Pensamentos de Bocage

Cerca de 23 pensamentos de Bocage

Amores vêm e vão, mas o verdadeiro amor nunca sai do coração.

Bocage
34 compartilhamentos

Triste quem ama, cego quem se fia.

Bocage
56 compartilhamentos

Os amantes são assim: Todos fogem à razão.

Bocage
14 compartilhamentos

Se amor vive além da morte.
Constância eterna hei-de ter;
Se amor dura só na vida,
Hei-de amar-te até morrer.

Bocage
34 compartilhamentos

Vai sempre avante a paixão,
Buscando seu doce fim;
Os amantes são assim:
Todos fogem à razão.

Bocage
16 compartilhamentos

Morrer é pouco, é fácil; mas ter vida
Delirando de amor, sem fruto ardendo,
É padecer mil mortes, mil infernos.

Bocage
15 compartilhamentos

Cantando a vida, como o cisne a morte.

Bocage
12 compartilhamentos

Nas paixões a razão nos desampara.

Bocage

Só tu, meu bem, me arrebatas
A vontade, o pensamento;
Vivo de ver-te e de amar-te,
E detesto o fingimento.

Bocage

Por entre a chuva de mortais peloiros
A nua fronte enriquecer de loiros
Eu procuro, eu desejo,
Para teus mimos desfrutar sem pejo,
Pois quem deste esplendor se não guarnece,
Não é digno de ti, não te merece.

Bocage

Quase tudo que é raro, estranho, ilustre, da vaidade procede.
Nas paixões a razão nos desampara.
A frouxidão no amor é uma ofensa.
Quem é muito amado, não é muito amante.

Bocage

Amor em sendo ditoso
Costuma ser imprudente,
E nos gestos de quem ama
Logo o vê quem o não sente.

Bocage

A frouxidão no amor é uma ofensa,
Ofensa que se eleva a grau supremo;
Paixão requer paixão, fervor e extremo.

Bocage
Inserida por carlus_sant

Purificando co' um sorriso o dia,
Afáveis olhos para mim volvendo,
Me diz : «Não chores, ó mortal, não chores;»

Bocage
Inserida por dia_marti

Eis os sorrisos que, a Tristeza amarga
De vós banira com decreto horrendo
Ei-los de novo sobre vós, ó minhas
Pálidas faces!

Bocage
Inserida por dia_marti

Quando recente o sol caiu na esfera
cristalina e serena
(...) surgiram flores,
Flores que não murcharam

Bocage
Inserida por dia_marti

Os homens não são maus por natureza
Atractivo interesse os falsifica,
A utilidade ao mal, e ao bem o instinto
Guia estes frágeis entes

Bocage
Inserida por dia_marti

Tu, que benigno raio
Derramas neste horror, neste amargoso
Domicílio dos males?...

Bocage
Inserida por dia_marti

A mente, a liberdade, a luz e a vida
Neste horror sufocados

Bocage
Inserida por dia_marti

Fantasmas do Terror (...)
Tristes combinações (...)
Já não sois meus tiranos

Bocage
Inserida por dia_marti