Rosangela Ataide

Encontrados 17 pensamentos de Rosangela Ataide

Por entre as flores na primavera,
Entre os vales de outono,
As alegrias de verão.

Guia-me há caminhos de honestidade
Longe das dores e amarguras
Livra-me da solidão.

E por todo o percurso que haja em mim esperança!
Permita que não abale em mim a minha perseverança,
Para que meus sonhos tenham o poder de se transformar
E que eu alcance a realidade!

Não esqueças da minha fidelidade,
Minha caminhada para te louvar,
O meus pecados de nada valem
Pois em ti estará a minha fé.

Rosangela Ataide
3 compartilhamentos

Na verdade olhar para dentro de mim dói. Então olharei para ti... Assim as criticas soaram mais leves!

Rosangela Ataide
2 compartilhamentos

O tempo! Há quem duvide de sua sabedoria? Todos sabemos que nada melhor que o tempo para podermos aprender a viver. Tempo... Mestre da vida!

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Vida Alheia

Todo mundo tem sua vida
...Na poeira, na neblina
Sobre a mesa ou debaixo do tapete.
Abrimos as janelas;
Fechamos as cortinas...
destrinchamos nossas relíquias,
Nossas fraquesas.
Seu rumo... Minha tragetória...
Na sua, na dele, na minha.
Todo mundo tem sua vida.
Cultive seu jardim;
Cuida lá da sua vida...
Eu aqui cuido da minha!

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Alguns Poetrix Apimentados

A Espera!

Senti um cheiro apimentado,
A boca ardia.
Era a espera que sentia...

A Sensação!

Os meus lábios queimavam,
Pelo ar ela emanava
E o meu corpo aquecia...

A Lembrança!

Na memória se espalhava.
Em vermelha fantasia...
Pimenta, picante, malícia.

A Presença!

Sangue que na veia corre
Estimulante e marcante...
Sua presença é essência!

O Envolvimento!

Não é fruto de pecado
...Mas aguça a paixão...
Pimenteira dos amores.

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Primeiras Trovas...

Trova nº 1


Nossas vidas entregamos...

Um ao outro apaixonados

Sei nunca imaginamos...

Estariamos selados!


Trova nº 2


Certamente te conheço...

Empolguei-me com seu ser!

Ainda hoje enlouqueço

De tanto, tanto te querer


Trova nº 3


Solidão abranda a alma

Quietude te fascina

Ergueria sua palma?

Tocaria minha sina?


Trova nº 4


Se queres amor eterno

semeie, adube, cuide

Não esqueça no inverno

Um cuidado amiúde!

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

HAIKAIS PARA BRUNO

*
Céu colorido
Arco-iris... renovo!
Filhinho sorriu

* * *

Sorriso meigo,
Infantil mundo de cor
Cor de ternura!

* * *

Para mim és perfeito,
nasceste para iluminar-me...
Sem você, viver não dá.

* * *

És meu predileto.
Com carinho e ternura,
amo-te com fervor!

* * *

Quando te pari
nasceu a alegria...
Voltei a sorrir.

* * *

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Domingo....

Domingo
do silencio vem dorminhoco
domingo silenciado se vai...

* * *
Flui inteiramente
minha alma de poetisa
internamente fluxo descompensado

* * *

emoções desvairadas,
desgarradas, paixões
onde vai emoção?

* * *

A minha alma esta
aflita, dói o amor
de quem nada quer

* * *

Acorda hoje é domingo
novo presságio de semana
emana coragem levanta da cama

* * *

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Désir Refusé

Do meu coração brota
um suave e intrigante instinto.
As vezes secreto, as vezes tímido,
muitas vezes tão claro e evidente
que me calo, me camuflo...

O que faz o receio ao desacerto?
Temo, nego, não aceito.
Quero e
não posso
me entrego
me desconcerto
...Depois com receio,
esqueço.

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Amigas verdadeiras, amigas irmãs...
Daquelas que cuidam da beleza uma da outra,
que choram uma no colo da outra,
do tipo que come do mesmo prato e no mesmo prato se nescessário...
Somos francas...
Estamos em sintonia.
Umaa amizade real!
Mesmo quando bate a saudade...
Aquela distancia que incomoda.
Mesmo nos momentos de desapontamento.
Real, sincera e inabalável
Nossa força vem acompanhada de uma mão que nos alivia o jugo.
Mesmo nos momentos de rivalidade estamos juntas na alma.
"Ainda estou aqui...
Tua força me sustenta.
Entendas meu afeto e aceite meu carinho.
Não guardes magoas minhas,
seja sempre minha parceira.
Amigas de Maio

Companheira a vida nos aguarda...
Sempre espreita nossas almas.
Tua amizade me ilumina a vida.
Como margaridas na janela...
Quero ver-te feliz, sorridente, cantarolando sua música favorita.
Quero sempre te encontrar, te revelar meus segredos, intimos e profundos.
Quero te servir de apoio quando precisares, de uma Amiga!"

Rosangela Ataide
3 compartilhamentos

Haikais de ébano

Ébano baby...
Despertanto desejos.
Suspiros ao ar!


..........


Da pele negra:
carne, tempero quente
Sabor pimenta.


..........


Negro amante,
deixe-me aquecida,
denso corpo nu.


..........


Ébano forte!
Rubro o corte sangra...
unhas cravadas.

Rosangela Ataide
2 compartilhamentos

Fome

meu amor
a fome
que tenho
é na alma
que segue
calada
refugiada
entre sonhos
quentes
a fome
que tenho
é na pele
descontente
de forma
atraente
firme
devoradora
a fome
que vem
a fome
que vai
a fome que
você não vê
não sente
nem pressente
desprevenido
me deixa
assim
faminta
com fome de ti

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Quando nos provamos...

Quando me provou:
Enlouqueceu e saboreou-me, deliciando-se.
Aquecido entre minhas pernas,
refugiado entre meus seios,
entre toques e delírios,
não pensou em ir embora.
Ao contrário!
Convidaste-me a entrar em sua vida.
Quisera me fazer provar cada detalhe de seu ser.

Quando te provei:
Encantei-me...

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Mares...


Eternas ondas
encontro pelo caminho...
um mergulho só!

* * *

Mar revolto, em
espumas brancas de Paz,
encontra meus pés.

* * *

Vem o mar: total,
Vai o mar com areia...
Fragmentos seu!

* * *

Planeta mares!
distantes lugares vi,
Hemisférios azuis...

* * *
Sente no pier ...
da vida a beira-mar.
Apreciando!

* * *
Voa gaivota
encontra o mar azul.
A Paz contida!

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Indriso nº 2

Por acaso és bicho sem dono,
Abandonado e vazio...
Não lhes deram à madre?


Por acaso vieste ao mundo sem parto...
Surgiu como o vento, e
Do nada fostes parido?


Por acaso buscastes seus laços?


Ou ainda por acaso vieste do silêncio do ocaso?

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

Despertar de Vera - haibun


Velha, descansa a máquina de costura empoeirada no canto do quarto. Enquanto sentada na soleira da porta da cozinha, Vera saboreia seu café matinal, aprecia a fumaça do cigarro desaparecendo suavemente no silêncio do quintal. É o rio a frente, com os peixes a pular de um lado a outro da margem, é os pássaros faceiros acompanhando a correnteza. Já o trabalho deixado para trás, pode ser adiado. Mas o rio passa correndo a frente... Não espera! Vera dá mais um trago, Vera saboreia mais um gole... Na mente um mergulho!


Despertar d'alma,
Encantada vislumbro;
minha mãe sorri.

* * *

Pesquei parati,
no pensamento d'alma...
A isca? Eu!

* * *

No rio: peixes,
garça moura famintos...
alimentam-se!

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide

[ e s p a ç o ]

nestas paredes cômicas
vejo:
tijolos,

tintas e pudores

neste espaço que não resido
permanecem meus resíduos...

papéis que represento
dígitos, tinteiros,
máscaras
- comédia -

a descabida e sem medida

liberdade

Rosangela Ataide
Inserida por rosangelaataide