Jean Quintino

1 - 25 do total de 96 pensamentos de Jean Quintino

Mãe!
Mãe dos ventos!
Mãe dos raios!
Minha mãe!
Mãe da Abayomi!
Mãe de todos nós!
Guerreira mulher, mãe.
Quente como um acarajé.
Dona do dendê,
E como herdei esse dendê...
Da minha mãe
Tbm herdei a força de um búfalo
E dos 9, herdei o amor de ser seu filho.
Eparrey Oyá!❤⚡

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Acredito que amizade não à dinheiro que compre, afinal, amizade é fruto de amor!

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Possuo um esmero por ti
És um sentimento tão lindo e puro
És uma grande epifania
És indizível.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Chorar lhe alivia o coração
Lava a alma de tristeza e solidão
Mas o choro da o aval dessa imensa dor
De perder um amor tão bem construído
Tão bem amado,
Apreciado e delicado
Mas no fim foi degradado.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Você é o mel do meu dendê!

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Estava com saudades de escrever essas poesias de meu sofrer, oque faltou foi é sentimento. Mas isso eu deixo para depois, não quero relembrar a dor que já me foi.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

O dia em que eu tiver bem velhinho, o dia em que o som da morte soar para mim, serei grato pois nessa minha vida, vivida, tive uma amiga que só penso em dizer "adeus!" quando nessa terra não puder mais pisar. Te amo!

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Monique, minha mãe amada
Às vezes me assusta sua sinceridade
Melhor seriam mais pessoas assim
Autêntica e verdadeira
Amiga e confidente
Amo-te como à mim mesmo
Gratidão por me dar a luz
E fazer com que eu seja muito orgulhoso
Orgulhoso por ser seu filho
Orgulhoso por você ter me carregado em seu ventre
E por ter me amado sem nem mesmo ter visto o meu rosto
E por ter uma mãe guerreira e forte
Mãe, realmente não existe palavras que explica o amor que sinto por ti.
Te amo!❤️😍

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

As vezes tudo que nós precisamos é de algumas singelas palavras de conforto.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

A escrita é uma das coisas mais especias e incríveis em minha vida, assim faço com que as palavras chorem aquilo que não consigo.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Poesia, és tu minha vida
Faz com que seja leve a minha sina
Perante do que passo dia após dia
Tem tristeza, tem perdas, tem ganhos, tem rizadas com altas gargalhadas, tem choros de soluçar, mas sigo firme a rimar
E com isso sigo enfrente a minha sina
Com a minha poesia.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Alguns me chamam de cioso, mas em mim, sinto-me custódio!

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

És tu Frida Kahlo
Mulher sofredora
Marrenta, amável
Sofreu por amor
Perdeu sua perna
Nunca uma, sempre duas
Sua coluna se partiu, como seu coração
Foi abatida como um veado ferido
Sim, és tu Frida Kahlo!

Uma simples homenagem!

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Em conjunto com o mundo
Gritos agudos
percas sem dó nem piedade
Eu choro o choro de solidão
E rio para disfaçar
Disfarço a solidão
Que me aprisiona
Nessa minha concepção

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Eu creio que para ser poeta é preciso sofrer, quando você sofre, as palavras lhe acolhem. E se você sofre você sente uma dor, e a poesia não é nada mais que sentimento.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Tenho inveja do vento, que corre livre e solto
Que como brisa refresca o calor
Que como vendaval, carrega palavras
Que pode lhe sentir por inteira.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Sinto-me como um palito de dentes no bote de agulhas.
Perturbador!

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

A razão da vida está em outra vida
Devemos ser realistas e entender
Que dependemos uns dos outros para sobreviver.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

És escuro
És frio
És solidão
És medo
És minha mente.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Vida, tu és uma mentira deslavada
Dizem que é bom viver
Mas até agora só vi o contrário.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Ao som do ijexa que Ologunedé alivia minha dor
Me transmite seu encanto, encantador
Locy Locy Olowao eu grito sem pudor
Menino sim... Mas respeitado.
Das matas herdou a força
Dos rios a delicadeza
Eita menino encantado e de muita beleza
Me embala com seu amor
Senhor,
Menino caçador.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Gradativamente sinto-me cada vez mais atraído por ti.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

A sensibilidade se faz presente
sinto-me embalado por essa paixão
que me pegou covardemente, de repente
acendeu-se uma chama em meu peito
se chama amor.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Minha paixão mais uma vez foi uma mera ilusão
sinto-me sem chão
sem amparo
sem esperança, sem você.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino

Uma luz em meu caminho
um anjo sem voar
uma estrela lá do céu
que veio iluminar

Como amo essa criança
assim como João de Barro
amou o seu amor,
eu amo este menino.
Meu menino, meu Heythor.

Jean Quintino
Inserida por Jean_Quintino