Sinto-me Abandonada

Cerca de 74 frases e pensamentos: Sinto-me Abandonada

Saudade

Por que sinto falta de você? Por que esta saudade?
Eu não te vejo, mas imagino suas expressões, sua voz, seu cheiro.
Sua amizade me faz sonhar com um carinho,
Um caminhar à luz da lua, à beira-mar.
Saudade: este sentimento de vazio que me tira o sono,
me fazendo sentir num triste abandono, é amizade, eu sei, será amor, talvez...
Só não quero perder sua amizade, esta amizade...
Que me fortalece, me enobrece por ter você.

Desconhecido

Nota: O poema costuma ser atribuído a Machado de Assis, mas não há fontes que confirmem essa autoria.

Destino travesso
Me tira o sono
Revira do avesso
Sinto abandono

Hoje não me alegra o mar
Lembro de ti
Me pego a chorar
Quero fugir
Já vi que não dá

Evasão, fuga
Tentativa frustrada
Ilusão, luta
Não deu em nada

Saudade, amor
Tanta saudade
Que me vira do avesso
E revira o meu avesso

Não sei se mereço
Desse jeito sofrer
Só sei que padeço
Não consegui te esquecer

Às vezes me sinto inútil por deixar as pessoas me abandonarem. Será que elas sentem o mesmo por me abandonar?

De madrugada eu choro
Abandonado me sinto
Quanto mais o tempo passa
Aumenta essa dor que sinto

Não escolhi estar sozinho
ninguém escolhe isso
Toda noite eu emploro
"Meu Deus me tire disso!"

Rodeado de pessoas
Como se fosse um xodó
Mas na realidade...
Estou abraçado mas me sinto só.

Vem me buscar
Espero te no lugar de sempre. Não me abandones dentro de ti. Sinto-me misturada contigo sem me admitires. Abandonas-te me na tua alma e já não sei onde acabas tu e começo eu. De noite não durmo porque não sei onde estou, não me encontro. Pairo sobre ti porque não me largas. Mas também não me admites.
Vem me buscar. Estou no lugar de sempre.
Porque não admites que me pertences? Porque não me deixas pertencer te?
Não se escolhe quem se ama, já devias saber. O amor não é uma escolha.
Vem me buscar. Vamos ser um.
Assim dormimos os dois descansados

sinto sua falta,
sinto a dor na alma...
vazia sem nada,
abandonada na solidão,
verdade um pingo na solidão,
nada floresce,
a dor é profunda,
a distancia não nada
diante da eternidade
do amor deixando,
no profundo da alma.
destilado a mensagens sem resposta,
destino sempre prega peças,
amar tanto tudo tão vazio,
palavras no vento,
seria glorificada somente,
com uma palavra de amor.
por celso roberto nadilo

Hoje eu estou chorando
Como uma condenada
Talvez porque
Eu me sinto abandonada..

Eu tenho uma enorme vontade chorar por horas e horas... Talvez a dor que eu sinto me abandone e tudo se resolva, mas na verdade não tenho esperança nenhuma de nada. Eu só queria que fosse tudo fácil de resolver.
Eu me acho longe de tudo. Eu tento pensar de outro jeito, mas eu não consigo mudar, por mais que eu tente. Eu acho que o meu destino é esse mesmo, às vezes estar bem, outras horas mal de sofrer por algumas horas... De ter aquele imenso aperto na garganta e no coração. Eu tenho vontade de gritar tudo isso que eu escrevi... Esses sentimentos vêm quando eu menos espero... Às vezes está tudo bem e, de repente o mundo desaba sobre a minha cabeça, eu tenho vontade gritar de quebrar coisas de me machucar... Eu não sei por que todas as coisas, todas as pessoas insistem em mudar. Não sei se tem algo que eu possa fazer, para que uma parte de meus problemas se resolva. Eu só queria ser mais feliz, ter mais amigos (as), ter mais um pouco de tudo... E principalmente ter mais amor de quem eu amo mais do que tudo, e se eu tenho tudo isso... Eu ainda não percebi, ou não consigo enxergar o que tem de bom em volta de mim. Eu já fiz tantas coisas erradas nessa minha vida, que seria uma surpresa para todos, porque eu sou nova, e ninguém acreditaria. Eu sinto que eu preciso de ajuda, mas a quem eu vou recorrer? Toda a quem eu conto as minhas tristezas, não sabem, não entendem o tamanho da minha dor. Eu me sinto tão sozinha, tão perdida no que eu falo, tão perdida dentro de mim, eu me sinto tão idiota. Eu tento encontrar um meio em que eu consiga desabafar tanto sofrimento, mas mesmo falando, nada me deixa mais aliviada do que tua presença, do que teu carinho, do que teu amor, do que saber que eu tenho você comigo... Mas infelizmente isso nunca aconteceu, e a minha cura é você. Então se for assim, eu nem preciso esperar nada que venha de ti. E eu tenho que ir me conformando com tanta angustia em todos os meus dias.

⁠A verdade é que eu sinto que a minha melhor amiga me abandonou no momento em que eu mais precisava dela... Porque ser amiga não é apenas um título, é uma prática. Amiga é aquela que fica do seu lado, te escuta e seca as suas lágrimas, a que horas for. É aquela que arruma sempre um tempinho para te alegrar ou te dar um abraço apertado. Já para quem não quer a sua amizade, nunca vão faltar desculpas...

"As vezes me sinto tão sozinha,tão abandonada que me dói o corpo todo,chego a sentir meus ossos estalando,mas na verdade é só meu coração se debulhando em lágrimas."

Sinto o pouco que me resta, não querer me abandonar..
E fazer desse resto, o necessário para poder sonhar...

MONÓLOGO DE UM MENOR ABANDONADO
Eu estou sozinho!...
Sinto falta de carinho
Carinho que só mãe sabe dar.
Ah! Meu Deus.
Por que ela foi levar?
E junto com ela, meu pai
Que tanta falta me faz
Eles! Meu lar.
Sinto agora um grande desgosto
Mãezinha, queria novamente ver o seu rosto
Olhando pra mim a sorrir.
Mãe. Como os becos são frios!
E quando de estômago vazio!
Penso!... Não vou resistir.
Quanta ofensa e falação,
E se peço, dizem: - Ladrão!
Por que não vai trabalhar?
Aqui é tudo xeque-mate,
E minha caixa de engraxate
Nem dá! Pro meu sustentar.
Me perdoe, Meu Deus.
Sei que não é culpa sua
Esse meu vagar pelas ruas
O meu constante sofrer.
É culpa desse sistema,
Que esfola o pobre e que trema
Quando o frio bater.
Meu Pai do céu!
Estou quase congelando e com fome
Só! Nesse beco escuro,
O chão daqui é tão duro!
Estou cansado! Acho que já falei demais.
Só uma coisa lhe peço,
Me leva aí pro seu berço
Para os braços dos meus pais.

Já entendi!

- To tão triste, me sinto tão sozinha, tão abandonada?
- Mas não pode ser, você sempre teve tantos amigos?Onde estão seus amigos?
- Ah amigos! Sei! Foram-se os amigos!
- Como assim? E a Maria, vocês se davam tão bem?
- Ah não! Muito vazia! Maria só falava de casa, de marido, de novela...não aguento!
- E a Josefa?
- Essa é fútil demais! Só fala de roupa, de sapato, de maquiagem, aff!
- Antônia?
- Nossa como era quieta. Puxava assunto com ela, falava algo de casa, de marido, de roupa, de sapato e esperava(por um segundo) e nada. Não me agregou nada.
Pensei eu que talvez não tivesse afinação com mulheres.
- E o João?
- Metido!!! Só sugere livros para ler, dos cursos que são legais para carreira, das melhores empresas pra se trabalhar...CHATO.
- E o José?
- Parece um maluco. José só faz piadas, vive rindo, me convidando pra dançar, pra passear, pra ir ao cinema. E me deu um curso pra pular de pára-quedas, vê se pode? DOIDO.
- Já entendi, você é perfeita.

Depressão por solidão é sempre culpa do próprio solitário, que busca o perfeito, que não vai ser encontrado nem em si mesmo.
Para ter amigos não precisa muito. Um pouco de sabedoria para reconhecer que pequenos defeitos não valem mais que uma amizade, que ninguém é perfeito(nem mesmo você) já é um grande começo.

Nas vias do outono
as lágrimas vão ficar
E todo abandono
eu sinto vai passar...

As folhas pelo chão
o vento vai levar
E meus olhos verão
a vida se renovar...

mel - ((*_*))

"Me sinto muito sozinho depois que a solidão me abandonou"

ao mesmo tempo que sorrio, choro por dentro,encharco as entranhas, sinto-me uma pétala ao abandono...e começo a morrer!

Amor da minha vida

Por que você me abandonou
Eu sinto tanto sua falta
não consigo escutar aquelas musicas
Sem chorar por sua ausência ao meu lado
por que você foi embora
Eu te amo
E não sou capaz de te esquecer
Eu queria poder te ver
Apenas mais uma vez
Te abraçar bem forte
E ter a chance de dizer
Adeus
Sinto sua falta
Você sempre será
O grande amor da minha vida
Te levo em meu coração
Eternamente

Às vezes,me sinto sozinho
Penso que Deus do Céu me abandonou
Os amigos seguiram seu próprio caminho
Ninguém mais voltou!

É apenas uma história mal contada
Uma simples palavra que ninguém nota
Uma folha ao vento que some na revoada
Um conto narrado por um idiota!

Mas estou firme segurando a barra
Que agora estou fazendo estremecer
Cantando a plenos pulmões com força e garra
Para descer essa Força e esse Poder

O Poder da esperança
Que tudo isso um dia vai passar
Com Santa Paz,alegria, bonança
Felicidade e bem estar!

"Você"

Hoje sinto-me só, neste abandono
que põe na alma da gente um não sei quê...
Para dentro dos olhos vejo o outono,
paisagem cor de cinza e esse ar de sono
que em plena primavera ninguém vê...

Não é tristeza propriamente: é esplim;
nem sei se é esplim: é um sentimento vago;
hoje sinto-me só, sinto-me assim
como a flor que lá fora no jardim
a aragem despetala num afago...

Finíssima neblina há no meu Ser
e em minha alma tristíssima faz frio,
- se lá fora há calor, e ouço o prazer
cantando na alegria de viver,
por que no meu destino esse vazio?

Hoje sinto-me só e há uma tortura
nessa profunda e impenetrável mágoa...
Minha vida é uma sombra... é uma figura
que se debruça numa noite escura
no olhar parado de uma poça d'água.

Hoje sinto-me só... e faz-me mal
ficar só, quando a noite está tão calma. . .
Quanta gente infeliz, sentimental,
sentirá, com certeza, uma ânsia igual
à que eu sinto rondando na minha alma...

Pela janela aberta entra o bafio
morno, de um ar que embriaga e que perfuma;
vem da sombra um rumor, um murmurio,
talvez, - quem sabe? - passe adiante um rio...
Mas bem sei que não passa coisa alguma...

Esse rumor que chega aos meus ouvidos
que impregna o ar assim, esse rumor,
é a canção de mil beijos escondidos,
de lábios entreabertos e vencidos
que se procuram na ilusão do amor...

Eu sei bem por que sofro e o que eu almejo,
minto afirmando que não sei porquê,
- falta uma boca para o meu desejo,
falta um corpo que eu quero e que não vejo,
Falta, por que não confessar?... Você!

Inserida por juanaigatu

Por que será que ver animais abandonados me comove tanto? ...às vezes sinto vergonha porque chego às lágrimas por me sentir impotente, sem condições de levar todos para minha casa, os que estão nas ruas, nas estradas...nos terrenos baldios...Também fico triste pois não consigo convencer a todos de quanto os animais são lindos e merecem nosso amor e dedicação...espero que um dia, o abandono de animais, os maus-tratos e a guarda irresponsável sejam punidos com rigor e que as pessoas se conscientizem de que os animais merecem o nosso respeito e cuidado.

Inserida por MRMS