Mário Lago

Encontrados 17 pensamentos de Mário Lago

Gosto e preciso de ti,
Mas quero logo explicar,
Não gosto porque preciso.
Preciso sim, por gostar.

Fiz um acordo de coexistência pacífica com o tempo:
Nem ele me persegue, nem eu fujo dele, um dia a gente se encontra.

Nós estamos condicionados a pensar que nossas vidas giram em torno apenas de grandes momentos. Todavia, os grandes momentos frequentemente nos pegam desprevenidos, e ficam maravilhosamente guardados em recantos que os outros podem considerar sem importância. E da mesma forma ocorrem outros momentos...

Quando deixarmos de ter esperança
é melhor apagar o arco-íris.

O tempo não comprou passagem de volta. Tenho lembranças e não saudades.

Eu fiz um acordo com o tempo...
Nem ele me persegue, nem eu fujo dele...
Qualquer dia a gente se encontra e,
Dessa forma, vou vivendo
Intensamente cada momento...

Sou como Edith Piaf: "Je ne regrette rien" (não lamento nada).
Fiz o que quis e fiz com paixão. Se a paixão estava errada, paciência.
Não tenho frustrações, porque vivi como em um espetáculo.
Não fiquei vendo a vida passar, sempre acompanhei o desfile.

Fiz o que quis e fiz com paixão. Se a paixão estava errada, paciência.
Não tenho frustrações porque vivi como em um espetáculo.
Não fiquei vendo a vida passar, sempre acompanhei o desfile.

Quando o homem perder a esperança, pode apagar o arco-íris.

O sol pode apagar, o mar perder a voz, mas nunca morre um sonho bom dentro de nós.

Mais de um amor numa vida
É muito fácil de ter
A dor de amor é esquecida
Talvez nem chegue a doer
Mesmo se o fim é tristeza
Vazio no coração
No fim só fica a beleza
De uma bonita paixão
E embora o amor destruído
E o tanto que se sofreu
O tempo não foi perdido
A gente é que se perdeu

Três coisas pra mim no mundo
Valem bem mais do que o resto
Pra defender qualquer delas
Eu mostro o quanto que presto
É o gesto, é o grito, é o passo
É o grito, é o passo, é o gesto

Inserida por pensador

Perdão foi feito pra gente pedir.

Mário Lago

Nota: Trecho da música "Atire a Primeira Pedra".

Devolve

Mandaste as velhas cartas comovidas,
Que na febre do amor te enviei;
Mandaste o que ficou de duas vidas:
O romance, uma dor que provei...
Mandaste tudo, porém,
Falta o melhor que te dei:

Devolve toda a tranquilidade
Toda a felicidade
Que eu te dei e que perdi
Devolve todos os sonhos loucos
Que eu construí aos poucos
E te ofereci
Devolve, eu peço, por favor
Aquele imenso amor
Que nos teus braços esqueci
Devolve, que eu te devolvo ainda
Esta saudade infinda
Que eu tenho de ti

Não tenho orgulho de berço
nem local de nascimento.
Meu céu é onde converso,
meu chão é onde me sento.
Busco, sim, entendimento
em samba, fuzil ou terço.
Pra mim o tempo não acaba
nem a recusa me ofende.
Palavra puxa palavra...
Um dia, a gente se entende.

Por mais que se mude a pele, lobo não vira cordeiro, e muito menos loba se transforma em ovelha.

Fazer um céu com pouco a gente faz.
Basta uma estrela,
uma estrela e nada mais.
Pra ter nas mãos o mundo
basta uma ilusão.
Um grão de areia
é o mundo em nossa mão.