Frases de Jostein Gaarder

Cerca de 122 frases de Jostein Gaarder

Não é uma pergunta boba se você não souber responder.

Existe um mundo. Em termos de probabilidade, isso é algo que esbarra no limite do impossível. Teria sido muito mais fidedigno se, por acaso, não existisse nada. Nesse caso, ninguém teria começado a perguntar por que não havia nada.

Inserida por cauech

Quando eu morrer, o mundo terá se livrado de um louco. Ou isso, ou ele terá perdido o único normal. E então não terá mais importância quem era louco aqui, o mundo ou eu. De qualquer forma, o mundo terá a última palavra.

Inserida por thiagorocha22

Nós conversamos sem nos entender. Pusemo-nos a jogar um complicadíssimo jogo de bola, no qual havia demasiadas regras. Por mais que jogássemos, não havia bola que atingisse a meta.

Inserida por valdantas

Não é fácil encontrar uma pessoa numa cidade grande, e muito menos cruzar o caminho dela quando a gente quer. E as vezes é justamente isso que a gente quer. Mas quando duas pessoas estão empenhadas em se procurar, não é nenhum milagre elas acabarem se encontrando.

Inserida por valdantas

Para muitas pessoas, o mundo é tão incompreensível quanto o truque do mágico que tirou um coelhinho de uma cartola que estaria vazia.

Inserida por jennifer_texeira

Às vezes, sentir falta da pessoa que está na cama com você dói mais do que a saudade de quem está em outro continente...
(Saul Belezza - trechos de livros - O Castelo nos Pirineus (Jostein Gaarder)

Inserida por SaulBelezza

"... De nada serve acreditar que algo está certo se isso não contribui para ajudar uma pessoa em aflição...!".

Inserida por profeborto

Nem tudo o tempo reduz a pó. Sempre há um curinga no baralho, que atravessa os séculos fazendo seus malabarismos sem perder um dente de leite sequer.

Jostein Gaarder
O dia do curinga. São Paulo: Companhia das Letras, 1996.
Inserida por jessicadovale

Não podemos esperar compreender o que somos. Talvez possamos compreender realmente uma flor ou um inseto, mas nunca nós mesmos. E muito menos podemos esperar compreender todo o universo.

Jostein Gaarder
O Mundo de Sofia (1991).

Nota: Nesse trecho, o autor norueguês faz uma referência ao filósofo Immanuel Kant.

...Mais
Inserida por Missbelle

O delicioso jogo da vida não dá lugar a lembranças e ecos. Já tem muito que fazer consigo mesmo.

Ela não responde, aperta a minha mão com força e ternura - e é como se estivéssemos flutuando, levíssimos, no espaço sideral, parecemos fartos do leite intergalático, tendo o universo inteiro só pra nós.

Eu só tinha olhos para o que não existia.

Talvez não exista nenhuma intimidade equivalente a dois olhares que se encontram com firmeza e determinação, e além disso eles simplesmente não querem se separar.

Nós conversamos sem nos entender.

Inserida por valdantas

Será que a garota das laranjas era de outro planeta? Em todo caso, insinuou-se que ela poderia ser de um mundo diferente do nosso.

Inserida por valdantas

E se a morte eliminar a agonia da alma no momento em que extingue a consciência?

Para mim, os pássaros já não cantam, as flores não têm as mesmas cores e ninguém cheira o meu cabelo. Tão-pouco tenho quem me abrace. Partilhei o destino de Dido. Apesar de tudo, jamais lançarei fora o camafeu que neste momento aperto na minha mão.

É mais carnal reprimir o choro porque a dor fica retida dentro de nós como um fardo pesado.

Muitos homens envergonham-se mais de cultivar a amizade com uma mulher do que praticar com ela o amor carnal. Depois culpam o amor carnal de impedir a amizade sincera com uma mulher.