Iris Borges

1 - 25 do total de 209 pensamentos de Iris Borges

Rosa formosa poesia na cor vermelha

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Olhos no espelho
Vejo alma refletida
Ali do outro lado distante

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

No momento do calor
Quero tomar banhos de chuva
E sentir cada pingo
Água da chuva descer
Pelos calcanhares e descalço
Darei então muitas risadas
Por sentir cócegas nas plantas dos pés

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Quero me aquecer junto
Das lavas do vulcão e
Mergulho de cabeça
e que tudo mais
Vá pro inferno

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Querer com querer
Nunca é tarde demais
Sentir sem poder tocar

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Eu acordo
Contando pingos
Chuva cai

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

A Gentileza
Gera a Gentileza
Por onde andas

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Não me quebre
Não pise
Afasto tudo de perto
Sou vidro corto

Iris Borges

Quem sou eu
Quem é você
Eu sou tua
Você é meu

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Que seja hoje
O ultimo
Sopro do inverno
Queima
Machuca
Dói

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Coração
O quer tanto
Acuda
Não esqueça
Não negue

Sinto saudade
Choro
Imploro

Quase morro
Quer queira ou não
Silencio
Dói

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Não te quero
Quando mais preciso
Digo NÃO entenda Sim

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Uma flor
Um beija-flor
Com doce perfume

Beija-flor
Vizinha abelha
Visita flor em flor

Beija-flor abelha
Sugando cada gota
Néctar pólen doce mel

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Doces amoras
Enquanto namora
Boca doce
Vermelho amora

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Bálsamo sem veneno
Almas livres nunca morrem
Voam para o eterno infinito

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

A beleza no mar
No silêncio do olhar
A onda vem lamber a areia

Levando toda a dor
Onda branca feito renda
Vão e vem teu íntimo sentir

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Quanta candura
No seu olhar
Nada teme nem a ninguém
Quer apenas amar
Até que se queima
Sofre
Chora
Depois que esquece a dor
Nasce outra vez

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Final de tarde
Pôr do sol é vermelho
Tu és poesia que encanta

Iris Borges

Sonhos fabulosos
Está na hora de dormir
De vez em quando dias e dias

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Que os ventos me tragam
A brisa da primavera
Acariciando meu rosto
Com o perfume das flores

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Palavras procurando respostas
Minha alma exclama
São acertos e erros
Posso cair
Posso ferir
Mais não posso desistir
Coragem está dentro de nós
Isso é viver

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Embrulhado no papel
Brilha o celofane
Bombom
Solitário sabor
Amor
Solidão
Uma valsa um sonho
Um Sonho de valsa

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Bando de andorinhas
Voam revoam e cantam
Eu sozinho sonhando

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Menina linda
Meiguice no olhar
As vezes alegre outras triste

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges

Botão de rosa
Delicado perfume
Sensibilidade minúscula

Iris Borges
Inserida por iristerrasborges