Frases de Virginia Woolf

Cerca de 68 frases de Virginia Woolf

A vida é como um sonho; é o acordar que nos mata.

Virginia Woolf
WOOLF, V., Orlando, Nova Fronteira

Cada um tem o seu passado fechado em si, tal como um livro que se conhece de cor, livro de que os amigos apenas levam o título.

As mulheres, durante séculos, serviram de espelho aos homens por possuírem o poder mágico e delicioso de refletirem uma imagem do homem duas vezes maior que o natural.

É muito mais difícil matar um fantasma do que matar uma realidade.

Virginia Woolf
Woolf, V. Essay: Professions for Women. 1882-1941.

Escrever é que é o verdadeiro prazer; ser lido é um prazer superficial.

A coisa nenhuma deveria ser dado um nome, pois há perigo de que esse nome a transforme.

Uma paixão tão completamente centrada em si recusa o resto do mundo tal como a água límpida e calma filtra todas as matérias estranhas.

É fácil dizer-se que não é um grande livro. Mas que qualidade lhe faltará? Talvez a de nada acrescentar à nossa visão de vida.

O preço barato do papel é a razão por que as mulheres começaram por ter êxito na literatura, antes de o alcançarem noutras profissões.

Se você não contar a verdade sobre si mesmo, você não pode contar a verdade sobre as outras pessoas.

Virginia Woolf
The Moment and Other Essays (1947).

Nota: Trecho do discurso The Leaning Tower, dado em maio de 1940, em Brighton, na Inglaterra.

...Mais

Não se acha a paz evitando a vida.

Virginia Woolf
As Horas (2002)

Pensei o quanto desconfortável é ser trancado do lado de fora; e pensei o quanto é pior, talvez, ser trancado no lado de dentro.

Os olhos dos outros são prisões; seus pensamentos nossas celas.

Encarar a vida pela frente... Sempre... Encarar a vida pela frente, e vê-la como ela é... Por fim, entendê-la e amá-la pelo que ela é... E depois deixá-la seguir... Sempre os anos entre nós, sempre os anos... Sempre o amor... Sempre a razão... Sempre o tempo... Sempre... As horas.

O meu maior desejo sempre foi o de aumentar a noite para a conseguir encher de sonhos.

Sono, essa deplorável redução do prazer da vida.

Estas são as mudanças da alma. Eu não acredito em envelhecimento. Eu acredito em alterar para sempre o aspecto de alguém para a luz. Eis meu otimismo.

O efeito da morte sobre aqueles que continuam vivos é sempre estranho, e muitas vezes terrível, pela destruição de desejos inocentes.

De tudo que existe, nada é tão estranho como as relações humanas, com suas mudanças, sua extraordinária irracionalidade.

Algumas pessoas procuram os padres; outras a poesia; eu os meus amigos.