André Lucas de Almeida: É estranho se despedir de alguém que...

É estranho se despedir de alguém que te fez tão bem. Separar as coisas do passado, que não vão poder fazer parte do seu presente.
Nós se tornamos indiferentes. E nada pode segurar, pois o fim já chegou.
Isso vai passar, mas naquele momento decidi mudar.
Acredito que a vida pode mudar; ver os sonhos e pesadelos que enfrentamos.
Não, não acredito que foi em vão. Encontramos na vida, pessoas que nos fazem parar por dias e noites, meses e anos, mas nada é tão importante quanto o primeiro encontro, o primeiro olhar e nosso primeiro beijo.
Chorar por que acabou, ou sorrir por que aconteceu? Frase difícil de colocar na realidade. Tirar da teoria.
O dia vai nascer, e novas pessoas eu vou conhecer, e quem sabe encontre, alguém que me faça sorrir, me deixe sem fôlego como você deixou.
Não perdi você, você não me perdeu. Nós amadurecemos e ganhamos experiências.
Mas quem teve mais, sempre é o que recebe a noticia do fim.
Guardo cada pegada, cada jornada longe de um olhar que não vi passar.
Vivo, por toda eternidade em meu coração, em minha memória.
Você pode me ter feito feliz, mas hoje, lembrar de ti me corta ao meio. E tudo isso vai melhorar, quando eu decidir mudar.
Quando eu apagar você da minha vida, e o primeiro passo, vai ser dizer.
Adeus.

2 compartilhamentos
Inserida por andrenj