Coleção pessoal de EvertonThoughts

1 - 20 do total de 314 pensamentos na coleção de EvertonThoughts

Que desilusão! Um acervo de história, sem preço, que ficará apenas no apreço da História.

Everton Medeiros

o que vem
não vem como eu quero
pois somente quero
aquilo que convém

Everton Medeiros

Sono que mina domina sem dó.

Everton Medeiros

PRISÃO

nasci nesta prisão
e não sei o que há lá fora
há muito, vivo na clausura
com a visão do mundo afora

no cárcere deste tempo
tento a improvável fuga
salvo a ruga, não há saída
com a vida, não há liberdade

hei de morrer nessa prisão
assim como todos, é verdade
como todos que aqui estão

Everton Medeiros

Date
Mate
Rate
Sate
But not hate!

Everton Medeiros

Na escuridão eclodem, a cada segundo, diminutos pontos, que despontam na imaginação.

Everton Medeiros

o tempo avança
nunca a destempo
mas a lambança
segue em contratempo

Everton Medeiros

Uma coisa na qual sou excelente é ser mediano em tudo.

Everton Medeiros

Abra as cortinas da sua vida e deixe a luz iluminá-la.

Everton Medeiros

Chega de prosa e vamos pra poesia, pois a vida é crônica!

Everton Medeiros

Pais nascem e, às vezes, morrem. Alguns morrem antes de nascer, outros depois, e outros, ainda, vivem para sempre.

Everton Medeiros

OUTRORA ESTRELA

quero que a vida siga
e eu com ela
mas adiante e para cima
com brilho nos olhos
estribilhos ao vento
e um sorriso nos lábios

quero a curva ascendente
que suba no tempo
e acenda no espaço
como a outrora estrela
que agora tão velha
ficou supernova

Everton Medeiros

AÇOITE

No encalço da noite
corro sujo e descalço
ou fujo do açoite
ou morro de dia

Everton Medeiros

TOCA FUNDO

uma tocante melodia
tocando em seu pior dia
toca fundo
quando no fundo se entoca
uma falta de harmonia

Everton Medeiros

Se a esquina é uma quina, como ela pode ser esquina?

Everton Medeiros

Ou você está com fuso, ou você é sem hora.

Everton Medeiros

CINZA

o clima cai
em cima do verde
num cinza que não sai

Everton Medeiros

arde a nossa história
em chamas que apagam
um resto de memória

Everton Medeiros

Sentimento se sente, não se descreve. Se fosse para descrever, seria descrevimento.

Everton Medeiros

colheres sepulcradas
na argila do passado
remontam ao desconhecido
embebido por milênios
de águas dirpersas no tempo
pouco se revela
do muito que se vela
à luz da incapacidade humana

Everton Medeiros