Coleção pessoal de waninharaujo

1 - 20 do total de 260 pensamentos na coleção de waninharaujo

⁠Alma Gêmea

Há que surgir discreto
Sem firulas
Sem algemas

Há que falar a língua dos homens
Das árvores
E dos bichos

Há que romper silêncios
Entoar cânticos
Acalantos

E quando chegar
Será em forma de gente
Sublime criatura

Assim também estarei eu
Gente
Alma pura

Nenhuma censura
Alguma ternura
Total fissura

Há que acalmar o corpo
Lapidar a alma
Voar ...

Waninha Araújo

Os sábios não consideram que não errar é uma bênção. Eles acreditam antes que a grande virtude do homem reside em sua habilidade de corrigir seus erros e continuamente fazer de si próprio um homem novo.

Wang Yang-Ming

Preocupe-se mais com a sua consciência do que com sua reputação. Porque sua consciência é o que você é, e a sua reputação é o que os outros pensam de você. E o que os outros pensam, é problema deles.

John Wooden
16 mil compartilhamentos

"Quando você melhora um pouco a cada dia, coisas grandes começam a ocorrer. Não procure por melhoras rápidas e grandiosas, busque uma pequena melhoria, um dia de cada vez. É o único modo para que aconteça - e quando acontece, dura."

John Wooden
97 compartilhamentos

⁠Hoje um vazio preencheu minh'alma
Uma tristeza tirou minha calma
Pairou no ar um instante
Um zumbido, algo inquietante
Como se no mundo todo, de uma só vez
Em coro, todos numa só voz
Gritassem bem alto
BASTA
Não sei se foi sonho
Mas foi ao mesmo tempo medonho
E infinitamente estranho
O silêncio que se deu depois
Nem uma folha caiu
Nem um sussurro se ouviu
NADA
Pra findar o silêncio absurdo
Como num passe de mágica
Desses de contos de fadas,
Assobiei bem alto
NADA
Repeti o assobio
NADA
No terceiro, veio...
Primeiro uma brisa leve,
Um assopro
Depois um vento
E veio o som
A forma
Fechei os olhos
Pra absorver melhor o aroma
O perfume da flor
E aí, então,
- Brilhando qual raio de sol
Cobrindo de cor qual primavera
Transformando tudo que se deu outrora
Acolhendo quem estava de fora -
O Amor se revelou :
Uma quimera
Colheita para uma nova era!

Waninha Araújo

⁠Eu sei dos seus segredos
Eu possuo seus medos
Sua desconsertância
Eu conheço sua ganância

Devolvi sua sorte
Me fiz mais forte
Delírios desconcertantes
Brilhantes raros diamantes

Queria ser colo fui capricho
Consolo de luxo ou lixo
Ondas de puro assédio
Marolas de ternura e tédio

Desde nunca para jamais
Encantos encontros matinais
Cai noite levanta alvorada
Marasmo não é boa estrada

Voltar a entoar cantigas
Contigo contar histórias
Pernas braços bocas colados
Eternamente enamorados

Basta que à luz da verdade
Se adicione boa vontade
Um punhado de coragem
E muita disposição pra seguir viagem.

Waninha Araújo

⁠Tem alguma coisa coisando minha cabeça
Por mais que pareça
Que o que não se queira, aconteça
É fardo pesado que o dia amanheça
E,sem que o bem (a verdade) prevaleça... Anoiteça.
Não que o que façam me aborreça
Não que o que faço alguém mereça
Mas antes que eu me enfraqueça
E, enquanto houver o que favoreça,
Quero que o mal (a mentira) desapareça...Pereça.

Waninha Araújo
Tags: verdade mentira

"(...)somos como madressilva qnd se enrola à volta do ramo da aveleira: uma vez a ela ligada e presa, ambas podem durar juntas eternamente, mas, se as querem separar, a madessilva morre em pouco tempo e o mesmo sucede à aveleira. Tal é o nosso caso: nem vós sem mim, nem eu sem vós!"

Trecho do livro Tristão e Isolda
11 compartilhamentos

O tempo finge afastar aqueles que depois vai implacavelmente reunir.

Tristão e Isolda
20 compartilhamentos

⁠Ira da mente
Cospe na cara
Dispoe sua tara
Descaradamente

Finge que cala
Grita o silêncio
Geme demente
Descompassadamente

Ira e mente
Mente delira
Livra outra mente
Deliberadamente

Mente a ira
Confessa ironia
Riso escancara
Monstruosamente

Ira semente
Vira somente
Vida doente
Desalmadamente

Mente a rosa
Despe a prosa
Soterra o que sente
Eternamente

Mente infinda
Finda a ira
Fim da mentira
Definitivamente

Isolda L A Tavares

É verdade:amamos a vida,porque estamos acostumados não à vida,mas a amar.

Nietzsche
15 compartilhamentos

Não pelo fato de me teres mentido, mas por não poder
acreditar-te, me perturba profundamente.

Nietzsche

A palavra mais ofensiva e a carta mais grosseira são melhores e mais educadas que o silêncio.

Nietzsche
11 compartilhamentos

⁠Só pensando : hoje é um dia, senão "o dia" em que a tristeza toca mais fundo no meu coração. Faço coisas inusitadas para tentar fugir do cotidiano e pensar só no que me traz alegrias. Conversa prolongada com "azamigas" no wapp pela manhã foi um bálsamo pra minh'alma. Um email pra um amigo japonês mais que especial foi outra coisa. Disse em ambas as conversas que nossas amizades são do tipo que nada separa, que nossas almas se reencarnarão próximas. Já disse isso outra vez, também, em outra ocasião, pra outra pessoa.
Me pego imaginando o sofrimento de uma mãe ao assistir uma monstruosidade contra seu próprio filho. Quantas ainda não passam por isso. Existe uma teoria Cristã, da qual não concordo plenamente, para explicar essa injustiça, crueldade sem limite, imposta a um homem sobre outro homem, em situação de extrema covardia. A covardia, pra mim é o ato eleito para expurgo de um ser da classe de humanos. Tão bem demonstrado pelos horrores cometidos na ditadura. Nem precisa apoiar essa passagem na nossa história; a mim me basta ler a mais breve alusão à volta de dias iguais, pra náusea tomar conta da minha garganta. Impossível compactuar com respectivo modo de pensar.
Voltando à teoria Cristã, não concordo por dois motivos que parecerão breves, mas são frutos de reflexão minha. Um é o de que Deus é nosso Pai, portanto Jesus não é seu "único" filho. Somos todos irmãos, assim foi dito. Outro, me fala que Deus é Amor e não enviou um filho pra sofrer por nós. Acontecimentos horríveis persistem no mundo pós Jesus Cristo. Deus enviou um filho especial pra nos mostrar sobre o Amor Verdadeiro. Ele não foi compreendido na época e ainda não o é, nem pelos "pagãos" e nem por muitos que pregam em Seu nome. Ele nunca quis e continua não querendo que o sofrimento seja nosso ingresso para a eternidade. Ele não aceita nenhum tipo de sofrimento como indulgência. "Nossa cruz" nos é imposta por livre e espontânea incapacidade de nos livrarmos, nós mesmos, de algum peso que resolvemos carregar como autopenitência. Só o Amor em sua essência nos conduz à vida eterna. O Amor do Cristo ressuscitado, perdo-a-dor de toda a humanidade. Amanhã é o dia de comemorar...hoje é pra chorar e corrigir, não para "linchar" Judas.

Bom, esse é um tipo de desabafo, de pensar nunca concluído que compartilho sem mínima pretensão de interferir em pensares alheios.

Bom dia pra quem é de amor.
Bom dia pra quem não é de amor ... ainda!

Waninha Araújo

⁠O teu silêncio não me fere (mais)
Dói em mim o que ele fala
Dói em ti o que tu calas (ainda)
Faca cega que o tempo moldou
Pelo corte das tuas asas

Isolda L. A. Tavares

⁠Ainda que beije outra
Só o gosto da minha
É que sente a língua sua
Mesmo que encoste em outro
Só o calor do meu
É que sente o corpo seu
"Quem um dia irá dizer que não existe razão
Nas coisas feitas pelo coração (LU)"

Waninha Araújo

⁠Sou
Assim
Somos
Ah! sim
Há sões
Ações

Waninha Araújo

⁠"Brincano de rima, rimano
Brincano de prosa, proseano"

Parece que faz mais de ano
Desde aquele último plano
Que parecia um tanto insano
Pr'alguém bem puritano

Ledo engano
Eram coisas simples do quotidiano
Como passar, no chão, o pano
Como tirar o tal copo de cima do piano

Para evitar tanto dano
Convoco meu lado cigano
Vamos cruzar o oceano
Mergulhar em algum mar romano

Ou de dentro de um aeroplano
Ver o misterioso solo Peruano
Não parece um feito humano
Deve ser coisa de marciano

Mas se o gosto é bem brasiliano
Tem praia com sol alagoano
Tem renda, tem frevo pernambucano
Tem axé, afoxé e Pai de Santo baiano.

Não importa o que diga fulano
Nem como pensa sicrano ou beltrano
Pode ser que pareça um tirano
Mas não passa de um bom
samaritano

Tem avesso que é mais bonito que o lado certo do pano
Acontece também com o ser humano
- Plageando o poeta Caetano -
É o engano do engano do engano do engano

Se quer continuar me "esnobano"
Se quer deixar passar mais um ano
Cuida pra não entrar pelo cano
Segue o brilho da luz, teu coração, te "alumiano".

Waninha Araújo

⁠Semeou cuidou
Cresceu brotou
Deu flor e deu fruto
Aqui eterno
Pra Deus um minuto
Morreu
virou semente
Começa tudo novamente
Passado
Futuro
se constroem diariamente
Uma dádiva, esse presente.

Waninha Araújo

⁠Vou virar o ano de calcinha amarela.
Sempre foi assim.
Pura superstição.
Nunca lembro o significado das cores.
É a cor que mais gosto.
É a cor do sol.
Vermelho também.
Cor do fogo.
Azul também.
Cor do céu.
Verde também.
Cor da natureza.
(Anda meio acinzentada)
Roxo também.
Cor de raiva.
Branco também.
Cor da espuminha do mar na areia.
Misturo tudo e viro o ano.
Transparente.
Verdadeira.

Waninha Araújo