Marinho Guzman: Vale quanto vale... As pessoas valem...

Vale quanto vale...
As pessoas valem quanto valem.
Vale o velho ditado que dá para enganar muitos por algum tempo, alguns por muito tempo mas não dá para enganar todo mundo por todo o tempo.
Tem gente que enxerga longe e tem gente que não vê além do seu próprio umbigo. Tem gente que porque escreve umas bobagens originais acha que elas valem mais do que grandes frases de grandes pensadores.
A gente vale quanto vale e tem gente que não vale nada.
Vale quem lê, gosta e transcreve pensamentos de outros, vale quem tem idéias próprias e escreve coisas que as pessoas gostam.
Imagine-se que para ser original eu tivesse de compor ou cantar qualquer musica. Isso seria um desastre completo.
Escolher as músicas que me agradam, ouvi-las e indicar para meus amigos é o que basta.
Pesquisar no Google tem todos os méritos. Antes a gente tinha um trabalhão de ir ás bibliotecas e sair caçando livros dos amigos.
Hoje essa é uma das maneiras de se adquirir conhecimento. E isso não vale? Vale sim e vale muito.
Tem gente cuja capacidade de saber o que é bom e o que é ruim depende de críticas nem sempre isentas.
Uma coisa é certa. A gente aprende logo quem vale e quem não vale.
E aí, deleta!

2 compartilhamentos
Inserida por marinhoguzman