Grazyella Dias

1 - 25 do total de 63 pensamentos de Grazyella Dias

''Hoje eu acordei querendo coisas diferente de pessoas diferentes. Sinto-me bem, claro! Mais também sinto uma amargura que nada preenche. Talvez eu esteja leve, e com pesos fracos. Felicidades que cabem em uma caixinha de fosforo, e que eu guardo de lembrança. Hoje eu quero algo que mude meu sorriso, algo que me faça pensar diferente, mais pensando bem... Mudar é a lei da vida, mudando ou não estarei bem, pois sempre tem uma felicidade de sobra em uma das caixinhas de fosforo que possuo.''

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

''Não sei bem ao certo pra onde correr quando meu coração necessitar de amor, esse mundo vazio não tem amor. Ando-me só, caminho-me só, busco-me só, alias isso das pessoas de necessitarem de outra para ser feliz não passa-se de medo, é rapaz, medo. As pessoas sentem medo de viver sozinhas, mais eu não. Estou bem aqui parada, pensando... Sou bem feliz assim, solitária, pelo o menos não me machuco.''

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

''É difícil entender como as coisas são tão estranhas, um dia desses eu estava comendo salsichas no meu quarto, quando der repente minha mãe bate a porta:
- Filha! Filha, precisamos conversar!
Eu me assustei claro, no momento especial como esse, lavem ela me interromper, e com uma historia mole, maior papo furado. Com os olhos brilhantes, perguntou:
- Você já amou alguém? Li um de seus livros um dia desses e não sei... Você diz sofrer tanto. Mais você nunca teve um namorado, me explica?
Eu dei um sorizinho sem graça, olhei pra minha mãe com cara de quem não quer conversa, e disse:
-Mãe! Só porque eu nunca namorei, não significa que nunca amei, amei, e muito! Mais o problema esta exatamente aí, o fato de eu ter amado de mais, fez com que nenhum dos carinhas o qual eu me apaixonei gostassem de mim.
Então naquele momento minha mãe me olhou tão vigoras, com uma cara de pena, eu só sorri e falei pra ela:
- Sossega mãe, sossega o tem pra ser sera!''

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

''Você não sossega esse seu coração bobo, acha que só por que me quer agora, vai me ter a qualquer custa. Pobre coitado, não entendeu que eu não sou o tipo ''moderninha''? que facilita tudo... E essas coisas de garotas fáceis, não sou um labirinto, mais também não sou um jogo fácil. Se quer conquistar mesmo não desiste, mais se desistir pouco me importo. Só desejo estar bem, essas coisas são só pleminiares.''

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

''Não sou certinha,nunca fui. Eu não gosto de pessoas fracas, e também não gosto de que me façam ser fraca, nunca sou fraca. Se eu luto, sim! Eu conquisto, não tem isso de amanha, depois, mais tarde é agora! O tempo não para pra que eu vá deixar meus desejos pra depois. Já amei, já me magoei, já confiei, tem vezes que penso que isso meu de ser tão friazinha, tão má com meus próprios sentimentos, tem uma culpa enorme do tempo e da dor que já se instalou em mim. Já sofri de mais, pudera sempre fui de ser facinha, de gostar rapidinho, mais hoje eu não sinto calafrios, não sinto mais aquela coisa quente, por um lado é bom... eu não sofro mais! Só que por outro, meu corpo pede cada vez mais para amar. A minha cabeça diz: Ame! Meu coração diz: Sai fora! Queria atender a cabeça, mais nada entra se o coração não permitir.''

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Um dia desses me fizeram uma pergunta, a qual nem eu subi responder, perguntaram-me o que eu sentia quando escrevia, tentei pensar em varias coisas mais nada veio a cabeça. Aí rapidamente recordei-me de uma cena, parecia cena de um filme, era uma garotinha estridente, com um caderno verde escrevendo sobre seu namoradinho de escola olhe lá... Eu me via escrevendo, sorrindo, com o coração na ponta do lapis. Escrever poesia não é só fazer versos bonitos, coisas que façam sentido, escrever poesia é falar do seus sentimentos, é falar o que sente o que vê o que imagina. Deixa o sentimento desse texto estrar dentro de você, feche os olhos e imagine tudo aquilo que você queria que acontecesse, não se esqueça: Sonhar faz parte dos desejos!"

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

''Vai... Me defina! - Você? é cara, eu. - Ai vai, tá. Você é linda, tem o sorriso verdadeiro, uma voz rouca, um coração que tanto bate, quanto se machuca, não sei te definir... Você hoje gosta disso, amanhã daquilo, sempre em constante mudança, não se decide. Se tá gorda tá magra, se tá magra ta gorda. Essas suas confusões, esses seus vícios, esses seus costumes, esses seus rumos, essas suas decisões. Me fala o por que do seu beijo! Que que tem meu beijo? Tudo! Você é a mulher que todo homem quer ter, você se vinga, você é forte. Mais tem defeitos, -quais? -Você é fria de mais, você gosta pouco de mais, você pensa rápido de mais, você magoa as pessoas de mais. -A cara, o tempo, os amores, as mentiras... Essas coisas, fizeram com que toda minha doçura, e a parte de mim que era bobinha, sumisse, evacuasse, e depois eu sou fria"

Conversa com o joãozinho - 2009/2010

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"O que você acha que sabe? Você não sabe nada. Sou confortávelzinha, mais não posso te dar tudo que quer, ah quer saber? Dane-se você e seu quartinho arrumadinho, suas roupas separadas por cores, deixa eu aqui. Louca, absurda, desorganizada e louca querido, muito louca.''

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Tô fazendo necessariamente o que eu quero, e tudo que eu quero é contra as regras, tudo que eu desejo é contra as regras. Mais não me preocupo com o certo, faço o errado cara e quer saber? Me sinto tão bem assim.''

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Duro mesmo é você olhar pra trás e ver seus erros espalhados, ver que mesmo não querendo você magoou varias pessoas. Então você deita a cabeça no travesseiro e dorme, não dorme de consciência limpa mais dorme. E no seu sonho você tá num lugar bem bonito e doce, onde todos os seus desejos podem se realizar. Aí você para pra você mesmo e diz: 'Não importa o que eu fiz, faço o tenha deixado de fazer, o que importa de verdade é que dentro de mim bate um coraçãozinho, machucado quase parando, mais bate."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Eu estava parada, tonta e drogada. Quando ele olhou bem dentro dos meus olhos pegou minhas mãos e disse: "Você acha mesmo que isso é bom pra você?" Eu não sabia do que ele perguntava, não sabia se ele tava perguntando se a droga era bom pra mim (o que me fazia um bem danado, não troco o fumo por nada)ou se ele ali naquele momento era bom pra mim. Se lembro-me bem só dei uma resposta, sem nenhumas perguntas nem mais nem menos. Eu disse: "Não é que seja bom pra mim, é que é bom pro meu corpo me faz bem o coração vai a mil" Acho que isso responde as duas perguntas."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"O-Amor-Perfeito. Não sei, não senti, não encontrei ainda. Sou uma verdadezinha que se sente só quando vê um casalzinho de mãos dadas. E começa a pensar: Eles certamente estavam grudadinhos a algumas horas antes, talvez tivesse flores ou bombom e ele a pegasse pelos cabelos a beijasse e a dissesse um eu te amo, apertasse sua cintura e falasse bem pertinho do ouvido dela "Você é só minha" Aí ela completamente louca o puxaria pelos braços apertaria seus músculos e se faria de forte (mulher sempre tem esse charminho)aí ele pediria, insistiria para que ela falasse que ele era dela e ela o faria, então ele gritaria com uma voz de felicidade "SOU O HOMEM MAIS FELIZ DO MUNDO" Aí o coração dela batia seus cabelos ficariam esvoaçados e ele a puxaria, aí ela o apertaria e passaria de leve suas unhas pela costas dele. Então ela o chamaria e ele iria, e de mãos dadas sairiam pelas ruas até a lanchonete mais próxima tomariam sorvete e ele a levaria até sua casa ficaria lá por algumas horas, e esperaria seu pai a chamar. Mais aí, antes disso ele a puxaria pra parede e a beijava, ela o apertava com força e diria "eu te amo" ele a levantaria em seus braços fortes e pensaria em seus futuros filhos, ela olharia bem no fundo dos olhos dele e imaginaria a casa deles. Um apartamentinho confortável com a decoração perfeita, ele chegaria do trabalho e abraçaria ela, ela o beijaria e diria ser a mulher mais feliz do mundo, teriam filhos. Três. Maria, João e Ana. Eles sairiam com os filhos nos domingos pra um parque e se beijariam, e no dia dia a rotina seria a mesma. Então eles se cansariam, mais não desistiriam pois se amavam de mais. Então eles mudariam e dissidiriam ter outro filho e dessa vez colocariam um nome diferente: Pablo, então se amariam e sairiam com seus filhos todos os dias, ele: tinha um bom trabalho, ela: Dona de grandes lojas de sucesso. Então receberiam visitas, seus pais. Abririam a porta e lembrariam, sentiriam saudades e os abraçariam e os agradeceriam e pra sempre seriam felizes. E eu? Eu apenas imaginaria isso dessa forma, mesmo sabendo que assim não seria. Ela podia até se separar dele amanhã, e ele podia esquecer dela depois de dar o ultimo beijo. Mais o que importa é que seria uma linda historia de amor, e permaneceria."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias
1 compartilhamento

"Desculpa. Eu te magoei, não fui o melhor pra você. Mais eu sempre fui quem eu sou, nunca fingi. Talvez um pouco frívola, nunca fui romântica, e muito menos de demonstrar muito amor. Mais você se engana se pensa que nunca o amei, amei e amo. Até hoje lembro-me de todos os dias que passava-mos juntos, você se dava bem com minha familia, e eu com a sua. Mais tudo isso ficou para traz, podia-mos ser, malucos, bobos e completamente apaixonados. Mais não, escolhemos ser: ”separados, impedidos, e amassados. Escondendo um do outro o seu verdadeiro desejo, é, nós dois, eu e você, nós nos desejamos a cada dia mais”

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"O amor, não escolhe dono, o cara e muito menos hora. O amor não vai te puchar na meia noite, para ir a um lugar que abra seu coração. Ele apenas vai fazer você se sentir, inteira. O amor não vai te cobrir de beijos, nem de presentes, ele apenas vai te dar atenção, seu amor, não é algo pra jogar fora, esquecer, fingir que não é de verdade. Seu amor é pra você cuidar, dá atenção, amar."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"E doi, machuca, chega a latejar os labios. Eu não sei mais o que significa isso, parece uma mistura de: frio, calor, sono, dor… E por mais que me faça falta, eu vou embora. Por que eu já cansei de sempre que sentir saudades, eu ser a unica a dar o braço a torcer. isso mesmo."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Existiam duas partes dela. Uma era a menina que ia bem na escola, era educada, organizada e responsável. A outra, bem… Ela era realmente o contrario. Ela era bagunceira e nem queria saber de escola, tinha roupas e comida espalhadas pelo quarto e só queria saber de dormir o dia inteiro e sair para dançar até cair a noite. Elas viviam dentro de uma menina só. Elas viviam em discórdia dentro de uma menina só. E elas eram o que faziam aquela menina tão especial."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Ela era completamente apaixonada por ele, ele era atraido por ela. Ela queria ele só pra ela, ele queria ela como só mais uma. Ela o amava a cada dia mais, ele enjoava dela cada vez mais. Ela estava o amando, ele estava a usando."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Cansei de todo dia ter que ver as pessoas me julgando, elas falam tanto mais ninguém se preocupa em saber por o que eu passei, as coisas que enfrentei até que eu chegasse aqui, a vida baby, ela não te dá nada de graça você sempre paga um preço caro, e muitas vezes você não cometeu nada e mesmo assim tem que enfrentar as coisas de um modo verdadeiro, e depois de tanta luta, tanta coisa você definitivamente deve secar."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"É tão lindo ver a vida por esse anglo, é tão lindo imaginar que o que for será. É tão lindo te olhar e ver que dentro dos seus olhos tem um brilho, eu não sou muito de acreditar nisso, mas quando eu acredito, eu acredito. Também não sou muito de confiar, mas quando eu confio, eu confio. Passei a ver as coisas de um modo mais doce, passei a entender as coisas de uma maneira mais leve, não estou mais preocupada com o amanhã, pois de você pensar o amanhã não há, é o hoje."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Não fique ai parado imaginando como tudo poderia ser, se fosse do seu jeito. Imagine como tudo pode ser do jeito que for, o importante é ser. Não vale a pena deixar de viver só por que não tem o que quer, pelo o menos lute, é isso lute."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Ontem lembrei, por mais que tenha sido uma recordação rápida, eu lembrei. Lembrei de como você era bobo quando eu te chamava de meu, lembrei que todos os dias você me falava o eterno clichê ”isso é pra sempre”, lembrei que da sua boca só sai meu nome, lembrei da primeira vez que você me beijou, lembrei do primeiro olhar. E foram tantas lembranças, lembranças que se parecem mais com um desejo abusivo de querer ter aquilo que já se foi, agente tem que parar com essa mania de querer tudo seja eterno, agente tem que parar com isso de achar que não se acaba. Depois de tantas lembranças, a unica coisa que não lembrei foi de um simples ”eu te amo” meu, e isso é meio errado, por que depois de tantas declarações de amor suas, eu nunca senti meu coração pulsante. Talvez não fosse amor, fosse só uma futilidade, pra mim isso não passou de brincadeira, eu não brinquei com você, mas você tentou brincar comigo."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Garota você esta acostumada a não acreditar no que é de verdade."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Eu sei que dá sim para ser feliz sem bens materiais, só preciso do meu caráter."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias

"Eu aprendi que não preciso que me achem bonita para que eu seja legal, eu apenas devo mostrar quem realmente sou, e as pessoas que verdadeiramente merecem descobrir meu interior, permaneceram impressionadas com meu verdadeiro eu. Eu aprendi que não dá pra fingir ser o que nunca fui, por que no fim eu sempre mostro a minha verdadeira face. Eu aprendi que posso quebrar meu coração mil vezes, que depois sempre aparecerá alguém para concerta-lo, e por isso vou agradecer a pessoa que o quebrou. Eu aprendi a valorizar mais o coração, do que a cor. Eu aprendi a procurar as pessoas pela alma e não pelo dinheiro. Eu aprendi a amar de uma forma a qual eu não sofra tão lentamente de modo qual arranque meu coração aos poucos, e isso me faz viva. Eu aprendi que existem sim, pessoas de verdade e que nem todo mundo é de mentira, mas tem sempre hipócritas me perseguindo, basta ficar esperta. Eu aprendi que a verdadeira amizade, não é medida pelas coisas feitas, ou pelas bençãos concedidas, e sim pela solidariedade, carinho e afeto. Eu aprendi que não adianta ter só dinheiro é preciso de caráter. Eu aprendi que por mais que me sinta sem forças deus vai me manter forte, mesmo que eu não enxergue isso, ele não me daria um peso sem que eu pudesse carrega-lo, ele não é injusto. Eu aprendi que a cada decepção amorosa, eu dou um passo a mais até o verdadeiro amor. Eu aprendi que não há pessoas que eu possa confiar mais do que minha familia. Eu aprendi que por mais que eu esteja sangrando por dentro, não devo demonstrar isso para todos, eu apenas devo responder com um sorriso, e ficar bem. Eu aprendi que a cada tombo, cada beliscão, cada arranhão é mais uma etapa, é mais um aprendizado, e hoje não tenho medo de mais nada. De tudo que já vivi a unica coisa que mais me atormenta, é o próprio medo, ele esvanece o frio que dá na barriga. Eu aprendi que o medo, o próprio medo é um tipo de alienação, que fica rodeando sua mente, e não te deixando viver, é eu aprendi que não basta ter fé, é preciso ter pensamento forte, e não ter medo do que pode machucar, colocar a vida em risco é um tormento aleatório, não tenho medo de buscar o que eu quero, aprendi com o próprio medo, que eu posso controla-lo e jogar ele da escada, ou mata-lo de vez."

Grazyella Dias
Inserida por grazydias
1 compartilhamento

"SOU CIUMENTA MESMO E FODA-SE."

Grazyella Dias