Evan do carmo

151 - 175 do total de 516 pensamentos de Evan do carmo

O amor genuíno pelo semelhante não tem a pretensão de mudar o mundo, mas pode torná-lo menos absurdo.

Existe um teoria crística, que não me é novidade, a de que o homem seja de fato a semelhança de Deus. Portanto, por esta razão, se espera que tenhamos respeito uns pelos outros. Contudo, está implícita aqui, toda forma de religião ora praticada pelo mundo afora, ou a que devia ser praticada no mundo. Esta deve ser demostrar em ações concretas um amor intenso por nosso semelhante, uma vez que, amando o homem estaríamos, de forma ideal amando a Deus. Por isso, todo mal que se pratica contra outrem revela-nos o quanto somos hipócritas ao afirmar, com palavras bem elaboradas e gestos indecifráveis que amamos a Deus.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

“o amor é quase tudo, é quase medo, segredo, saudade!!!! o amor é abismo e liberdade.”
―Evan Do Carmo

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Silêncio, escute a beleza da vida em tua volta. Milhares de borboletas coloridas e um jardim imenso, uma orquestra executa a nona sinfonia de Deus, entre flores de todas as matizes. Não vês? Não escutas? Então estás morto. Deve-se morrer pela beleza, contudo só vê beleza externa quem a possui na alma

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

"Poesia é a arte da contemplação, da beleza e do absurdo. Música que se exprime com palavras."

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

um olhar no passado

Todos os dias, às seis da tarde, ele se sentava na mesma cadeira, na mesma calçada, esperando por alguém que um dia viu passar, na mesma calçada, da mesma cidade, daquele imenso mar

Era um bar à beira-mar, onde passava muita gente, mas este solitário observador nunca conseguiu realizar seu antigo sonho, o sonho de ver passar, na mesma calçada aquela figura que um dia lhe roubou alma.

Agora, depois que o mar avançou e cobriu a calçada, o homem continua a olhar, do mesmo ponto, o mesmo mar, da mesma cidade, onde não existe mais calçada nem transeuntes, apenas existe o mar e uma dor que não serena...

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Poemas são como flores

Poemas são como flores
não se deve dar para qualquer um
há sempre um espanto de quem recebe
ou um desespero para quem oferece

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Poeta escreve e chora

Poeta escreve e chora, depois ri,

como criança confunde sentimentos

quando erra não sabe a quem recorrer

sua poesia é oração que não se ouve

a musa foge e o verso quebra

a mão se eleva… Deus não escuta.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

O amor não se compra, disto todos sabem, mas poucos compreendem um principio universal sobre o valor do amor, como se adquiri e como se perde.
O amor está em outra esfera de razão e entendimento humano, quem ama tem a força de um deus, e quem recebe a dedicação de alma de um deus, se torna um deus também, poderoso e humilde, sobretudo generoso e bom, quem ama cuida, alimenta e vibrar a cada sorriso e conquista do bem amado, quem ama liberta e nunca está preso ou limitado.
Ati, Iranete alma irmã da minha alma

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

A completude do ser

Você que ri sem motivo
você que chora sem dor
você que sabe o segredo
das asas do beija-flor

você que nunca desiste
você que tem esperança
você que não fica triste
você que é feito criança

você que busca um destino
você que sedo madruga
você que não sofre a ruga
você que é feito menino.

você que nunca tem medo
você que não desatina
você que canta e afina
as cordas do coração

você que anda sem pressa
você que perdoa a mágoa
você que enxuga a lágrima
você que planta uma flor!

você que é brisa e calma
você que é um mar sereno
você que é corpo e alma
você, antídoto e veneno

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Mais respeito pelo livro, meu caro leitor
A um amigo livreiro

O que acontece dentro de uma livraria? Digamos acertadamente que é um ótimo lugar para se descobrir o mundo. Muitas viagens acontecem quando abrimos um bom livro, isto ocorre sem que seja preciso tirar os pés do chão. Numa livraria, contudo, temos a chance de perder a inocência, outros de perder definitivamente a ignorância, já outros podem se descobrirem escritores, assim como se deu comigo.

Mas como funciona uma livraria, qual é o seu papel social, se é que o tem? Você que visita regularmente este lugar sagrado, sabe de fato qual é a sua real importância e significado?
Existem boas livrarias que têm consciência do seu papel na sociedade, estas não estão no mercado apenas para lograr êxito capitalista. Sei de algumas que permitem que o cidadão leia seus livros mesmo sem a obrigação compulsória de comprá-los, isto é fundamental, sobretudo em nosso país onde o livro não está acessível para todos.

No entanto, tenho observado que estes mesmo cidadãos, que aparentemente amam os livros, ou pelo menos querem passar uma imagem positiva, quando estão com livros em mãos, especialmente em público, dentro destas livrarias que nos permitem a leitura gratuita, que estes não são assim tão educados quanto querem parecer. Pois bem, um amigo meu de longa data, e que já trabalha por décadas em livrarias como estas já citadas, me contou algo que me causou indignação.

Disse-me este amigo, que o seu maior e mais enfadonho serviço, é arrumar estes livros que generosamente são oferecidos para leitura gratuita aos usuários de sua livraria, pois segundo ele, as pessoas pegam estes livros novinhos em folha e não têm nenhum cuidado ou responsabilidade social de devolver os mesmos em perfeito estado como os encontraram para que outros também possam se beneficiar de suas leituras.

Estes senhores e senhoras bem instruídos e, e que por isto deviam ser também bem educados, estragam os livros por abrir demais as suas páginas, como se donos fossem destes belos livros novos. Outra coisa impressionante, é o fato deles violarem os livros lacrados e deixarem o lixo para este meu amigo limpar, como se estivessem em suas próprias casas.

São atitudes como estas que denunciam a verdadeira alma do povo brasileiro, mesmo dos que se dizem cultos, estes não possuem ainda a mínima educação que se espera de pessoas civilizadas. Portanto, caro leitor, eu penso desta forma, se você realmente ama os livros e sabe do seu real valor, não o rasure nem quebre as suas folhas, nem dobre uma paginas como marcador de livro, pois isto revela uma grande e imperdoável falta de educação e respeito por quem os produzem, e especialmente por quem deles cuidam tão bem como este meu amigo livreiro.

Não basta saber ler, ou tirar fotos em livrarias com livros nas mãos, pois a educação não vem apenas dos livros, ela é reflexo do caráter que se desenvolve em casa, ela vem, portanto do berço, não da condição de leitor.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo
1 compartilhamento

Às vezes nos encantamos com a beleza,
daí, em seguida, quando a criatura abre a boca nos decepcionamos com a ignorância.

Nem a natureza escapa da falta de critério,
raramente consegue agregar beleza à inteligência.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Eternidade, delírio da razão....

Quem salvará o homem do abismo
do silêncio que há entre o tudo e o nada?

A arte, a fé, ou o absurdo do não crer?

O que nos resta é a beleza
com o seu encantamento desmedido
a poesia irreprimível
do riso gratuito das crianças.

Se tudo isto nos faltar
apelemos para o amor
e para amizade...

Mas não esqueçamos
que sem o delírio da razão
não poderá existir
... eternidade.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Viver não é nada extraordinário,
se não fizermos algo relevante
algo extraordinariamente belo
e necessário, enquanto vivos.
Viver não significa nada
se não experimentarmos
o êxtase e o encanto
de um verdadeiro amor.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Sobre entrevista, há um grande mistério em saber perguntar. Perguntas são barcos içados no mar-universo do entrevistado, haveremos de trazer peixes nobres de excelentes castas, ou apenas mariscos embriagados pela maresia das retóricas.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Queremos incendiar o mundo
quando nos falta o amor.
Nero fazia poesia, era culto e instruído
um espírito sedento de atenção
paternal e amor romântico.
Nero tocava lira
e componha canções de amor
mas pôs fogo em Roma
e matou milhares de cristãos.
Teve poder e fama,mas não conquistou
nem conheceu o amor.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Quando aprenderes o valor do texto e não da moral da historia contada para alegrar ou entristecer o espírito, então saberás o que é literatura.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Entre o belo e o absurdo

entre o belo e o absurdo
mora o silêncio, orquídeas
margaridas e hortencias
de um jardim esquecido.

entre o belo e o absurdo
há dois caminhos, duas escolhas
um homem e uma mulher
uma porta aberta e um criado mudo.

entre o belo e o absurdo
há um arco-íris e um temporal
um desejo ardente, agridoce
uma fome santa, de mel, de sal.

entre o belo e o absurdo
há música de Wagner
delicadeza de Chaplin
e a poesia o mundo.

entre o belo e o absurdo
há cinzas de uma história
perdida, lágrima de sangue derramada
e uma taça de vinho a ser bebida.

Evan do Carmo 05/02/2016

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Homens ocos, de Eliot
a tabacaria de Pessoa,
a temporada
no inferno, de Rimbaud
as flores do mal de Baudelaire
as cinzas da horas de Bandeira
Tente não naufragar nessas águas,
caso sobreviva se tornará poeta.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

A simplicidade poética pertencente a Manoel de Barros, não está acessível aos que buscam impressionar com arroubos intelectuais, poesia não é ciência mundana que se apresenta nas academias a concorrer a prêmios e a comendas reais, a voz do poeta é como um canto espiritual de um rouxinol invisível, encantado!!!

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Os mitos, todos eles inventados por homens indoutos, não encontram lugar nem razão na atualidade, estão todos mortos, barro feito à semelhança do homem, que a voz humana,contraproducentemente persiste em lhe dar espírito, a soprar em suas narinas.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

O que é verdade?, Certo dia alguém perguntou a um carpinteiro, que estava sofrendo a maior das injustiças cometidas pelos homens, todavia o mesmo não quis responder, talvez por julgar que seu interlocutor não merecia saber a resposta.
O que é verdade? Uma expressão dogmática, que não suporta o crivo da relatividade, contudo, mesmo dentro da nossa concepção imperfeita de mundo civilizado, é possível descrever ou designar algo que se aproxime daquilo que desejamos com esta pergunta.
Devemos buscar entre muitos pensadores importantes seus conceitos e teses jurídicas sobre o tema justiça, talvez ficaremos satisfeitos com esta: Verdade é tudo o que se opõe à injustiça.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Perdoou dívida, perdoou engano, errar é divino, perdoar é humano. Contudo, não consigo perdoar a falta de educação, nem o abandono.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Escrevo porque o verbo me obriga
e nesta briga não há abrigo
para o silêncio, nem mel, nem trigo.

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo

Voltei à poesia

longe dela não há esperança
nem alívio, nem descanso
nem mar, nem praia, nem remanso
falemos pois de fantasia
de futuro, de passado ou de estrelas
já que o mundo perdeu objetivo
palavras não atingem compromisso
a boca que ama é a mesma que escarra
no rosto da inocência, com o mesmo afã
de confessar uma paixão, uma crença,
se confessa ódio e ausência.
Voltei à poesia

enquanto o caos se expande
e o amante esquece o beijo
enquanto um corpo cai do décimo andar
e as guerras alimentam o comércio da paz
calemos diante do absurdo, fique mudo
que importa dos homens justos seus ais
ou das mulheres estéreis o abandono
são todos labirintos esquecidos
sem pão, sem cordão, sem migalhas
sem ariadne...

Voltei à poesia

sigamos os rastros do cometa
não haverá espaço nem palavras
que contestem a ilusão estética de apolo
nenhuma ninfa subirá do lago de Narciso
para chorar a morte do poeta!

Voltei à poesia

a única razão justa de negar
ser mais um estúpido
amante da prata insaciável
e assassina da beleza!!!

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo
1 compartilhamento

“Somos como espelhos, ninguém está imune à luz ou às trevas que recebe, haveremos de refletir perfeitamente o que nos for oferecido. O que for além disso é doutrina falível.”

Evan do carmo
Inserida por EvandoCarmo