Charles Baudelaire

76 - 100 do total de 102 pensamentos de Charles Baudelaire

A QUE ESTÁ SEMPRE ALEGRE

Teu ar, teu gesto, tua fronte
São belos qual bela paisagem;
O riso brinca em tua imagem
Qual vento fresco no horizonte.

A mágoa que te roça os passos
Sucumbe à tua mocidade,
À tua flama, à claridade
Dos teus ombros e dos teus braços.

As fulgurantes, vivas cores
De tua vestes indiscretas
Lançam no espírito dos poetas
A imagem de um balé de flores.

Tais vestes loucas são o emblema
De teu espírito travesso;
Ó louca por quem enlouqueço,
Te odeio e te amo, eis meu dilema!

Certa vez, num belo jardim,
Ao arrastar minha atonia,
Senti, como cruel ironia,
O sol erguer-se contra mim;

E humilhado pela beleza
Da primavera ébria de cor,
Ali castiguei numa flor
A insolência da Natureza.

Assim eu quisera uma noite,
Quando a hora da volúpia soa,
Às frondes de tua pessoa
Subir, tendo à mão um açoite,

Punir-te a carne embevecida,
Magoar o teu peito perdoado
E abrir em teu flanco assustado
Uma larga e funda ferida,

E, como êxtase supremo,
Por entre esses lábios frementes,
Mais deslumbrantes, mais ridentes,
Infundir-te, irmã, meu veneno!

Charles Baudelaire
2 compartilhamentos

O amor é um crime que não se pode realizar sem um cúmplice.

Charles Baudelaire

Uma vez, perguntou-se, em minha presença, em que consistia o maior prazer do amor. Alguém naturalmente respondeu: "em receber". E um outro: "em dar-se". Um outro ainda: "prazer de orgulho". E mais outro: "volúpia de humildade". Houve, por fim, um descarado utopista que afirmou que o maior prazer do amor era o de formar cidadãos para a pátria.
Quanto a mim, digo: a volúpia única e suprema do amor está na certeza de fazer o mal. E o homem e a mulher sabem, desde o nascimento, que no mal se encontra toda a volúpia.

Charles Baudelaire

A única obra demorada é aquela que não nos atrevemos a começar.

Charles Baudelaire

'Homem livre, tu sempre amarás o mar!
O mar é teu espelho,
tu contemplas tua alma...'

Charles Baudelaire
13 compartilhamentos

O truque mais esperto do Diabo é convencer-nos de que ele não existe.

Charles Baudelaire
23 compartilhamentos

O crepúsculo é a brecha entre os mundos.

Charles Baudelaire

Seja sempre poeta, mesmo em prosa.

Charles Baudelaire
Inserida por pensador

O gênio não é mais do que a infância recuperada por vontade própria.

Charles Baudelaire

[Moderna] “é a pessoa que faz de sua vida uma verdadeira obra de arte. Aquela que inventa a si mesma, que faz de sua vida algo singular”.

Charles Baudelaire

A que está sempre Alegre.

Charles Baudelaire
Inserida por cerissantos

"O mais belo estratagema do Diabo é nos persuadir de que ele não existe."

Charles Baudelaire

Correspondências

A Natureza é um templo onde vivos pilares
Deixam sair às vezes palavras confusas:
Por florestas de símbolos, lá o homem cruza
Observado por olhos ali familiares.
Tal longos ecos longe lá se confundem
Dentro de tenebrosa e profunda unidade
Imensa como a noite e como a claridade,
Os perfumes, as cores e os sons se transfundem.
Perfumes de frescor tal a carne de infantes,
Doces como o oboé, verdes igual ao prado,
– Mais outros, corrompidos, ricos, triunfantes,
Possuindo a expansão de algo inacabado,
Tal como o âmbar, almíscar, benjoim e incenso,
Que cantam o enlevar dos sentidos e o senso.

Charles Baudelaire
Inserida por AdrianoDornelas

Porque é que o espetáculo do mar é tão infinitamente e tão eternamente agradável? Porque o mar oferece ao mesmo tempo a ideia de imensidade e do movimento. Seis ou sete léguas representam para o homem o raio do infinito. Eis um infinito diminutivo. Que importa se chega para sugerir a ideia do infinito total? Doze ou catorze léguas de líquido em movimento bastam para dar a mais elevada ideia de beleza que oferecida seja ao homem no seu habitáculo transitório?

Charles Baudelaire

⁠"O gosto da concentração produtiva deve subsistir, num homem maduro, o gosto do desgaste"

Charles Baudelaire
Inserida por dia_marti

⁠"O amor pode derivar de um sentimento generoso (...) mas depressa é corrompido pelo gosto da propriedade"

Charles Baudelaire

⁠"A propósito do sono, aventura sinistra de todas as noites, pode dizer-se que os homens adormecem diariamente com uma audácia que seria ininteligível se não soubéssemos que é o resultado da ignorância do perigo"

Charles Baudelaire
Inserida por dia_marti

⁠Não há forma de governo racional e seguro, exceto uma aristocracia. Uma monarquia ou uma república baseada na democracia são igualmente absurdas e fracas.

Charles Baudelaire
Inserida por S-Rock

⁠"O mundo vai acabar. A única razão pela qual ele poderia durar, é que existe, como esta razão é fraca, comparada com todas aquelas que anunciam o contrário, particularmente com esta: Que tem o mundo doravante a fazer abaixo do céu? - Porque, supondo que continuasse a existir materialmente, seria uma existência digna deste nome e do dicionário histórico?"

Charles Baudelaire
Inserida por dia_marti

⁠"Perdido neste vil mundo, acotovelado pelas multidões, sou como um homem cansado cujo olhar não vê para trás, nos anos profundos, senão desilusão e amargura, e, à sua frente senão uma tempestade em que nada de novo se contém, nem ensinamento nem dor" 

Charles Baudelaire

Os gatos

Os amantes febris e os sábios solitários
Amam de modo igual, na idade da razão,
Os doces e orgulhosos gatos da mansão,
Que como eles têm frio e cismam sedentários.

Amigos da volúpia e devotos da ciência,
Buscam eles o horror da treva e dos mistérios;
Tomara-os Érebo por seus corcéis funéreos,
Se a submissão pudera opor-lhes à insolência.

Sonhando eles assumem a nobre atitude
Da esfinge que no além se funde à infinitude,
Como ao sabor de um sonho que jamais termina; 

Os rins em mágicas fagulhas se distendem,
E partículas de ouro, como areia fina,
Suas graves pupilas vagamente acendem.

Charles Baudelaire
Inserida por MimiKerber

⁠"O homem ama tanto o homem que, quando foge da cidade, ainda é para procurar a multidão, isto é, para refazer a cidade no campo"

Charles Baudelaire
Inserida por dia_marti

⁠"Nada existe sem objectivo. Portanto a minha existência tem um objectivo. Que objectivo? Ignoro-o. Não fui pois, eu quem o fixou"

Charles Baudelaire
Inserida por dia_marti

⁠"Não tenho convicções, como o entendem as pessoas do meu século, porque não tenho ambição. Não há em mim base para uma convicção. Há uma certa cobardia ou, antes, uma certa moleza na gente honesta. Porque venceria eu, pois nem sequer sinto vontade de experimentar? (...) Todavia, tenho algumas convicções, num sentido mais elevado, e que não pode ser compreendido pelas pessoas do meu tempo"

Charles Baudelaire
Inserida por dia_marti

⁠"Há coisas que deveriam excitar a curiosidade dos homens no mais alto grau, e que, a avaliar pelo seu modo de vida normal, não lhes inspiram nenhuma.
Onde estão os nossos amigos mortos?
Porque estamos nós aqui?
Viemos de alguma parte?
O que é a liberdade?
O número de almas é finito ou infinito?"

Charles Baudelaire
Inserida por dia_marti