Poemas do Carnaval

Cerca de 527 poemas do Carnaval

A maioria dos brasileiros não gosta de carnaval,
mas a minoria que gosta faz um barulho imenso.

Augusto Branco

Brigadeiro, Guaraná, as praias mais bonitas do mundo, Chinelos Hawaianas, Feijoada, Carnaval, as mulheres mais bonitas do mundo, melhor vôlei, melhor futebol, melhor tenista, Caipirinha, cacau show, Tapioca, a modelo mais cobiçada do planeta, a língua mais difícil do mundo, Leite condensado, a maior floresta do mundo, não existem ataques terroristas frequentemente, Vulcões, Terremotos, Maremotos. O maior índice de humoristas do mundo, a maior variedade de estilos musicais, pessoas com histórias para contar. Você tem certeza que não gosta do Brasil?

Caio Fernando Abreu
Inserida por alines2

Terminado o Carnaval, eis que nos encontramos com os seus melancólicos despojos: pelas ruas desertas, os pavilhões, arquibancadas e passarelas são uns tristes esqueletos de madeira; oscilam no ar farrapos de ornamentos sem sentido, magros, amarelos e encarnados, batidos pelo vento, enrodilhados em suas cordas; torres coloridas, como desmesurados brinquedos, sustentam-se de pé, intrusas, anômalas, entre as árvores e os postes. Acabou-se o artifício, desmanchou-se a mágica, volta-se à realidade.

Cecília Meireles
Inserida por relendo

Se a única coisa que de o homem terá certeza é a morte; a única certeza do brasileiro é o carnaval no próximo ano.

Graciliano Ramos
446 compartilhamentos

Lembre-se todo carnaval tem seu fiim,então ame,tenha fantasias,dance e cante.. agora preste atenção.A batucada parou,tire a fantasia .

Adriano Soares
56 compartilhamentos

O Carnaval não é invenção do Diabo, como dizem algumas religiões. Talvez seja invenção de algumas religiões, como dizem os carnavalescos!

Horlando Halergia
40 compartilhamentos

Um dia todo mundo se encontra... seja no carnaval, num bar da esquina, ou outra ocasião.

Lucas B.
50 compartilhamentos

"O BRASIL QUE PULA CARNAVAL É O MESMO QUE PROMOVE A QUARTA-FEIRA DE CINZAS."

Flávio Marcondes Velloso
39 compartilhamentos

O carnaval. A festa onde os tabus perdem força e as permissões tornam-se hiperbólicas.

Tiago landeira
22 compartilhamentos

Se não houvesse carnaval, nem futebol e nenhuma festa que ludibriasse o povo brasileiro, O Brasil já era um país de primeiro mundo.

Cello Vieira
100 compartilhamentos

Você foi um festival de ilusões, mas foi também um carnaval de emoções e um turbilhão de confusões.

Tiago Curralo

Dizem que o amor e uma fantazia !!!! Mais se o amor for uma fantazia....eu estou em pleno carnaval !!!

JairoSouzaDosAnjos

O carnaval acabou, mas tem muitos políticos que continuarão com suas máscaras.

Adilson Santos - fotógrafo

Carnaval Olinda e Recife
Deixa o povo brincar, no colorido das ruas deixa o povo pular, no sobe e desce ladeiras deixa o povo suar... Recife e Olinda fervendo deixa a gente frevar e as orquestras tocando deixa a gente cantar... A vida do povo já é tão dura, deixa a gente sonhar, se iludir, mesmo que por alguns dias deixa o povo ser feliz.

Valéria Carneiro de Lima

"E dos momentos mais simples eu faço uma festa, e da festa meu bem, eu faço um eterno carnaval".

Vânia Campos

Uma explosão de cores. Um carnaval, em forma de homem, desfilando na imensa Sapucaí da vida! E o sorriso tá lá!

Douglas Melo

O carnaval, o futebol e as festas sao para os governantes a honra e a perpetuaçao no poder. Para o povo: engodos da servidão e instrumentos da tirania cujo preço é a supressao do direito a uma vida digna e portanto, a falta da cidadania.

antonio gomes lacerda

O amor,é um sentimento forte, que nos faz bem. Mas quando se acaba, vira um carnaval dentro de nós. Um monte de sentimentos querendo agir ao mesmo tempo, e nunca sabemos o que fazer, e ai, acabamos soltando tudo da boca para fora descarregando no pobre infeliz que vier tirar nosso precioso tempo com bobagens.
Perguntamos-nos o porquê da existência do amor, melhor dizendo, pra que ele serve?
Mas o que poucos sabem é nós somos o amor, o amor é uma palavra que define o ser humano, nós amamos nossa família, nossos amigos e a todos os próximos. Nós nos amamos! Sendo assim, nós somos o amor.
Mas também nos perguntamos o porquê será que depois que o amor acaba, dói muito, chega a ser uma dor forte que não conseguimos suportar?
Mas uma coisa que quase ninguém sabe, é que ele dói, porque é para ser assim, ele dói, para nós termos uma prova de que todos aqueles momentos mágicos, era muito mais que um sonho, e que tudo que passamos juntos, foi real!

Aline Delamare

Lá se foram as férias, aventuras de verão? Acabaram-se todas.

Em um piscar de olhos o Carnaval já havia passado também.
E uma data geralmente esquecida, saltou diante de nossas faces: VOLTA AS AULAS!

Obviamente, não se pode dizer, que esta pitoresca data é de tão 'mal agouro' assim, existem pessoas que até gostam de voltar a rotina escolar. Poucas, é claro.

Mais um ano se inicia, e com ele as promessas também, separei umas clássicas, que eu mesmo pronuncio e escuto por aí:

- Esse ano, prometo estudar.
- Nada de bagunças, estou amadurecido.
- Nada de festas, ano de vestibular é puro estudo, do começo ao fim.
- Neste trimestre, meu nome estará no mural de melhores notas.

Contudo, depois do 3° mês na rotina escolar, muitas dessas 'promessas' ficam pelo caminho, e como todo discurso politico que se preze, a maioria das metas e barreiras a serem vencidas são simplesmente, apagadas, esquecidas.

Ao andar pela escola, três tipos de rostos são claramente identificados ..
Novatos: Estudantes recentes, recém chegados. Tudo é motivo para 'bocas abertas, e gargalhadas '

Bagaços: Alunos já de casa, que possuem ainda alguma expectativa com relação a novidades, e muito animados com o NOVO ano.

Veteranos: Chegamos em um ponto crítico, são sempre os mais velhos, mais experientes, maduros, e legais é claro (haha). Já viram de tudo um pouco, sabem todas as táticas para furar a fila na hora do recreio, roubar balas na sala dos professores e tapiar a coordenadora.

3 grupos indiscritivelmente diferentes, e juntos, numa mesma entidade de ensino médio.

E que comecem as lutas, digo ... AULAS!

Kayque Meneguelli
2 compartilhamentos

"Queria ser presidente por um dia. Faria uma lei que anulasse o carnaval em prol da nação. Argumentos lógicos não me faltam: Diminuição de acidentes; menor índice de HIV positivo; melhorar imagem do país no exterior; cortar semana ociosa para que aumentemos nossa renda; valorizar a imagem da mulher brasileira; investir os 2 bilhões por ano
do carnaval em educação; diminuir consumo de drogas nesse período...

Acho que não teria o apoio popular pra isso. Já tivemos presidentes que afundaram a educação, a habitação, a reforma agrária, a inflação, a renda familiar, os empregos e, até mesmo, presidente que roubou nossa
poupança. Ninguém reclamou. Porém se eu acabasse com o carnaval certamente me matariam.

Mesmo sabendo o risco que corro, aceitaria essa missão suicida, afinal, é melhor morrer no país do
carnaval do que viver no carnaval desse pais.

Danilo Gentili