Frases de Vergílio Ferreira

Cerca de 116 frases de Vergílio Ferreira

O contrário do pessimismo raramente é o otimismo. O contrário do pessimismo, se não é a boa intenção de injetar força nos fracos, o que é bonito e faz bem, é quase sempre a idiota.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

Ama o impossível, porque é o único que não pode te decepcionar.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

A mulher mais ciumenta é talvez a que mais facilmente atraiçoa o marido e menos tolera que ele a atraiçoe. Porque o ciúme é a afirmação de um direito de propriedade. E esse direito reforça-se com a traição dela e diminui-se com a dele.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

O vocabulário do amor é restrito e repetitivo, porque a sua melhor expressão é o silêncio. Mas é deste silêncio que nasce todo o vocabulário do mundo.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

No amor nunca os pratos da balança estão equilibrados. E como a essência do amor é etérea, quem pesa mais é quem ama menos.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

Quanto maior se é, mais repetido se é. Platão, Aristóteles, Kant, quantos outros. Ainda se não calaram nos que deles falaram. E é possível que só se calem quando a espécie humana se calar.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Escrever, Bertrand, 2001

O amor afirma, o ódio nega. Mas por cada afirmação há milhentas de negação. Assim o amor é pequeno em face do que se odeia. Vê se consegues que isso seja mentira. E terás chegado à verdade.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Escrever

Para que percorres inutilmente o céu inteiro à procura da tua estrela? Põe-na lá.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Escrever, Bertrand, 2001

Escrever é ter a companhia do outro de nós que escreve.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Escrever, Bertrand, 2001

Não há amor como o primeiro, mesmo que esse primeiro seja o último.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

O que o moralista mais odeia nos pecados dos outros é a suspeita acusação de covardia por não ter coragem de os cometer.

Ama-se a vitória difícil, porque a derrota lhe preenchia quase todo o espaço possível. E foi com o que restava que se venceu em todo ele.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

O maior paradoxo do desejo não está em procurar-se sempre outra coisa: está em se procurar a mesma, depois de se ter encontrado.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

A filosofia não é um meio de descobrir a verdade. Mas é, como a arte, um processo de a «criar».

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, Bertrand, 1992

O melhor de uma verdade é o que dela nunca se chega a saber.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Escrever, Bertrand, 2001

O tempo que passa não passa depressa. O que passa depressa é o tempo que passou.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, Bertrand, 1992

Chora aos berros como as crianças até te estafares. Verás que depois adormeces.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

O amor acrescenta-nos com o que amarmos. O ódio diminui-nos. Se amares o universo, serás do tamanho dele. Mas quanto mais odiares, mais ficas apenas do teu. Porque odeias tanto? Compra uma tabuada. E aprende a fazer contas.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

Vive a vida o mais intensamente que puderes. Escreve essa intensidade o mais calmamente que puderes. E ela será ainda mais intensa no absoluto do imaginário de quem te lê.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, 1992

O grande paradoxo do artista é ter de tornar invisível a visibilidade do artifício com que torna visível esse invisível.

Vergílio Ferreira FERREIRA, V., Pensar, Bertrand, 1992