Superficialidade

Cerca de 122 frases e pensamentos: Superficialidade

Ler é sonhar pela mão de outrem. Ler mal e por alto é libertarmo-nos da mão que nos conduz. A superficialidade na erudição é o melhor modo de ler bem e ser profundo.

Fernando Pessoa
497 compartilhamentos

Nada é mais insondável do que a superficialidade da mulher.

Karl Kraus
7 compartilhamentos

De que tamanho é à força do amor que nos permite arrancar a máscara da superficialidade para abrir nosso coração aos outros?

Anahí Portilla
101 compartilhamentos

Confissões

Vivendo no curto tempo à frente
e apesar de não querer pensar nelas,
algumas lembranças estão comigo,
maltratando meu corpo e mente
como feridas que deixam sequelas
provocadas pela ação de um inimigo.

É uma forma constante e mui danosa
que me atinge e se torna perigosa.
Sei que fiz coisas que não devia,
mas também não fiz outras que merecia.
Em algumas delas, fui traído,
em muitas outras fui culpado
por fazer sofrer alguém amado
sem perceber o quanto estava errado.

Gostaria de ter o poder de bloqueá-las
por não mais suportar e pensar
em parte desse passado que me faz mal,
pois me maltrata e me persegue
há tantos anos, e mesmo assim segue
a me mostrar os erros cometidos,
confrontando-me com toda a insensatez
da visão míope, falsa e superficial
dos relacionamentos não compreendidos.

Victor Motta
28 compartilhamentos

Vivemos numa época de muitos amores e de pouco amor. De muita superficialidade e pouca riqueza interior.

Carlos Afonso Schmitt
62 compartilhamentos

Amizades à base da superficialidade não fazem mais parte do meu currículo de entretenimento.

Dioo Santos
3 compartilhamentos

Algum dia você percebeu a superficialidade no ar??
Percebeu a maldade que esta a nos cercar??
Percebeu que o brilho do meu olhar desapareceu?

Paula Câmara Ferreira
3 compartilhamentos

Quero qualquer coisa que passe dessa superficialidade. Pode ser até o ódio, desde que seja real.

Kléber Novartes
3 compartilhamentos

Meu alicerce não foi erguido sobre o artificio da superficialidade.
Minha morada é no mais profundo das coisas.

Erick Tozzo
3 compartilhamentos

A valorização do “Ter” presente na conduta de determinados indivíduos os impedem muitas vezes de enxergar o valor contido na simplicidade do “Ser”, no ‘sentir’ daquilo que o dinheiro não pode comprar. A partir do momento que a humanidade realmente despertar para algo além da superficialidade, sem precisar manter dualidade entre os seus semelhantes e o resto da natureza, haverá uma maior possibilidade de viver em harmonia com e tudo e com todos.

Sâmara Santana Câmara
113 compartilhamentos

Viver com a superficialidade constante, não é viver, mas sim levar a vida sem protagonizar os fatos e acontecimentos.
Porque viver é aprofundar-se em tudo aquilo que lhe faz bem e feliz.
Viver é se entregar ao sentimento mais profundo do amor; sentir dor, chorar, sofrer, então separar, sentir tanta saudade e quase morrer, e depois voltar. E assim, a intensidade da vida voltar a brilhar.
De que vale uma pessoa viver 80 anos sem fincar raízes, sem produzir coisas boas, sem deixar boas lembranças aos seus filhos e não deixar saudade nenhuma? De que vale a vida se não sentir amor, se viver sem razão e por não saber quem é, sofrer?
Se assim o for, é preferível morrer.

Raisa Mandja
2 compartilhamentos

Superficialidade nunca foi muito coisa da minha vida. Talvez fosse algo com um patamar muito avançado, como um vestido de quinhentos e treze dólares em uma loja de grife. Ou talvez fosse algo tão simples quanto comprar maquiagem em uma loja de R$1,99. Como se os sentimentos precisassem ser tachados com preços tão suficientes ou insuficientes. Como se esses sentimentos acabassem como um toque de mágica por conta da última liquidação da loja barata da esquina.
Não sou dessas pessoas que acabam perdendo a paciência à espera do grande amor, ou à espera do despertar de certos sentimentos. Confesso, e não com muita vergonha que sonho tanto, que vezenquando fecho os olhos enquando me escorro no parapeito da janela sonhando com certos momentos, imaginando se algum dia aquelas ceninhas meio-que-chicletes que ocorrem em certos filmes românticos, acontecerão comigo. Mas de repente, bato minha cabeça no canto da janela, e percebo que sonhar não é tão bom quanto parece.
Ao menos nos dias de hoje, muita coisa (a maioria, confesso) nunca é como parece ser. A realidade é que comprar amizade, e amores bem resolvidos está tão fácil quando comprar um tênis falsificado de uma marca famosa. E tudo isso, se desgasta. O tênis, e os sentimentos, claro.
Mas não quero algo qualquer entrando na minha vida. Eu quero a realidade, a boa e velha realidade. Não sorrisos forçados, como em uma conversa de parentes que não se viam à muito tempo. Eu quero sorrisos, não bocas abertas mostrando os dentes por qualquer besteira. Quero abraços, não duas pessoas se “encostando” de braços abertos enquanto desejam tudo de melhor para umas às outras. Quero amizades verdadeiras, não viver só coisas boas numa roda de conhecidos, e de repente, em meio ao temporal não encontrar nenhum guarda-chuva para me proteger. Quero amor, não palavras decorradas, não apenas sorrisos bobos. Quero amor, e não pessoas que vivem se entregando pra aqueles que não merecem nem um pouco esse tipo de sentimento.
Quero continuar à escrever tudo o que eu penso e tudo o que eu sinto. E não apenas fingir, para iludir as pessoas com sóis que nunca irão sair antes de muitos temporais.

Letícia Nogara
2 compartilhamentos

Superficialidade

Louco seria se não tivesse amor
Amor ternura e vida

A ilusão seria tudo
A solidão seria amiga
A prisão seria a casa
A dor seria a cura

Louco seria se não tivesse o amor
Amor ternura e vida

A vida seria crua
Viver seria banal
Sonhar seria mortal

Louco seria se não tivesse amor
Amor, amor, amor.

MAYCON TIENGA
2 compartilhamentos

Algumas pessoas vivem nas profundezas de sua superficialidade e quando encontram alguém com valores e princípios genuínos fogem de maneira covarde e egoísta... isso me dá mais pena do que raiva...

Cáren Bell - Conselho de Amigos Queridos
2 compartilhamentos

Dias sombrios...

Vivemos tempos difíceis. Tempos de superficialidade exagerada, ou, como definiu Bauman, de amores líquidos.

Nos dias de hoje, raros são os casos em que se observa uma amizade duradoura e sincera ou um relacionamento intenso e sólido ao mesmo tempo. São tempos de larga mudança nos valores sociais. A sociedade passa por uma de suas mais bruscas mudanças.

A velocidade com que a informação flui no mundo moderno, torna cada dia mais complexa a manutenção do que conhecemos por relações humanas. Pessoas são tratadas como objetos. Ao não terem mais serventia simplesmente descarta-se o supérfluo.

Valores éticos e morais que perduraram por séculos, cito como exemplo a ética kantiana – sintetizada em seu imperativo categórico -, tornam-se cada vez mais inviáveis de serem postos em prática.

Não vemos mais romantismo, o que vemos é a banalização da palavra amor em favor dos vários tipos de experiências superficiais praticadas pelos indivíduos hodiernamente.

Bauman fala de forma brilhante que:

"Para ser feliz há dois valores essenciais que são absolutamente indispensáveis [...] um é segurança e o outro é liberdade. Você não consegue ser feliz e ter uma vida digna na ausência de um deles. Segurança sem liberdade é escravidão. Liberdade sem segurança é um completo caos. Você precisa dos dois. [...]

Hoje, o que vemos na sociedade é a valoração excessiva do “o que você é”, no lugar do “quem você é”. Tempos de relações imediatas, pautadas no momento e no que podemos obter com isso. O mediato não existe mais, apenas o agora. Isso se aplica em toda sociedade. Seja no critério profissional, pessoal ou interpessoal.

A cobrança do que se tem ofusca a expectativa do que se poderá ser. O amanhã não mais existe nos dias de hoje, apenas o agora. A fluidez em que o mundo está embebido trouxe consigo uma mudança permanente no modo como a sociedade se desenvolve, e, na maneira como ela se desenvolverá. Um dia, a história lembrará deste momento, de uma época na qual o homem não mais é o lobo do próprio homem – citando Hobbes -, mas o homem tornou-se o fim em si mesmo. Estamos entrando na era do egocentrismo autofágico.

Anderson Ayres Bello

Tem vezes que queremos na superficialidade encontrar,não pensar tão profundamente justamente para encontrar surpresa!

Vanessa Cony
Inserida por vanessacony
1 compartilhamento

Não se iluda com a superficialidade e a aparência das coisas do mundo, liberte-se de tudo aquilo que impede a sua felicidade, a sua paz e o seu crescimento.

Izzo Rocha
Inserida por izzorocha
1 compartilhamento

Queria que por apenas alguns instantes acabasse a superficialidade no mundo, não entendo como existem pessoas que conseguem viver tanto em função de máscaras, tampouco como uma simples revista tem o poder de controlar toda sua vida dizendo o que você pode ou não vestir, falar, ouvir. Como existem pessoas que conseguem viver ligando tanto para "modinhas"?!
Queria que por alguns minutos sumissem os espelhos e que cada um olhasse em seu interior e percebesse qual a sua verdadeira personalidade, não ter medo de ousar, não viver de cópias. Que sumissem todos os padrões.
Eu simplesmente não entendo como as pessoas valorizam mais a aparência que a cabeça e a opinião, será que em algum momento o mundo não pode olhar com os olhos de uma criança e perceber o que se passa no interior de alguém? será que ninguém consegue perceber o valor e a inteligência da "feinha" e preferem ouvir as tolices e burrices da bonitinha? O mundo é tão idiota que vive somente de sua fútil superficialidade, e não percebe que inteligência requer prática e que alcançada se torna algo de muito valor, o mais importante é ser você, não ter medo de mostrar sua personalidade, sua opinião muito menos de fazer o que quer só porque um papel diz que é brega.
As pessoas diferentes sim são um arraso, pois elas não precisam obedecer o que está escrito na revista de moda. Agora eu só tenho pena de quem passa a vida atrás de popularidade, porque isso não significa ser o melhor, mas o mais medíocre, porque a vida não se resume a rostinhos bonitos e a falsos abraços, ela vai além disso. Desinteressante é quem corre atrás de algo tão banal

Eloisa Maria Bodanese
Inserida por Elo4
1 compartilhamento

Superficialidade
Geralmente toma esse caminho, quem do confronto tem medo. Então, caros comparsas, tomemos outro rumo, pois nesse o tráfego está cheio. Pairemos em águas profundas, aquelas que nos afogam, que não escondem o seu gosto, e muito menos o seu cheiro.
Proponho também a coragem, em que sendo bom ou ruim, revelemos nosso sincero encanto ou desapontamento.
Pode ser que o confronto venha, sua face saia arranhada, mesmo assim terá valido a pena, essa façanha empenhada.

Eliana de Freitas
Inserida por elianadefreitas

Talvez toda a beleza da humanidade exista apenas na superficialidade do seu existir. Se formos mais fundo veremos que não somos nada além de folhas em branco cobertas por uma bela capa.

Rafael Mesquita
Inserida por Rafaelmesquita
1 compartilhamento