Milton Trindade

Encontrados 3 pensamentos de Milton Trindade

sem culpas
Nunca renegarei quem foi...
...Meus dedos obsequiosos...

Eu estava triste, mas li alguns livros...

Eu estava tardio,
Mas li versos de amor.

Nenhum homem pode trair em publico
Nada pode resistir um lamento.

Escrevi uma carta
Revi os amigos
Refiz os meus projetos esquecidos.

Nadei sobre a culpa
Bebi teu leite no azul dos meus sentidos.

Quem voa sabe mais de quem rasteja?

A luz deu sede aos poucos escolhidos.

Vinte e quatro horas por dia
Saem de tudo para abrigarem-se nas sombras.

Saio de tudo para ser ouvido
Por todos os que não fazem mais sentido!...

Milton Trindade
Inserida por tatifera

Longe...
Mais que o silêncio impões distância
Mais que distância pregas sossego
Mais que sossego clamas por fogo
Mais que o fogo só tua indiferença...

Milton Trindade
Inserida por tatifera

Falido!...
Sem potência o falo rumina
Abaixa a cabeça e confessa-se inútil.
A mulher sequiosa lambe-lhe horizontalmente,
Solta suspiros de desdém e súplica, mas nada acontece.
Após a tortuosa tempestade
Os corpos gastos pedem socorro;
Ela parte em direção a um monumento
Ele encolhe-se em concha pedindo solidão!

Milton Trindade
Inserida por tatifera