Neoliberalismo

Cerca de 24 frases e pensamentos: Neoliberalismo

Neoliberalismo, monocultura, padronização
O aquecimento global já não é ficção
Movidos pelo lucro, a vaidade e o poder
Homens mortos pelo ego antes de nascer
Na nova era chega à Terra a nova concepção
Respiro fundo, fecho os olhos, de pé permaneço
Abro ao cosmos as janelas do meu coração
Entrego, confio, aceito e agradeço

Forfun

Nota: Trecho da música Gruvi quântico.

O neoliberalismo deve aceitar a ênfase liberal do séc XIX na importância fundamental do indivíduo, mas deve trocar o objetivo do laissez faire do séc XIX como um meio para este fim pelo objetivo da ordem competitiva. Deve buscar usar a competição entre os produtores para proteger os consumidores de serem explorados por eles, a competição entre os empregadores para proteger os trabalhadores e os proprietários, e a competição entre os consumidores para proteger os próprios empreendimentos. O Estado deve fiscalizar o sistema, estabelecendo condições favoráveis à competição e a evitar monopólios, fornecer uma fundação monetária estável, e aliviar a miséria e a extrema pobreza. Os cidadãos estarão protegidos do Estado por um mercado privado livre; e um do outro pela preservação da competição.

Neo-liberalismo, monocultura, padronização, o aquecimento global já não é ficção, movidos pelo lucro a vaidade e o poder, homens mortos pelo ego antes de nascer, na nova era chega a terra a nova concepção, respiro fundo fecho os olhos de pé permaneço, abro o cosmos a janela do meu coração, entrego, confio, aceito e agradeço. Luz preencha todo o meu ser e mostre o que podemos ver, além do que é material, se encontra a alegria, fé o Jah eu vou seguir com fé, fluindo na força maior, que cria e muda pra melhor, em sintonia.

O neoliberalismo é como Robin Hood ao avesso, pois tira dos pobres e beneficia os ricos.

O neoliberalismo é a oficialização do crime social

O neoliberalismo representa a legitimação da sordidez e do atraso do pensamento da humanidade.

O neoliberalismo representa a anarquia econômica e o passaporte à exploração e fixação da injustiça social

⁠"Infelizmente, Com a Morte do Senso Comunitário e a Expansão do Neoliberalismo há mais jovens querendo ser Coachs do que Educadores " .

Frase : Will Educador.

As novas tecnologias de comunicação reforçam o crescimento das práticas do neoliberalismo; ajudam as estratégias neoliberais a avançar na sociedade, pois a conjugação de seus recursos técnicos em nível mundial mexe também com as sociedades locais, e os medias fazem isso não circunstancialmente, mas decisivamente na esfera pública: as novas
tecnologias de comunicação integram o plano de atuação política internacional para a desintegração de um plano de projetos nacionais.

Inserida por cristiane_neder

A terceirização

Terceirizar virou moda hoje em dia, hoje em dia e com a ajuda do neoliberalismo. A terceirização pode ser caracterizada de diversas formas, mas é mais comum citar a terceirização nos serviços, e está cada vez mais inserido nos serviços públicos e nas esferas do poder.

Terceirizar significa contratação de terceiros, ou seja, de outros para a realização de serviços, racionalizar custos, economizar recursos, mas em outras palavras também pode significar a incompetência, ignorância, covardia, facilitação de desvios de verba, acordos indecorosos, imoral, antiético, enfim, são tantos que as pessoas não entendem e preferem se abster desse assunto.

Se eu falar pra Dona Genoveva que trabalha na cozinha da minha antiga escola que ela é terceirizada ela pode até me bater achando que estou xingando-a, outras senhoras como a Dona Genoveva até sabem que são terceirizadas e sentem orgulho de serem, é porque na verdade elas não sabem o que é terceirização.

A única coisa que não se terceiriza é o eleitor, o eleitor é único, é especial, não se pode racionalizar, não se pode economizar, nem deixar que outro tome conta dele. O eleitor é o “meu nobre”, é o “meu bom”, é o “meu camarada”, “meu parceiro”, “gente fina”, “meu peixe”, mas ele só tem essas qualidades em período eleitoral.

Inserida por maiconcarlos

O neoliberalismo compra os conservadores com promessas de riqueza e ordem e os progressistas com vícios hedonistas e "direito" ao consumo. Falsa ordem e falsa liberdade dividem o povo para que este não destrua a ordem, o progresso e a liberdade das elites que os objetificam.

Inserida por alephkwagner

⁠O pior mal que o neoliberalismo
ocasionou para humanidade,
foi fazer o homem autonegar-se
em busca da excelência
sem lisura

Inserida por joseni_caminha_1

Um dos maiores crimes do neoliberalismo é o fato de fazer com que aqueles que são vítimas da política excludente que o caracteriza, acreditar que o seu status quo é consequência exclusiva de sua incompetência de produzir um futuro melhor.

Inserida por joseni_caminha

O maior mal que o neoliberalismo fez à escola, foi torná-la em um ambiente de
de profissionais na arte de auto-negar a sua capacidade de educar.

Inserida por joseni_caminha

⁠O neoliberalismo transformou a escola
em uma empresa que produz ensino,
onde o aluno é um cliente
para a instituição privada
e um número para a pública.
Enquanto que na primeira
o foco no cliente tem o propósito
de garantir o acúmulo de riqueza,
na segunda o uso do número
é o recurso estatistico utilizado
para sinalizar que estão no caminho certo,
capaz de garantir a ideia falseada
de uma qualidade que não se traduz em
uma verdadeira aprendizagem significativa.

Inserida por joseni_caminha

O neoliberalismo alimentado pelo capitalismo, fomenta a desigualdade social.

Inserida por Moraes

NEOLIBERALISMO: Solução ou problema ?

Olá, caro amigo leitor e prezados amigos de rede.
Vamos analisar o neoliberalismo, de modo que todos possam entender um pouco do assunto.
Os liberais regozijaram-se com a derrocada do socialismo após a queda do muro de Berlim e contrapuseram ao fracasso da economia planejada do "socialismo real" o pretenso sucesso da economia de mercado.
Bem-vindos ao progresso, à eficácia, à produtividade? O que é, afinal, o "capitalismo real"?
O capitalismo não reflete apenas luzes, mas o lado sombrio é parte integrante da condição de sua expansão, sempre a partir de laços de dependência ao longo de seus percursos:

• a colonização da América do século XVI ao XVIII;

• o imperialismo na África e na Ásia no século XIX;

• a implantação das multinacionais nos países não desenvolvidos no século XX;

• os acordos do Fundo Monetário Internacional (FMI) com os países mais pobres, transformando-os em eternos devedores, descapitalizados para o pagamento dos juros da dívida.

Esses laços de dependência econômica resultaram em recorrente dependência política.
De fato, quando nos referimos aos países mais ricos do mundo, não encontramos sequer uma dezena entre as centenas de nações existentes.
Os países emergentes, como o Brasil, sofrem perversa concentração de renda, apesar da ligeira melhoria dos índices de desenvolvimento social a partir da primeira década do século XXI.
Em decorrência, nas regiões de pobreza, não há como evitar as migrações, a marginalização de jovens e velhos, os surtos inflacionários reprimidos por recessão longa e dolorosa.
Como se vê, o capitalismo é um bom produtor de riqueza, mas um mau distribuidor dela.
Reflita com Nilo Deyson: Se ao criticar o "socialismo real" as nações capitalistas contrapuseram com orgulho a liberdade individual existente no Ocidente, é bom lembrar que se trata de uma liberdade acessível apenas aos beneficiados do sistema.
Ou seja, numa sociedade em que há injusta na repartição de bens, os contratos de trabalho não são tão livres quanto se supõe, e muitos são condenados ao desemprego, analfabetismo ou baixos salários.
Veja com Nilo Deyson, que como contraponto da evolução tecnológica, a destruição do meio ambiente e o desequilíbrio ecológico ameaçam a qualidade de vida no planeta, revelando a lógica da economia capitalista em que o interesse privado geralmente não coincide com o bem coletivo.



Nilo Deyson Monteiro Pessanha

Desde 1990, com a chegada do Neoliberalismo, digo que a precarização do Estado vai empurrar os países (e especialmente os "em vias de desenvolvimento") para um novo tipo de período feudal.⁠

Inserida por uspiao

⁠O neoliberalismo transformou a vida em um grande negócio.

Inserida por I004145959

⁠Alexandre pequenez grarrrcia, vive de meias verdades encima dos galhos unidos do neoliberalismo selvagem.

Inserida por LuizVentura