Isabella Fernanda Dantas: “- Talvez eu não seja a pessoa certa...

“- Talvez eu não seja a pessoa certa para você”, “-Mas talvez eu pudesse te fazer feliz”
Porque a gente se apaixona por aquilo que é novo aos nossos olhos, e sempre nos apaixonamos pelos defeitos alheios. Não procuramos uma pessoa que seja igual a nós, mais sim aquela que complete o que nos falta. Um relacionamento não é feito apenas de beijos, abraços e um desejo de algo a mais ou até mesmo uma noite qualquer em que suas vontades estão a flor da pele e seus instintos aguçados, ele é feito de detalhes simples, um relacionamento é constituído por duas pessoas que além de se amarem são amigas e companheiras! Que compartilham de bons momentos e ruins também! Porque a vida vivida na solidão é muito ruim, é vazia. Seria um equivoco dizer que se pode viver sem “precisar” de alguém, fica algo vago, incompleto, uma pessoa insaciável. Abra-se para o que é desconhecido, porque hoje é tudo muito clichê, não tenha medo se acontecer do príncipe ou a princesa (que todos buscam) não aparecer, e o figurante que estava sempre ali se tornar o ator principal! Vivemos em uma hipocrisia onde todos escondem o que são e nunca sabem se quer o que se tornaram. Liberte-se da prisão que a sociedade impõe, e se um dia você se deparar com alguém tipo eu (que a seu ver não é certa para você ou diferente de ti) permita-me e se permita também de tentar ser feliz porque, nem tudo que é bom nós faz bem, mas nem tudo que seja ruim a nosso ver faz mal para nós!

1 compartilhamento
Inserida por ISABELLAFERNAN