Rafael Fioratto

1 - 25 do total de 31 pensamentos de Rafael Fioratto

Quem tem medo de água não morre afogado. Morre de sede.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

A ausência fala.
A omissão GRITA.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

"Que o mundo acabe em rabanada pra eu ficar enrolado no açúcar com canela"

Rafael Fioratto

Cansei de ser esquisito. Agora serei só estranho.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

Triste é ter medo de altura e não poder varrer a casa com medo de sair voando.

Rafael Fioratto

Ler é mergulhar em outros mundos

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

O resto do mundo que me perdoe, mas o Brasil é fundamental.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

"A vaidade destrói o que o talento edifica."

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

No país do progresso está faltando ordem.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

No mundo dos incompetentes a incompetência é regra, lei, luxo e precisa ser aplaudida.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

O impossível é muito pouco, agora quero o inacreditável!

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

Se nos moerem, seremos só carne.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

Os antiquados logo se afogam na monotonia.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

A alma que ama não prende. Quem ama quer ver LIVRE e VIVO.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

Se os olhos do seu amigo apagam quando os seus brilham, se afaste.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

No teatro quero beber fel.
Água com açúcar tomo em casa.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

No teatro me interesso pelas vísceras e o que ainda vai se decompor.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

Em suas ausências
Bebo o mar
E esqueço a maré
Que o leva

(Trecho da peça - Sangue e vísceras)

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

A maior crueldade da paixão
É não permitir a fuga

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

Tem uma estrela-do-mar
Até no improvável azul.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

Não quero a metade
Quero todas as partes juntas
Coladas com cuspe
Inteiro, mesmo violado
E insano

Quero agora
Desmontado para
Me reorganizar

(Trecho da peça - Sangue e vísceras)

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

Não adianta inventar asas quando se está apaixonado
Paixão é sempre queda, nunca voo.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

O vírus não sabe que se suicida ao matar o hospedeiro, o homem também não.

Rafael Fioratto

Não coloco cortinas na janela pro sol escorrer pelas paredes e os dias começarem diluídos em amarelos.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto

De vez em quando a vida sacode o chão para ver se você aguenta ficar de pé. De vez em quando ela balança tudo e acaba derrubando muito do que você acreditava ser forte. A gente se agarra onde dá, se equilibra e vai seguindo em frente em meio aos escombros do que um dia pode ter sido nossa verdade. A fé e a esperança vão resistindo. Se ainda tiver pernas a gente anda, se não tiver, vai se arrastando. O que não pode é parar.

Mas também precisamos aprender com as tragédias e saber o momento de recuar. Terremotos as vezes não vêem para nos dar força para reconstruir as estruturas de antes. As vezes é para que se construa algo novo, mais moderno, arrojado, bonito, prático. As vezes é para se construir em outro lugar, é para se mexer e sair fora. Nossos dias não podem ser tristes, não devem nos trazer desânimo ao acordar e desespero ao dormir.

Percebi hoje que o conjunto de nãos e desencontros sucessivos são bilhetes que recebo para tomar coragem e seguir os sonhos. Sonhos são leves como balão de gás hélio. Precisam ser livres para sair por aí ganhando o céu. Do contrário eles murcham, ficam aqui pelo chão mesmo, vai diminuindo, o tempo vai acabando... A vida passa e quando menos se deu conta, não restou mais nenhum sonho para você seguir.

Tem sempre o momento de peneirar e ver o que passa, o que fica e do que fica, o que serve. Há sempre a opção de fazer diferente. De morar em outro lugar, de trabalhar com outra coisa, de estudar algo novo, de se reinventar. Tem sempre a opção de cortar a linha de um balão e seguir seu caminho olhando pro alto... Seguir o sonho pra ver onde ele vai te levar.

Rafael Fioratto
Inserida por rafaelfioratto
1 compartilhamento