Saudades de Pai Falecido

Cerca de 109 frases e pensamentos: Saudades de Pai Falecido

TUDO ISSO..E MUITO MAIS!!!!
SAUDADES PAI....
DO TEU ABRAÇO
DO TEU BEIJO
DO TEU CHEIRO
DA TUA MÃO!!!
DE TI...

Berenice Pasin
Inserida por berepasin
1 compartilhamento

“Existe a saudade de um filho,
a saudade de uma mãe ou de um pai,
a saudade de um amigo querido,
a saudade de um amor que se foi,
a saudade da infância,
a saudade da juventude,
a saudade das boas lembranças,
a saudade do que não somos mais.
Como uma única palavra
pode ser tão ampla para exprimir tantas saudades?
Uma única palavra que está sempre no peito,
escorrendo dos olhos,
atormentando a mente,
como um mal permanente
que não se pode curar.”

Claudia Felix
Inserida por katiacristinaamaro
1 compartilhamento

Pai... Mãe... Vocês partiram, e deixaram a saudade para nos fazer companhia!

Dinha Baena
Inserida por DinhaBaena
1 compartilhamento

Saudade dos namoros no portão...
Que até o cão ficava parceiro...
Quando o pai da moça gritava...
Está na hora minha fia...
E o cãozinho latia pois não gostava...
Que eu fosse embora...
Mas eu tinha dia e hora pra namorar...
E assim foi até ele acostumar...
Ele era nosso amigo e esperto...
Ficava sempre por perto...
Nosso namoro vigiando...
De um lado pra outro andando...
Ficando sempre na vigia...
E qualquer coisa que ele via...
Ele dava sinal e a gente ficava atento...
Por que o velho saia lá de dentro...
Pra ver o que no portão acontecia.

Sérgio Cancioneiro
Inserida por sergiocancioneiro

A Inexorável Dor da Perda de um Filho

Ela, mãe, está sofrendo. Ele, pai, está sofrendo. Acabam de perder um filho para a mais forte de todas as guerras: a inexorável passagem para o outro plano. Seu filho amado está indo embora! – uma viagem às pressas, inesperada, sem tempo para dizer adeus. Um jovem com todas as alegrias e sonhos da sua idade e do seu tempo.

Seríamos realmente capazes de imaginarmos a dor desses pais? Sentirmos o tamanho desse luto? Demais para ser suportado. Imensamente. Uma dor que não tem nome e dói só de pensar. Falta o ar. Consome o equilíbrio. Falta chão. Sucumbe-se às lágrimas. Uma dor que não seca, mas faz murcharem as forças, rouba os sonhos, dilacera a alma. Interrompe a esperança, invade nossas entranhas e leva uma parte de nós – a vida perde um pouco a suas cores....

Não é fácil aceitarmos a inversão da ordem natural no ciclo da vida. Não estamos nunca prontos, não queremos enterrar um filho. Quando a natureza não cumpre o ciclo como deveria é dolorosamente terrível e assombra.

– uma separação consumada fisicamente, mas que jamais conseguirá romper com os laços... não há substituições, filho é filho e ponto.

Impossível medir a dimensão da dor da perda de um filho. Não conseguimos mensurá-la, é uma dor única, intensa, egoísta e gigante. A perda de um filho é ferida que não cicatriza, é pra toda a vida – essa dor terá momentos que se converterá em saudade, mas nunca será menor. Os pais ficam perdidos na sua dor, um vazio inconsolável, um lamento interminável. Que ninguém se atreva estancar essa sangria no coração de uma mãe e de um pai... O choro é demasiadamente solitário e triste – não se decifra um amor que transborda em lágrimas.

Não encontro consolo. Não há nada que possa arrancar esse tormento que estraçalha o peito dessa família. E nesse momento, não posso e não devo - hoje as lágrimas têm e devem cair. Tem que ser assim.

Hoje a dor é dessa mãe e desse pai. Amanhã ou depois, quem sabe a serenidade venha bater às suas portas.

Hoje, quero manifestar meu sentimento solidário e companheiro, fazer uma prece e desejar que esse jovem encontre muita luz em sua passagem. Que a mãe, o pai, os irmãos e todos os familiares, no devido tempo, encontrem motivos para a difícil superação dessa dor, hoje latente.

Que a resiliência seja. Que encontrem a habilidade de persistirem nos momentos difíceis quando a saudade doer - e ela dói, vai e volta, e continuará a doer... Mas, será preciso continuar, lamentavelmente, essa é uma das mais tristes regras que nos são impostas: - sobrevivermos com a ausência física daqueles que muito significaram à nossa continuidade, à nossa existência. Que o tempo faça o que é dele fazer - leve um dia a dor embora e deixe apenas a saudade terna e mansa.

Lucia Irene Reali Lemos
2 compartilhamentos

Passado esquecido 3

Parei, e não queria mais sofrer? Busquei o Pai maior para aliviar meu coração Sabia em algum lugar esperava na solidão Buscava em cada rosto a imagem do amor Batia em porta errada pois o amor não estava lá Busquei vales e montanhas entre o céu e o mar Atravessei milhas e milhas na esperança de Encontrar
Mas você estava tão perto Com esperança no olhar No desejo incansável de duas almas se encontrarem
Peço ao pai em oração Meu coração fragilizado de emoção Que canta a canção dos anjos Com doce amargo proibido Dentro do horizonte perdido
Avistei teu sorriso em busca do paraíso Corro na noite e escondo atrás da lua A terra molhada mostra o olhar devorando-me Cansada rogo ao pai em pensamento
Livre com amor invencível a procura De aconchego, vou ao encontro do jardim Deito entre flores e espinhos Respiro o medo da noite como animal ferido Deito calado e uma gota de lágrima se transforma Em oração
46 | Ditado por Valeria
Passo-a-passo Meus passos levam atá você Meu corpo e como um imã Num instante vejo em sonho Teu rosto de anjo calado
No fundo dos olhos a o mar azul De teu ser Confunde no barulho de meus passos
Passo no compasso do amanhã Lua e noite estrela e eu Na trajetória da vida Transformo no eu em flor
Rasga o inconsciente da alma Sangra meu peito coberto de amor No suor de dos movimentos corro a gritar No silêncio ecoando no peito a saudade No futuro longínquo sem dor
Sem se perder no tempo, fecunda no chão A semente, germinando com força e gratidão, Não recuo e não posso mais Enraizou com sabor do doce fruto Não sei não Esse amor vem dos deuses Adocicar no íntimo do nosso eu.

Carita celedonio
2 compartilhamentos

Não adianta ser apenas cristão! Se não fores cheio do Espírito Santo não conseguirás adorar ao Pai em espírito e em verdade.

Diego Felipe
Inserida por DiegoFeliep
1 compartilhamento

Minhas viagens são sempre voltas à infância, aos lugares onde vivi um dia. Uma procura, pai, mãe, avós, tios, amigos mortos. Volto atrás e procuro no verde, na luz, no céu. Em vão. O que perdi não terei mais, porém, mesmo assim volto sempre. A esperança de que algum dia encontrarei aquilo que procuro incansavelmente. Quem sabe na morte, única paisagem que por enquanto me é vedada.

Maria Helena Cardoso
Inserida por dacl

Pai é aquele que encaminha, dedica-se e constrói o alicerce para os seus....

Antonio Ramos da Silva
Inserida por AntonioRamosdaSilva
1 compartilhamento