Monica Campello: Eu, o culpado! Jesus, o sacrifício pela...

Eu, o culpado!
Jesus, o sacrifício pela culpa!

Jesus se fez sacrifício uma vez por todas pela humanidade de modo que já não cabe mais nenhum sacrifício pelos seus pecados e pela sua salvação.

Basta reconhecer que pecou, assumir a responsabilidade pelo pecado cometido, não querer pecar de novo como manifestação do verdadeiro arrependimento, lembrando das palavras de Jesus à pecadora: “Vá e não peque mais” (Jo 8:11).

Se depois disso a mulher continuasse pecando, de nada teria adiantado o perdão de Jesus. O perdão do Senhor requer verdadeiro arrependimento para que ele permaneça ativo em nossas vidas. Verdadeiro arrependimento pressupõe erradicação do pecado pela nossa escolha e decisão de não pecar mais.

— Como sei que estou em pecado?
— Quando a tua mente te condena. (Rm 14:22; 1 Jo 3:21)

Assim, não é preciso ninguém apontar o dedo para nós, pois nós mesmos sabemos onde estamos pecando e sabemos exatamente o que precisamos fazer para nos livrarmos desse mal.

Eu quero mesmo me livrar desse mal que reconheço como pecado visto que a minha própria mente me condena?

Deus requer uma verdadeira entrega de corpo, mente, coração e espírito. Jesus se deu por inteiro de uma só vez e uma vez por todas; então, ele espera que façamos o mesmo, correspondendo ao princípio de “sermos à sua imagem e semelhança”.

a.C

“Ofereçam também um bode como sacrifício para tirar os pecados, além do bode que é oferecido para purificar o povo e além do sacrifício que é queimado e que é oferecido todos os dias.”
— Nm 29:11‬ —

d.C

“Mas somente o Grande Sacerdote entra na parte de trás, que é o Lugar Santíssimo, e isso apenas uma vez por ano. Ele oferece a Deus o sangue de animais, em favor de si mesmo e também pelos pecados que o povo cometeu sem saber que estava pecando.

Quando Cristo veio e entrou, uma vez por todas, no Lugar Santíssimo, ele não levou consigo sangue de bodes ou de bezerros para oferecer como sacrifício. Pelo contrário, ele ofereceu o seu próprio sangue e conseguiu para nós a salvação eterna.

Cristo não entrou num Lugar Santo feito por seres humanos, que é a cópia do verdadeiro Lugar. Ele entrou no próprio céu, onde agora aparece na presença de Deus para pedir em nosso favor.

O Grande Sacerdote entra, todos os anos, no Lugar Santíssimo, levando consigo sangue de um animal. Porém Cristo não entrou para se oferecer muitas vezes.”
‭‭— Hebreus‬ ‭9:7, 12, 24-25‬ ‭—

Qual é a dúvida?

Que cada um de nós possa escolher o bom caminho do Senhor e receber a sua salvação eterna uma vez por todas assim como foi o seu sacrifício.

Não existe mais nenhum sacrifício a ser feito. Nada se sobrepõe ao sacrifício vicário e eterno de Jesus Cristo.

1. Reconheço neste exato momento o pecado da minha vida;
2. Reconheço que sou o único responsável pelos meus pecados;
3. Reconheço a existência do diabo como pessoa espiritual maligna;
4. Reconheço que o diabo se aproveita de cada pecado que cometo, usando-o contra mim mesmo;
5. Reconheço que só Jesus pode me libertar do mal protocolado pelo diabo;
6. Reconheço que só Jesus pode me dar a salvação eterna;
7. Reconheço que só Jesus perdoa pecados, liberta de pecados e salva da morte eterna.

A oração: Jesus Cristo, assumo que pequei e me arrependo dos meus pecados, perdoe os meus pecados, livre-me do mal e me dê a tua salvação eterna. Amém 🙏🏽

“Não nos deixe cair em tentação” significa “Não nos deixe renegar a fé ou perder a fé por motivos mesquinhos, por medo, por interesses mundanos, e males afins.

Levante-se e ore o Pai Nosso com consciência a cada versículo.

Assunção de pecados: arrependimento necessário.

Deus nos socorra!