⁠Quer ser feliz? Faça outras pessoas... Arcise Câmara

⁠Quer ser feliz? Faça outras pessoas felizes
7 coisas que as pessoas felizes fazem de um jeito diferente
Eu era afetuosa, carinhosa e discreta. Espero que você ... Frase de Arcise Câmara.

⁠Quer ser feliz? Faça outras pessoas felizes
7 coisas que as pessoas felizes fazem de um jeito diferente
Eu era afetuosa, carinhosa e discreta. Espero que você tenha revisto o seu jeito de ser e, principalmente, a maneira como percebe o outro. A gente não é melhor que ninguém.
Falei com todo mundo, mas ninguém se importou. As pessoas só pensam em si mesmas, ninguém quer ser mais um na vida do outro, ninguém quer carregar fardos pesados não correspondidos.
Deixamos de observar as mudanças em redor, temos ficado cada dia mais distantes, mais egoístas, mais egocêntricas, com mania de palavras onde recriamos uma confiança equivocada e perdemos a oportunidade de repensar nossas experiências.
Quando o contexto muda, as soluções mudam também, faltava alguma coisa em sua maneira de pensar ou agir, eu sabia, eu sentia, mas nunca fui de cobrar, dialogar, exigir reciprocidade.
Quando as coisas estão saindo do rumo e é necessário corrigir a rota, mas eu me limitava a rezar, abraçava as dificuldades, o sofrimento e as tristezas a minha volta. O casamento já estava ruim, mas ninguém reclamava, até que um dos dois resolveu ir embora. Que Choque! Que Paulada!
Só valorizam a necessidade de mudar quando perdem o que tem, a realidade estava ali para quem quisesse enxergar. Trata-se de um momento estranho e difícil de compreender, entrei num terreno fértil.
Continuei defendendo posições indefensáveis, me vi atraída pelo inferno, evitava fazer críticas, ele não fora habituado a serviços domésticos, nem eu, mas a casa inteira recaia sobre as minhas responsabilidades, enquanto o sofá era lugar quente para ele.
Fiquei reduzida a zero, precisei perceber a insatisfação, antes que os resultados fossem insatisfatórios e me atingissem, mas eu não externava meu cansaço, minha irritabilidade diante de estar me sentindo só, estando acompanhada.
A oração era o alimento da minha alma, apesar de ser possessiva e controladora, rezava para deixar de ter esses traços de personalidade, queria ser uma pessoa melhor, achava que tudo que acontecia comigo eram frutos das minhas escolhas, nunca encontrei minha estabilidade emocional.
É tão bom amar e ser amada, todo o resto parece algo relativo, a vida é breve e comecei a jogar fora tudo aquilo que se tornou desnecessário, queria abrir caminho para o que devo seguir, limpeza de fora para dentro.
As pessoas gostam de garantias e de coisas com as quais estão acostumadas, querem o bem de sua alma. O conhecido nos dá uma sensação de proteção. ruim com ele, pior sem ele. Que graça tem trilhar os próprios caminhos?
A vida não gosta de repetições, eu temo não estar pronta, vivia em crise de identidade porque minha função ficou associada ao casamento, ao amor, ao felizes para sempre, mesmo que eu não fosse paciente, mansa e mensageira da paz.

Inserida por Arcise