entrar e sair dela, afastar os que nos querem consolar, aceitar pêsames por uma porção da alma que nem chegou a falecer. – Levanta, ó dono das preguiças.

Mia Couto
Inserida por lubaffa