Atitudes Maduras

Cerca de 275 frases e pensamentos: Atitudes Maduras

"Hoje mais madura consigo ver tudo que se foi, tudo que já vivi...
Olho para meu reflexo no espelho e vejo quem sou hoje...
Grandes desafios vitorias derrotas e crescimento e mudanças...
Mulher madura, mulher Loba, simplesmente mulher"...

Eliana Angel Wolf
Inserida por ElianaAngelWolf

Seu sorriso provoca em
mim loucuras...

Seu olhar desperta
mil desejos...

Sou uma Loba madura
felina selvagem...

Me faça Sua, Sua Loba Mulher...

Eliana Angel Wolf
Inserida por ElianaAngelWolf

"Hoje estou mais madura, compreendo melhor o amor...
Amor muitas vezes também é lagrimas, dificuldades,
dores, mais amar é ser capaz de superar tudo isso
juntos, quando um cair o outro esta ali para estender
a mão, para apoiar, cuidar, proteger, somente desta
forma você vai chegar ao êxtase pleno de Amar
e ser plenamente amado".

Eliana Angel Wolf
Inserida por ElianaAngelWolf

Qual o segredo da Juventude? Qual o segredo de tamanha beleza? És elegante quando quer, madura como uma flor, delicada como uma Rosa, mais apesar de tantas qualidades escolheu ser jovem eternamente, como uma criança que se diverte com as danças da vida girando o mundo com o seu calor e alegria...

Yanic
Inserida por Yanic

Tentando ser madura: são tentativas de barrar meus devaneios, minhas loucuras...
sempre fui vulcão, explosão...sempre me despi, escancarei coração.
Tentando !.

Leônia Teixeira
Inserida por LeoniaTeixeira

Aos vinte madura; aos trinta moleca , aos quarenta garota, aos cinquenta; adolescente !

Leônia Teixeira
Inserida por LeoniaTeixeira

Palavras maduras, muitas vezes, causam dor, mas sempre promovem maturidade e entendimento.

Bruno Cidadão
Inserida por brunocidadao

Enquanto há adultos imaturos
Querendo ser criança
Há crianças totalmente maduras
Cuja sociedade
Roubou-lhe sua infância

Adalberto Bernardes
Inserida por Adalbernardes

El Madurar es necesario, pero para ello, no necesitas dejar de ser feliz...

Anônimo
Inserida por Marylenis

maturIDADE
Na natureza, a fruta madura revela o ponto certo do doce sabor e tenrura;
Na fase do ciclo vital de um lago registra o equilíbrio entre o recebimento e a perda de suas águas.
Quando a juventude mostra o viço da cútis, acredita-se ser a melhor fase da vida.
Tudo é novidade e mais colorido. O vigor reluz nos olhos prontos a descobrir o que o mundo
está a oferecer e o que de bom pode-se desfrutar. O medo não faz recuar, segue-se em frente
sem nada temer, tudo pode-se enfrentar.
Crê-se que não se deva rejeitar nada que se apresente, porque quando o tempo passa a graça da vida o acompanha.
O tempo passa e tal pensamento, também. A mocidade se vai, a maturidade se ganha.
Não é presente fabuloso, é real e definitivo, não tem como se devolver.
A maturidade é momento em que se ganha e se perde.
Ganha-se em experiências, em conhecimento, até um pouquinho de sabedoria.
Conquista-se alguns sonhos, realiza-se o que há tanto se queria.
Mas, com os ganhos vem as perdas...
da pele viçosa, daquela energia, das pessoas queridas.
Isso dói, esperava-se que isso não estivesse no script.
Feliz daquele que consegue sentir o perfume do que perdeu.
Ficam as lembranças, doces recordações, eterna saudade,
que em determinada idade haverá de ser suprida.
Pois, haverá o reencontro com os que já partiram e restará
saudade aos que ficarem.
Maturidade é sinal de aprimoramento; no figurativo, de prudência, firmeza e perfeição.
É claro que o perfeito não se alcança, mas em muitos dos defeitos há correção.
A tonicidade dá lugar às marcas da vivência e o que o espelho revela é muito mais
que simples sinais do tempo. É vida de quem amou, que foi amado, que caiu e levantou, não foi respeitado,
talvez não se fez respeitar.
Mas, o que conta é esse tempo de decepções e vitórias e que ao se equacionar sai-se no lucro, porque
cada ruga, cada lágrima de tristeza ou alegria torna mais rico quem se dispõe a enfrentar a vida de forma
mais prudente.
Fragrâncias, aromas, perfume de vida. Vida que se tempera e cabe a cada um , o sal corrigir.

Licia Azeredo
Inserida por Liciaazeredo
1 compartilhamento

Me visto, me troco ,
me procuro...
tudo rola de uma vez:
uma vez madura
uma vez lúcida
uma vez mulher
Pensamentos giram,
bagunçam minha mente
atrapalham meus sentidos.
De mim não sei mais nada:.
onde estou, com quem vou, pra onde ?
É tudo louco demais !

Leônia Teixeira
Inserida por LeoniaTeixeira

No cálice de meu ventre lhe sirvo o mais nobre e doce vinho de mosto de uva sã, fresca e madura à tremular seus sentidos!

A.Kayra
Inserida por AKayra

Sim, hoje estou mais madura que ontem.

Não porque vivi mais um dia, mas porque pensei melhor sobre tudo o que vivi.

Não porque sofri bastante e chorei, mas porque percebi no sofrimento alheio o que não quero pra mim.

Não porque fingi que sou sempre a vítima, mas porque sou capaz de olhar pra dentro de minhas piores vontades e encarar o que sou.

Não porque contei tudo a alguém, mas porque conto mais comigo mesma.

Não porque chorei ao ver o amor ir embora, mas porque fui capaz de tirar a máscara do cinismo e esparramar meus medos antes que ele se fosse.

Não porque tenho um monte de amigos, mas porque os quase nenhum que tenho são mais que especiais.

Não porque criei uma versão de superação que nunca serei, mas porque me esforço para superar cada novo dia de um jeito melhor..

Hoje estou mais madura e, extremamente, seletiva em todos os sentidos...
Decepções e alegrias sempre me acompanharam...
Amores e amigos, tornaram-se “atuais” e “ex”...
Fiz e fizeram muitas coisas erradas...
Menti e mentiram pra mim...
Sofri e fiz sofrer...
Ri muito e chorei bastante...
Amei e fui amada...
Pensei que amava e pensaram que me amavam...
Pessoas que pensei que me ajudariam, me chutaram...
Outras que achei que me chutariam, me carregaram no cólo...
No final de tudo aprendi que perfeito só Deus, mesmo...
E que de nada adianta exigir e ser exigido...
Devemos aprender primeiro e ensinar depois...
Algumas vezes não temos paciência para ensinar...
E nem tão pouco para aprender...
Por não termos essa paciência, acabamos deixando de aprender coisas importantes...
E deixamos de ensinar coisas essenciais...
Muitos de nós querem ensinar, mas sem ter aprendido...
Outros acham que não precisam aprender, por acreditarem que já sabem...
Hoje sei que já aprendi bastante, continuo e quero continuar aprendendo, porém creio que não saiba ensinar...
Ou não saibam aprender...
Por isso, decidi apenas aprender, aprender e aprender...
Ensinar ? Quem sabe um dia...
Quando encontrar alguém que queira trocar experiências...
E não alguém que pensa que já sabe tudo.

Desconhecido
Inserida por simonemonteiro
1 compartilhamento

"Garota dengosa, cheirosa e viciante.
Amo-te, criança madura que encanta meus olhos. Amo-te mulher, que me ensina todos os dias como viver a vida feliz"
- John.

John Armstrong
Inserida por JohnEscritor

►Rodrigo & Renata

Aquele casal era uma figura
De certo modo a relação deles não era madura
Rodrigo frequentemente era visto usando uma bermuda
Já Renata em casa adorava blusas que iam até abaixo da cintura
Imaginem-os em suas festas de formatura
Para ser sincero, não faziam "travessura", faziam bagunça
Mas a história dos dois é antiga, se conheceram na cantina
Rodrigo era o aluno mediano, mas já repetiu de ano
Renata era um aluna correta, sempre ficava acima da média
Se conheceram no ensino médio, estudavam no mesmo prédio
Dizia Rodrigo que a escola era um tédio
Já ela chegava cedo para se estudar onde não seria atormentada, no banheiro
Por algum motivo nunca revelado, ela gostava de um garoto encrenqueiro
Dizia para suas amigas que perto dele ficava "sem jeito"
Eis que uma de suas colegas formou o "plano perfeito"
Fariam uma pequena festa na casa de Renata no dia do feriado
E então, um dia antes iria convidá-lo
Pois então estava tudo preparado e ensaiado
Entretanto, no feriado algo deu errado.

Rodrigo jogava bola atrás da casa do tal garoto
O placar do jogo estava seis a oito
E o garoto se lembrou da tal festa, e saiu às pressas
Disse que iria se arrumar, e que outra hora com Rodrigo iria jogar
Porém, a mãe do garoto o proibiu de sair, disse que precisava estudar
Se não, no final do ano iria reprovar
Depois de uma leve discussão, ele pediu Rodrigo para avisar
"Fala pra Renata que não vai dar"
Então ele foi lá na casa dela para notificar
Foi neste dia que a vida dos dois iria mudar.

A campainha da casa de Renata foi tocada
E pelas colegas de escola ela foi chamada
Ao abrir a porta, não era a pessoa esperada
Diz ela que, naquela hora ela ficou chateada
Mas afinal, Rodrigo só estava lá para avisá-la
Não foi "amor a primeira vista", pois eram colegas
Porém, não houveram indiretas
A conversa que surgiu lá na porta de forma tão discreta
Fez com que eles se conhecessem de verdade
A conversa deles se encaminhou até a sala de jantar
Esqueci de comentar, Renata tinha um irmão de cinco anos de idade
Penso agora que, talvez Rodrigo a conquistou pela simplicidade
Ele brincava de esconde-esconde com os meninos da vila
Comentou o dia que quebrou a janela de dona Ludimila
O limite da brincadeira era na esquina da casa da dona Cristina
Aquilo sim era aproveitar a infância, ele sentia a vida
Mas vamos continuar com a história que estou a contar
Os dois, pelas frequentes conversas depois da festa, começaram a se apaixonar
Um ano depois, aquele anel prateado ele a presenteou
E claro que ela aceitou, dizem até que ela chorou
Com o passar do tempo, com aquele momento ela sonhou.

Como sempre, o início do namoro é lindo
Todos que assistiam, diziam que eram o "casal prometido"
Eles até foram para o sítio do tio Ovídio
Ele adorava o casal, dizia que poderiam se casar sem nenhum mal
O amor dos dois era realmente forte
Juntos praticavam algum tipo de esporte
Os dois, quando necessário, ofereciam suporte
E quando brigávam, logo, logo reatavam.

Quando se formaram no colégio, pensaram
"O que faremos de agora em diante?"
Mas os dois não conseguiriam ficar distantes
Pela condição financeira, Renata fez um cursinho de enfermeira
Humilde como era, Rodrigo começou a trabalhar na loja da dona Vera
Não era o que ele queria, mas pelo menos dinheiro para sair ele teria
"Poderei presentes para Renata dar", era o que ele pensava
Enquanto isso, a família dela se preocupava
"Vá para São Paulo, faça lá um estágio"
Quando Renata contou para ele, ficou chateado
Antes mesmo de se conhecerem, o futuro dela já estava planejado
Porém, nesta hora, a história é alterada, pois dela ela foi separada
Mas não pensem que é o fim da jornada
A mente de Rodrigo então ficou focada
Ele almejava o retorno de sua amada, como um cão
Mesmo trabalhando na pequena loja, Rodrigo sempre estava com um livro na mão
Já havia determinado sua profissão
E iria estar novamente com a sua paixão.

Em São Paulo, Renata estudava, mas algo faltava
A companhia daquele que com ela caminhava
Que sempre estava com ela, a ajudava e incentivava
Mas ela sabia que não seria abandonada
Mensagens e mais mensagens ela mandava
"Sinto muito sua falta, chegue logo e me abraça"
Três vezes por dia durante três mêses de agonia
A saudade que os dois sentia
Então Rodrigo, por indicação de um amigo, entrou em uma firma
E, na porta da casa desse amigo ele bateu
"Obrigado, vou rever o amor meu".

Como já sabia onde ela morava, resolveu chegar de surpresa
Ela estava morando com a tia, quando a campainha tocou ela estava sentada lendo sobre a mesa
Quando sua tia abriu a porta ela se assustou com a presença
Em mãos Rodrigo segurava um buquê das flores favoritas dela
Lembram do livro que ele sempre segurava? Era para aprender poemas para ela
Ele entrou sem alarmá-la lá na sala, e a tia dela teve a certeza
"O amor deles é uma verdadeira beleza".

O dinheiro recebido pela firma o possibilitou
De sua cidade para Diadema de avião ele voou
E, assim que na sala de jantar da tia de Renata ele chegou
Nos ombros dela ele tocou, ela se espantou, e forte o abraçou
Lágrimas sobre o peito dele ela derramou
O amor deles se apresentou, a saudade terminou
Não conseguindo se conter, ele a beijou
Sua tia não conhecia aquele rapaz, mas admirou
Um novo momento marcado na vida deles
Não sei, mas dizem que a tia dela fez um jantar para eles.

O tempo passou, e o apartamento que Rodrigo ficou
Ele o deixou para ter um lugar para eles morarem
Aquele lugarzinho que eles tornariam especial
Talvez se passaram dois anos, eles eram um verdadeiro casal
Chegou aquele momento do matrimônio, finalmente
Linda de vestido branco ela estava, ela brilhava
Ele avistou, por segundos, a garota que ele se apaixonou
Foi então que ele finalmente notou que tudo estava escrito
O destino já havia resolvido para os dois ficarem
"Você aceita essa mulher como sua legítima esposa
Na saúde e na doença, na tristeza e na pobreza,
Até que a morte os separem?"
Hoje estão com uma filha, Ludmila
Que faz doze anos na próxima quinta!

AteopPensador
Inserida por AteopPensador
1 compartilhamento

Eu sei que não sou a pessoa mais fofa desse mundo, que não sou nem um pouco madura, tudo que eu faço da algum problema, eu só atraio confusão, às vezes eu erro, também tenho muito ciúmes e tenho aquele medo exagerado de te perder, sei que eu faço palhaçada de tudo, e que nem sempre minhas piadas são engraçadas, meu humor às vezes então nem se fala, resumindo, eu nasci do avesso. Mas eu te peço por favor, não desiste de mim, não desiste de um nós, um dia vai dar certo, tem que dar, se não der, nós vamos dar um jeitinho para funcionar, igual sempre damos. Uma coisa eu sei, se a gente continua se chamando e conversando todo dia tem um motivo, ou e coisa do destino, mas vai dar tudo certo, confia em mim e por favor não desiste do jeito idiota dessa menina que tanto te ama...

Natália Antoniazzi
Inserida por NataliaAntoniazzi

"Algumas pessoas percebem que estão maduras quando em sua trajetória de vida, recebem elogios, e agradecimentos, por seu linguajar equilibrado, sua educação no trato com as suas relações, e por sua conduta no meio onde vive; Já algumas, não se percebem por total ignorância é falta de sabedoria no trato e zelo de si mesma." .

Pr. Cpl. Moacir J Laurentino
Inserida por MOACIRJOAOLAURENTINO

Colho estrelas maduras
No céu da sua boca
E as guardo em meu
Celeiro de magia
Pra alimentar
Minha solidão
Em noites de escuridão
Repletas de ausências.

Edna Frigato
Inserida por ednafrigato

Diz que é madura mas ainda chora vendo Titanic.

Gabriel Silva
Inserida por silvagabriel

Sou madura o suficiente para perdoar. Sou madura o suficiente para admitir um erro meu. Sou madura o suficiente para aguentar provocações. Sou madura o suficiente para esquecer o passado e viver um novo começo. Sou madura o suficiente; ao contrario de ser panaca, tonta, que não faz nada. Se até agora não movi um dedo meu, é porque não vale a pena. Se até agora não disse nada, é porque sou madura o suficiente para deixar entrar por um ouvido e sair pelo outro suas lorotas. Sim, eu sou uma mulher, e sou capaz de tudo, para realizar meus sonhos e ser feliz. Eu sou o madura suficiente para viver com tudo isso e ainda ter um sorriso estampado em meu rosto .

Isadora Alvarenga
Inserida por Isadoraalvarenga