Deilson Ferreira: “ELE ERA” Ele era um cara de sonhos,...

“ELE ERA”

Ele era um cara de sonhos, ele era um cara de uma mulher só, ele era um cara que fazia de tudo para agradar sua nega, ele era um cara obcecado em casamento e ter filhos, ele era... Até beijar a boca de outra nega achando que era a boca certa com gosto desse beijo foi deixando seus sonhos de lado e se entregando a pessoa errada e quem sempre esteve ao seu lado foi deixado de lado. Com o tempo o frio tomou conta do seu relacionamento e a distancia entre os dois foi aumentando e aquele cara de uma nega só acabou ficando sem nenhuma e a solidão inundou seus sonhos, nas noites mal dormidas, nas noites de insônia a imagem delas sempre o assombrava, em sonhos seguidos de pesadelos. Procurou acalanto em outras bocas, fez morada nas noitadas e baladas se iludindo com uma felicidade passageira sempre procurando a nega dos seus sonhos, mas ele tinha tudo e hoje não tem nada, aprendeu a viver sem, mas nunca esquecerá o beijo daquela que um dia foi seu apogeu. Ele hoje com as marcas e cicatrizes marcada na sua alma ele se tornou insensível para o amor fechando a porta para as negas de boas intenções, dirigindo na contra mão do amor, vai vivendo procurando a felicidade e outras mulheres, hoje ele é um cara de vários contrastes, não curti amores e sim prazeres. Sempre carregando a esperança de um dia encontrar o seu anjo, sua cara metade. Enquanto ela não chega ele vai amando a vida e se entregando aos prazeres que ela pode proporcionar.

2 compartilhamentos
Inserida por deilson_ferreira